Eldorado do Sul, Guaíba e Região Carbonífera, 22 de Abril de 2018. Página Inicial | Contato
SEÇÕES
Artigo
Educação
Eldorado do Sul
Especial
Geral
Guaíba
Produtos e Serviços
Região Carbonífera
Saúde
Flagrante na Foto
Anunciantes
LINKS
Portal Eldorado
Lantec
Envie sua Mensagem

Você é o visitante n°
18388245


Edicão n° 175 de Janeiro 2018


ESPECIAL

Obras da nova Delegacia de Polícia são retomadas em Guaíba


Paralisadas desde 2015, as obras da nova Delegacia de Polícia, na avenida Nestor de
Moura Jardim, foram reiniciadas nesta semana. O espaço, que terá 720 metros
quadrados, oferecerá melhor estrutura para atender a população.

“Será uma delegacia-padrão. Essa nova delegacia ajudará não só o policial e os
funcionários a terem melhores condições de trabalho, mas, principalmente, servirá para
as pessoas. Haverá sala especial para atendimento a vítimas mulheres, menores, sala da
OAB, entre diversas outras melhorias”, ressaltou o secretário de Mobilidade Urbana e
Segurança, Leonardo Gardel.

O prefeito José Sperotto destacou a necessidade da nova instalação:

“Eu costumo dizer que Guaíba, há anos, tem meia delegacia. Essa é mais uma
conquista, pois, foram inúmeras as vezes que nos reunimos com o governador José Ivo
Sartori, com o secretário de Segurança do RS, Cezar Schirmer, e com o deputado
estadual Ronaldo Santini, para solucionar essa questão, que, felizmente, foi destravada”,
completou.

A execução da obra, cuja previsão de conclusão é de oito meses, é de responsabilidade
da empresa guaibense Tarefa Construções LTDA.


Fotos: Gustavo Gossen ...

Novo acesso ao Píer de Guaíba é instalado


As pessoas que circulam pela Beira já devem ter notado uma diferença em frente ao Píer
de Guaíba, um dos cartões postais da cidade. Nesta semana, a estrutura recebeu um
novo acesso, de modo a oferecer mais conforto e acessibilidade, além de devolver o
espaço de circulação de pedestres.

Arquiteto e urbanista, o prefeito José Sperotto considerou que havia um erro na
construção anterior:

“A rampa de entrada invadia a calçada, que ficava reduzida à metade para os pedestres,
inclusive isso é vetado pelo Código de Posturas do Município. Agora, o passeio está
desobstruído, dando mais conforto e segurança para as pessoas que tanto apreciam a
nossa Beira”, ressaltou.

O secretário de Agricultura e Meio Ambiente, Selito Carboni, detalhou o trabalho:

“Tiramos o assoalho velho e botamos tábuas inteiras de seis metros, de fora a fora,
antes ficava aparecendo as emendas. Agora, ficou parelho, principalmente para um
cadeirante acessar o píer com mais facilidade. E, mais uma vez, reaproveitando
madeiras, ou seja, usamos material sem custo para a Prefeitura”, comentou.

Num segundo momento, será feita a revitalização de toda a extensão de mais de 50
metros da plataforma, embora essa etapa ainda dependa das condições financeiras do
município.


Fotos: Gustavo Gossen ...

Viagem Segura de Navegantes terá quatro dias de fiscalização intensa


DetranRS, Polícia Rodoviária Federal, Brigada Militar, Comando Rodoviário estão
mobilizados para a Viagem Segura de Navegantes, que tem início à zero hora desta
quinta-feira (1º). A 84ª edição da operação se estende por quatro dias, até a meia-noite
de domingo (4), com especial atenção para o Litoral, onde estará acontecendo também
festival de música na praia de Atlântida.

Além da fiscalização nas rodovias, a Balada Segura está trabalhando no Litoral para
prevenir acidentes provocados pelo consumo de álcool. A saída para o feriadão, na noite
de quarta (31) também será monitorada em Porto Alegre, quando Brigada Militar,
DetranRS, EPTC e Polícia Civil desenvolvem a já tradicional Megablitz.

