Eldorado do Sul, Guaíba e Região Carbonífera, 31 de Outubro de 2020. Página Inicial | Contato
SEÇÕES
Artigo
Educação
Eldorado do Sul
Especial
Geral
Guaíba
Produtos e Serviços
Região Carbonífera
Saúde
Flagrante na Foto
Anunciantes
LINKS
Portal Eldorado
Lantec
Envie sua Mensagem

Você é o visitante n°
31679314


Edicão n° 207 de Setembro de 2020


GERAL

Segurança avança e cria mais três áreas integradas de policiamento


O governador Eduardo Leite, assinou na tarde desta quarta-feira (30/9), a criação de
Áreas Integradas de Segurança Pública (AISP) de Pelotas, Rio Grande e Passo Fundo.
Com a integração do policiamento nessas regiões, sobe para 16 o número de cidades
com compatibilização das áreas de atuação pela Polícia Civil e Brigada Militar. A medida
faz parte das ações do programa RS Seguro para os 23 municípios priorizados pelo
planejamento estratégico.

"Além do empenho diário dos agentes de todas as nossas forças de segurança, a
articulação permanente entre as instituições da área da segurança tem sido fundamental
para seguirmos reduzindo, a cada mês, os indicadores de criminalidade em nosso
Estado. A medida assinada hoje é mais um passo nessa direção, integrando o
policiamento e fortalecendo o combate à violência em mais três dos municípios mais
populosos do Estado”, disse o governador Leite.

Mais do que uma premissa, a integração entre as forças de segurança é vista dentro do
RS Seguro como instrumento fundamental para ampliar a eficiência do combate à
criminalidade e a redução dos índices. Com esse objetivo, uma das ações estratégicas do
RS Seguro é a implantação das Áreas Integradas de Segurança Pública (AISP) no grupo
de municípios considerados prioritários para a Gestão Estatística em Segurança Pública
(GESeg). A seleção desses municípios se dá por meio de estudo da concentração dos
maiores indicadores de criminalidade violenta nos últimos anos, realizado pelo comitê
executivo do RS Seguro. Hoje o grupo reúne 23 cidades.

A AISP consistem na compatibilização das áreas territoriais de atuação nos municípios
pela Brigada Militar e a Polícia Civil, potencializando a integração e a atuação conjunta
na resolução dos problemas relacionados com a criminalidade.

Entendida como uma dimensão estratégica importante, a integração se baseia no
reconhecimento da complementariedade dos órgãos envolvidos e o comprometimento
das lideranças, sempre na busca do aprimoramento da eficiência e eficácia dos serviços
prestados à população.

Além disso, a compatibilização das áreas de atuação possibilita o trabalho conjunto na
identificação dos pontos de atenção, na priorização dos problemas a serem enfrentados,
no desenvolvimento dos planos de ação e no acompanhamento dos respectivos
resultados.

“Não tenho dúvida que avançamos na estratégia de intensificar o combate ao crime nos
municípios que concentram os maiores índices de violência. Os dados divulgados
mensalmente pela Secretaria da Segurança Pública comprovam a queda expressiva na
maioria dos indicadores criminais. A integração das áreas de segurança, possibilitando a
atuação conjunta das forças policiais e a troca de informações, reforça o nosso objetivo
de dar respostas mais incisivas onde a criminalidade ainda tem nível elevado”, afirma o
vice-governador e secretário da Segurança Pública, Ranolfo Vieira Júnior.

A criação das AISP tem sido realizada mediante a publicação de decretos do governo do
Estado, conforme cronograma estabelecido pelo Comitê Executivo do RS Seguro. A meta
é finalizar até o fim de 2020 a implantação nos 18 municípios que inicialmente
compuseram o grupo prioritário. Para os cinco novos que ingressaram em julho de 2020,
o estudo está em andamento. ...




Edição n° 207 - Setembro de 2020

Selecionar Edição
  • Edição n° 208
  • Edição n° 207
  • Edição n° 206







  • Av. Roque J. O. Giacomelli, nº 542, Pq. Eldorado - Eldorado do Sul - Fone (51) 3481 1821