Acidentes

Segundo levantamento do DetranRS, entre janeiro de 2007 e junho de 2017, a média
dos 15 feriados ou datas festivas em que ocorre a operação aponta 6,4 mortes por dia.
No feriado de Navegantes, a média é um pouco mais baixa: 5,5 mortes/dia. No ano
passado, foram 28 vítimas durante os cinco dias do feriado, considerando as que
morrem até 30 dias pós-acidente. Avaliando a média geral da acidentalidade no estado,
a análise aponta para 62% das vítimas fatais foram oriundas de acidentes que
ocorreram nas rodovias, contra 38% nas vias municipais.

Sobre a Viagem Segura

Com seis anos completados no último feriado de 15 de Novembro, a Operação tem como
principais parceiros Polícia Rodoviária Federal (PRF), Brigada Militar e Comando
Rodoviário da BM (CRBM), DetranRS e Polícia Civil. Também colaboram órgãos de
trânsito municipais (EPTC/ Porto Alegre), ANTT, DNIT, Cetran/RS, Daer, EGR, Famurs,
além de representantes da sociedade civil organizada, como o Lions Club e o Instituto
Zero Acidente.

Nas suas 83 edições anteriores, somou mais de 5,1 milhões de veículos fiscalizados e
885,4 mil infrações registradas. Foram recolhidos 85,2 mil veículos e 22,8 mil Carteiras
Nacionais de Habilitação em situação irregular. No período, foram aplicados 181,7 mil
testes de etilômetro, que resultaram em 15,2 mil infrações por alcoolemia. Dos
condutores autuados por teste de etilômetro positivo, 5,8 mil foram enquadrados em
crime de trânsito (quase 38,5%), por terem resultado igual ou superior a 0,34 miligrama
de álcool por litro de ar expelido dos pulmões. Outros 2,2 mil condutores se recusaram a
fazer o teste. Todos responderão pelas sanções administrativas dos artigos 165 e 165-A
do Código de Trânsito Brasileiro: multa de R$ 2.934,70 e suspensão do direito de dirigir
por um ano (além da retenção do veículo e do documento). ...

Eldorado do Sul adere ao sistema de PPP para melhorar serviço de saneamento


Eldorado do Sul será o segundo município a formalizar adesão à Parceria Público-Privada
(PPP) proposta pela Corsan, para universalizar os serviços de coleta e tratamento de esgoto
em nove cidades da Região Metropolitana em 11 anos. Nesta quarta-feira (31), a Secretaria
de Obras, Saneamento e Habitação, a Corsan e a prefeitura firmam termo aditivo ao
convênio de cooperação existente entre o Estado e o município. A assinatura é um
antecedente necessário para a concretização da PPP.

Com o aditivo, autoriza-se que o serviço de esgotamento sanitário no município seja
prestado por meio de PPP. Também haverá o alargamento do prazo do convênio de
cooperação, que valerá por 37 anos a contar da assinatura do termo aditivo. Além disso,
por meio desse ato, Estado e município reafirmam suas obrigações com os serviços de
abastecimento de água e esgotamento sanitário, além da escolha da Companhia como a
executora dessas atividades. Assinam o documento o secretário de Obras, Saneamento e
Habitação, Fabiano Pereira, o diretor-presidente da Corsan, Flávio Ferreira Presser, e o
prefeito de Eldorado do Sul, Ernani Gonçalves.
...

Representantes da Brigada Militar e Policia Civil se reúnem com prefeito em exercício de Butiá


A segurança pública de Butiá esteve em discussão na tarde desta quarta-feira, 24, em
reunião solicitada pelo prefeito em exercício, Cadoda Santos, juntamente com o
Comandante do Pelotão da Brigada Militar do município, Tenente Maurício Abraão, do
Major Alexander, do 28º BPM, e do Delegado Carlos Onello Ferreira. Além disso,
estiveram presentes os vereadores Joel Maraschin, Paulo Rogerio e a vereadora Taila
Medeiros, representando o Legislativo. A imprensa local também acompanhou o
encontro.

Em pauta, estavam ações para combater os recentes registros de furtos, homicídios e
troca de tiros, principalmente, em alguns pontos específicos do município. O prefeito em
exercício, Cadoda Santos, ressaltou que reconhece o trabalho que a Brigada Militar e a
Polícia Civil desenvolvem mesmo com a falta de efetivo.

“Nós temos que parabenizar as forças policiais pela coragem demonstrada todos os dias
na luta contra crime. E em momento algum duvidamos do serviço prestado pelos
policiais que se esforçam para proteger nossa comunidade”, afirmou Cadoda Santos.

Após a conversa, ficou definido que algumas medidas serão tomadas pela Brigada
Militar, através do 28º BPM. Além disso, Cadoda Santos colocou-se a disposição para
contribuir na luta por melhores condições no trabalho da Brigada Militar e Polícia Civil.

...

Febre amarela: tempo de proteção da vacina fracionada ainda é desconhecido


A estratégia de fracionamento da vacinação contra a febre amarela, adotada pelo
Ministério da Saúde, continua gerando dúvidas por parte da população e autoridades do
setor. Para o infectologista do Complexo Hospitalar Edmundo Vasconcelos, Artur
Timerman, a proteção deste tipo de vacina ainda é desconhecida.

Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), o fracionamento só deve ser usado
em casos de emergência, como ocorre nos estados de São Paulo, Rio de Janeiro e Bahia,
onde foi identificada a circulação do vírus. Timerman, porém, explica que, por não existir
constatação do tempo de proteção, é preciso manter acompanhamento médico
constante da população imunizada.

"O fracionamento é melhor do que nada, mas o fato é que as pessoas vão ter que ser
seguidas de perto com acompanhamento de exames de sangue para saber quanto
tempo demoram a perder a imunidade. Após este período, as autoridades deverão
avaliar a necessidade de uma dose de reforço", salienta o especialista, que também é
presidente da Sociedade Brasileira de Dengue e Arboviroses.

Todo o processo de intensificação de combate à doença, segundo Timerman, foi feito de
forma tardia. "Esse atropelo, que está acontecendo agora, não era para ter ocorrido.
Desde julho de 2016, sabemos que estão morrendo macacos em vários locais do Brasil.
Nesta época, já devíamos ter iniciado um programa de vacinação", afirma o médico.

A fim de evitar as complicações e mortes por febre amarela, a OMS recomenda a
confirmação dos exames dentro de 24 horas. O infectologista esclarece que este período
diminui as possibilidades da evolução do quadro. "O diagnóstico precoce é de extrema
importância. Apesar de não obrigatoriamente impedir a evolução do paciente para
formas mais graves da doença, as chances de reduzir essa possibilidade são reais", disse
Timerman.

Para conseguir a confirmação de forma rápida, porém, é preciso ficar atento aos
sintomas. "Caso o paciente apresente febre alta, mal estar, dores no corpo e alteração
no fígado, é importante realizar exame de sangue. E, se constatada a doença, o primeiro
passo é a internação", enfatiza o especialista.



COMPLEXO HOSPITALAR EDMUNDO VASCONCELOS

Localizado ao lado do Parque do Ibirapuera, em São Paulo, o Complexo Hospitalar
Edmundo Vasconcelos atua em mais de 50 especialidades e conta com cerca de 1.000
médicos. Realiza aproximadamente 12 mil procedimentos cirúrgicos, 13 mil internações,
230 mil consultas ambulatoriais, 145 mil atendimentos de Pronto-Socorro e 1,45 milhão
de exames por ano. Dentre os selos e certificações obtidos pela instituição, destaca-se a
Acreditação Hospitalar Nível 3 - Excelência em Gestão, concedida pela Organização
Nacional de Acreditação (ONA) e o primeiro lugar no Prêmio Melhores Empresas para
Trabalhar Saúde - Hospitais, conquistado em 2017. ...

Pesquisar preços ajuda a economizar na compra do material escolar


A aproximação do início de mais um ano letivo leva milhares de pessoas ao comércio e,
como não poderia deixar de ser, a busca pelo melhor preço é uma constante.
Levantamento realizado pela Federação das Câmaras de Dirigentes Lojistas do Rio
Grande do Sul – FCDL-RS mostra que, a exemplo dos últimos anos, o preço é o fator
decisivo no momento da compra do material escolar.

A tarefa dos pais será árdua em 2018, pois de acordo com o IPCA-IBGE os itens de
papelaria (que inclui a maior parte do material escolar) tiveram uma alta de preço de
15,82% na Região Metropolitana de Porto Alegre nos últimos doze meses. O índice é
muito maior do que a inflação oficial de 2017, que foi de 2,52%. Portanto, será
fundamental pesquisar bem os preços antes de comprar.

- A alta de preços é um fator que onera as famílias. Por isso, é importante que os pais
observem alguns detalhes na hora de comprar o material escolar. Por exemplo, não há
necessidade de se fazer estoque dos produtos, uma vez que muitos artigos acabam
tendo o preço reduzido a partir de março, a exemplo que acontece em qualquer ramo
varejista após a alta sazonal de consumo – ressalta o presidente da FCDL-RS, Vitor
Augusto Koch.

Uma recomendação útil é que os pais das crianças em idade escolar façam a maior parte
das compras desacompanhada dos filhos, que muitas vezes não entendem as
dificuldades financeiras e querem caderno e mochilas com os personagens da moda. Um
caderno ou estojo comum, pode custar a metade do preço daqueles que usam a imagem
de personagens. Se for um material sem ilustração, a economia pode ser de até 75%.

- O material escolar é um item básico e, por mais que tenha a diminuição do consumo
causado pelas dificuldades da nossa economia, os pais precisam investir. Então, a
solução é comprar produtos mais econômicos e que tenham maior durabilidade. Já os
lojistas apostam em descontos para pagamentos à vista. Assim, chamam atenção dos
consumidores e complementam as vendas nesse início de ano. Outra recomendação é
buscar apenas itens que possuem a certificação do INMETRO. – reforça Vitor Augusto
Koch.

O proprietário da Martini Papelaria, em Alegrete, Deonir Martini aponta as promoções
como um dos atrativos que a loja disponibiliza para seus clientes nesse período de busca
pelos artigos escolares.

- Entendemos que a oferta de descontos especiais ajuda os pais a adquirir o material
escolar necessário. Comprar à vista é uma opção que viabiliza um diferencial de preço e
acaba sendo a preferida dos nossos clientes, que não querem deixar para pagar durante
o ano – destaca.

A loja promove, ainda, uma ação social com desconto na compra de uma mochila nova
quando o cliente entrega sua mochila usada em bom estado de conservação. Os itens
recebidos são repassados para entidades assistenciais de Alegrete. ...

Prefeitura de Butiá irá adquirir R$ 500 mil em equipamentos para Postos de Saúde


Nos próximos dias a Prefeitura de Butiá, através da Secretaria Municipal de Saúde (SMS),
estará lançado o edital para aquisição de novos equipamentos para todos os Postos de
Saúde. Ao todo, serão investidos R$ 500 mil.

De acordo com o Secretário de Saúde do município, Valmir Pereira, o objetivo é qualificar
ainda mais o serviço prestado aos pacientes da Rede Municipal de Saúde. Serão 46 tipos de
materiais, entre autoclave (aparelho de esterilização), desfibrilador externo, nebulizador e
aparelho de raio-x odontológico, por exemplo.

Os novos equipamentos terão como destino as unidades do Posto Central, Unidade Básica
de Saúde (UBS) – São José / Vila Nova e as Estratégias de Saúde Familiar (ESFs) dos
bairros Vila Julieta, Charrua e Cidade Baixa /Medianeira.

Fonte: ASCOM Butiá
Foto meramente ilustrativa ...

Disque Vigilância 150 esclarece dúvidas sobre a febre amarela


A população que busca esclarecimentos sobre a febre amarela e a vacina que previne a
doença pode utilizar o Disque Vigilância 150. O serviço, vinculado ao Centro Estadual de
Vigilância em Saúde, orienta sobre sintomas, formas de transmissão da doença, quem
pode se vacinar e locais de vacinação. O atendimento com pessoal especializado ocorre
de segunda a sexta, das 8h30 às 22h, e nos sábados, domingos e feriados, das 8h às
20h.

No Rio Grande do Sul, a vacina está disponível em todos os municípios. A prioridade é
imunizar quem planeja viajar para áreas consideradas de maior risco de exposição,
como locais de matas, florestas, rios, cachoeiras, parques e o meio rural com circulação
do vírus. Atualmente, as áreas de risco no Brasil são: estados do Rio de Janeiro, São
Paulo, Bahia e da Região Norte. Nesses casos, a orientação é fazer a vacina dez dias
antes da viagem. A cobertura vacinal no RS atinge, hoje, cerca de 70% da população.

"Quem ainda não se vacinou pode procurar a unidade de saúde mais próxima da sua
residência, de forma tranquila e sem pânico", recomenda o secretário da Saúde, João
Gabbardo dos Reis. Quem já foi imunizado não precisa de dose de reforço. A vacina está
indicada a partir dos 9 meses de idade e faz parte do calendário de vacinação infantil.
Gestantes, idosos e imunodeprimidos devem avaliar com seu médico os riscos e
benefícios da imunização.

Sintomas

A febre amarela é uma doença febril aguda, causada por um arbovírus (vírus transmitido
por mosquitos). Os primeiros sintomas são inespecíficos, como febre, calafrios, cefaleia
(dor de cabeça), lombalgia (dor nas costas), mialgias (dores musculares) generalizadas,
prostração, náuseas e vômitos. Após esse período inicial, geralmente ocorre declínio da
temperatura e diminuição dos sintomas, provocando sensação de melhora no paciente.
Em poucas horas - no máximo, um ou dois dias - reaparece a febre, a diarreia e os
vômitos têm aspecto de borra de café.

Os casos de febre amarela no Brasil são classificados como silvestre ou urbana, sendo
que o vírus transmitido é o mesmo. A diferença entre elas é o mosquito vetor envolvido
na transmissão.
Na urbana, o vírus é transmitido ao homem pelo mosquito Aedes aegypti. Desde 1942
não é registrado nenhum caso no Brasil.

Na silvestre, os mosquitos dos gêneros Haemagogus e Sabethes transmitem o vírus e os
macacos são os principais hospedeiros; nessa situação, os casos humanos ocorrem
quando uma pessoa não vacinada entra em uma área silvestre e é picada por mosquito
contaminado.

Na sazonalidade 2008/2009, o RS registrou 21 casos da febre amarela silvestre em
humanos. Desde 1999, é realizada a vigilância de mortes de macacos, com o objetivo de
verificar e antecipar a ocorrência da doença, pois a mortalidade destes animais pode
indicar a presença do vírus em determinada região. Dessa forma, é possível fazer a
intervenção oportuna para evitar casos humanos, por meio da vacinação das pessoas, e
também evitar a urbanização da doença, controlando os mosquitos transmissores nas
cidades.
...

Governo reorganiza número de escolas em função da redução na procura por vagas


Para oferecer um ensino com mais qualidade, priorizando as instituições que têm maior
capacidade de receber novos alunos, o governo do Estado, por meio da Secretaria da
Educação (Seduc), reorganiza o número de escolas em função da redução na procura
por vagas. Em Porto Alegre, seis escolas foram fechadas. Entretanto, existem
instituições próximas aptas a receber a transferência dos alunos. Não receberão
matrículas para 2018 as seguintes escolas estaduais de Ensino Fundamental: Alberto
Bins (Santa Tereza), Benjamin Constant (São João), Oswaldo Aranha (Vila Ipiranga),
Doutor Miguel Tostes (Ipanema), Marechal Mallet (Vila Jardim) e Plácido de Castro
(Higienópolis).

De acordo com o secretário da Educação, Ronald Krummenauer, nos últimos 15 anos,
houve uma redução de 1,5 milhão para 900 mil estudantes na rede estadual - uma
queda de 40%. O principal motivo é a diminuição da taxa de natalidade, fenômeno que
ocorre no Rio Grande do Sul e em todo o Brasil. “A partir da necessidade de uma
infraestrutura menor, estamos realizando o melhor aproveitamento da estrutura e dos
profissionais. Qualificando a gestão, os maiores beneficiados serão os alunos, pois terão
oferta de vagas em locais de qualidade”, explicou.

Os prédios das escolas que ficarão vazios terão dois destinos: os do Estado poderão ser
utilizados pelos demais órgãos estaduais que hoje funcionam em espaços alugados, e os
que são de propriedade do município serão devolvidos e funcionarão como escolas de
Educação Infantil.

Ajustes para 2018

Atualmente, a rede pública estadual conta com 2.545 escolas. A partir dos estudos da
Seduc, não é intenção fechar turmas de noturno ou de Educação de Jovens e Adultos
(EJA). Os ajustes devem ser feitos conforme o comportamento da demanda por vagas,
não havendo um número definido de escolas a serem fechadas. O trabalho leva em
consideração critérios como localização e não, necessariamente, serão fechadas escolas
que tiverem redução de turmas. ...

Mais de sete mil motoristas já utilizam a CNH Digital


Um mês depois de ser disponibilizada no Rio Grande do Sul, a Carteira de Habilitação
Digital está sendo utilizada por 7.098 motoristas. O RS foi um dos seis primeiros estados
do Brasil a adotar o documento digital antes do prazo de 1º de fevereiro.

A CNH-e é uma versão virtual da carteira de motorista. O documento digital tem o
mesmo valor jurídico do documento impresso, podendo o condutor optar por utilizá-lo
ou não.

Para utilizar a CNH-e, o motorista deve ter um documento no novo modelo, que contém
o QR Code (código escaneável em aparelhos eletrônicos) na parte interna. Todos que
tiveram a CNH emitida após 2 de maio de 2017 já têm esse modelo. Se o condutor
ainda possui o documento antigo, sem o QR Code, pode esperar a próxima renovação ou
pedir uma segunda via do documento, em qualquer Centro de Formação de Condutores
(CFC).

Antes de baixar o app no Google Play Store ou na App Store, o condutor deve ter um
número de celular e um endereço de e-mail cadastrados na base do Denatran. Para isso,
ele tem duas opções: dirigir-se a qualquer CFC, informar os dados - caso não estejam
atualizados - e, então, cadastrar-se no Portal de Serviços do Denatran; ou, ainda, para
quem tem certificação digital, comunicar todos os dados diretamente no Portal do
Denatran.

Atenção!

O Detran RS, no entanto, faz um alerta para aqueles que optarem por utilizar o
documento digital. Embora a CNH-e seja acessível off line, sem necessidade de conexão
wi-fi ou dados móveis habilitados, é preciso estar atento para a bateria e o correto
funcionamento do aparelho.

Para efeito de fiscalização, se o aparelho estiver descarregado ou não estiver
funcionando, será considerado que o condutor não está portando o documento. Ele será
autuado com base no artigo 232 (conduzir veículo sem os documentos de porte
obrigatório), uma infração leve que prevê multa de R$ 88,38, três pontos na CNH e
retenção do veículo até a apresentação do documento. ...

BR-290 terá bloqueios para obra da nova ponte do Guaíba


A partir desta sexta-feira (19), a BR-290, na região das ilhas, terá alguns bloqueios para
realização das obras da nova ponte do Guaíba, que está sendo feita pelo Consórcio Nova
Ponte do Guaíba. Esses bloqueios são necessários para a cravação de 112 estacas de
concreto no Guaíba, que compõem a fundação da estrutura da ponte, na altura do km
100, na ponte do Saco da Alemoa, sentido Eldorado do Sul.

Os serviços serão realizados diariamente pela manhã e pela tarde, sempre durante os
içamentos do vão móvel. Quando não houver içamento previsto, o tráfego será
bloqueado às 9h30 e às 14h30, durante cerca de 20 minutos, de segunda a sábado. Por
questões de segurança, mesmo quando as interrupções não forem em função de
içamento, também acontecerão nas cancelas do vão móvel, porém apenas no sentido
Eldorado do Sul, e serão conduzidas pela Polícia Rodoviária Federal com apoio da Triunfo
Concepa.

Os trabalhos de colocação das estacas têm duração prevista para 30 dias, podendo se
estender conforme o andamento da obra. A Triunfo Concepa divulgará em seu perfil no
Twittter (www.twitter.com/triunfoconcepa), no site e no app, diariamente, sempre que
houver bloqueios além dos já frequentemente noticiados em função de içamentos do vão
móvel.
...

Plataforma online conecta médicos e pacientes e barateia serviços de saúde


Desemprego, dificuldades em arcar com os custos de um plano de saúde privado e as
longas filas de espera por um atendimento do Sistema Único de Saúde (SUS) são os
principais fatores que lideram a lista de razões que tem levado cada vez mais brasileiros
a deixarem o plano de saúde de lado e aderirem à tecnologia em busca de um
atendimento de qualidade.

As plataformas de saúde chegam com a proposta de oferecer uma alternativa aos planos
de saúde e ao SUS. Por meio de filtros que incluem raio de distância e valor, o aplicativo
conquista cada vez mais usuários das classes B e C. De um lado um paciente que
precisa de um diagnóstico ágil e por um valor que possa pagar, do outro médicos e
laboratórios saturados por burocracia e dificuldades no recebimento, presentes nos
modelos atuais.

Para Vitor Moura, CEO da Vida Class, o aplicativo também ajuda a diminuir as filas do
Sistema Único de Saúde (SUS), onde a população chega aesperar até seis meses para
agendar uma consulta ou exame. "Você passa de meses a anos para ser atendido e
enquanto isso acontece, as doenças estão se agravando e esses brasileiros são
esquecidos e morrem nas filas. Portanto, dar acesso rápido a um exame e uma consulta
acelera o diagnóstico", alerta o CEO, dando ênfase ao impacto social que a Vida Class
gera.

Ainda de acordo com ele, a plataforma também se baseia em um serviço democrático
para todas as partes. "Nós não definimos o valor que os médicos vão cobrar. Parte deles
definir quanto será o preço da consulta, mas recomendamos que o custo disponível na
plataforma seja o mais atrativo possível.

"Conheci a Vida Class através da indicação de uma colega. Estou inscrito na plataforma
há pouco tempo, mas já posso perceber as vantagens. Todo mês recebo pacientes
novos, que me contatam através do aplicativo. Está sendo positiva a experiência, já que
a cada mês, faço mais contatos"- relata João Paulo da Cunha Lima, médico urologista e
parceiro da Vida Class.

Outra vantagem que a plataforma leva ao consumidor são os descontos em diversos
medicamentos. Além do usuário encontrar um serviço médico de acordo com suas
necessidades em apenas alguns cliques, ele tem a opção de assinar a Vida Class Farma,
que possibilita acesso a descontos em mais de 22 mil farmácias em todo o país, com
abatimentos de até 60% em 95% dos medicamentos.

Sobre a Vida Class

A Vida Class é uma companhia iniciante, totalmente digital, que promove acesso a
serviços médicos, dentistas, exames de imagens e laboratoriais, consultas
multiprofissionais com valores acessíveis, sem pagamento de mensalidade e/ou taxa de
adesão. Iniciou as suas operações em soft opening, a startup foi criada por um grupo de
sócios, entre eles Vitor Moura que hoje comanda a empresa. Conta com mais de 10 mil
parceiros em 12 capitais e 99 cidades, e ainda mais de 22 mil farmácias na rede de
descontos. ...

BM lança operação para reduzir o número de furtos e roubos de veículos em Porto Alegre


A Brigada Militar (BM) lançou, nesta quinta-feira (18), no Largo Glênio Peres, no Centro
de Porto Alegre, a Operação Avante de repressão qualificada com foco na redução das
ocorrências de roubo e furto de veículos na capital. O objetivo é atuar com a Tropa de
Choque da corporação para ampliar a percepção de segurança junto à população.

A Operação Avante vai trabalhar com planejamento estratégico, ênfase na
operacionalidade, visibilidade do policiamento ostensivo e ações de saturação em áreas
determinadas. As ações vão se concentrar especialmente em bairros da Zona Norte de
Porto Alegre, onde a incidência de crimes é maior.

De acordo com o comandante do Policiamento da Capital, coronel Jefferson de Barros
Jacques, a ação da BM é intensa. "Porém, a atividade criminal também é. O objetivo é
reforçar as ações e trabalhar para reduzir o indicador. Vamos ocupar os logradouros de
maior incidência, abordando, executando ações de barreira, patrulhas de contenção.
Esperamos, com essas ações, que serão diárias, proporcionar mais proteção e segurança
para a população", destacou.

O efetivo empregado é de cerca de 170 homens, de oito pelotões, que vão atuar na
Zona Norte, nos bairros Rubem Berta, Passo das Pedras, Jardim Itu-Sabará, Vila
Ipiranga, Vila Jardim e Petrópolis. Também haverá ações na Zona Sul, com a
intensificação nas áreas do complexo Grande Cruzeiro, Menino Deus e Azenha, e em
alguns bairros da Zona Sul, como Cavalhada e Assunção. Na área central, o foco são os
bairros Floresta, Rio Branco e Santa Cecília.

O coronel Jacques lembrou que a intenção é neutralizar o latrocínio. "O objetivo é
proteger e estar próximos. Pedimos que as pessoas usem o 190, pois a informação é
imprescindível. Quanto mais rápido se informa um roubo de veiculo, mais rápido temos
a capacidade de reação, de cerco, prisão, captura e recuperação", explicou.

No ano passado, o CPC registrou um índice de 57% de recuperação de veículos
roubados, além de um grande número de prisões em flagrante, que decorrem da ação
imediata, e também de prisões pós-roubo, que é o flagrante por receptação.

Atualmente, os índices de recuperação de veículos em Porto Alegre são altos. Somente
em 2017, foram 5.287 carros recuperados.

Produtividade

A Brigada Militar registrou, durante o ano de 2017, em Porto Alegre, a apreensão de
1.138 armas de fogo e de 1.045 quilos de drogas (maconha, cocaína e crack), o
cumprimento de 379 mandados de prisão, e a prisão de 967 foragidos e de 1.545
pessoas por tráfico (em um total de 10.524 presos em Porto Alegre ...

Susepe desencadeia operação na Penitenciária de Alta Segurança de Charqueadas


Para manter a ordem e a disciplina no ambiente prisional, o Departamento de Segurança e
Execução Penal (DSEP), da Superintendência dos Serviços Penitenciários (Susepe),
executou uma nova operação na Penitenciária de Alta Segurança de Charqueadas (Pasc). A
ação ocorreu na manhã desta quinta-feira (18), e teve o objetivo de desarticular possíveis
lideranças negativas.

Participaram 25 agentes penitenciários. Entre eles, servidores da casa prisional, integrantes
do Grupo de Ações Especiais da Susepe (Gaes) e também da Divisão de Inteligência
Penitenciária (Dipen).

Todas as ações são planejadas e coordenadas pelo DSEP. Segundo o diretor do
departamento, Ângelo Carneiro, “seguimos firmes e integrados, buscando desarticular as
lideranças negativas junto aos apenados". ...

Banrisul lança maior programa gaúcho de crédito para micro e pequenas empresas


Representando um terço do PIB e mais da metade dos empregos formais do Estado, as
300 mil micro e pequenas empresas do Rio Grande do Sul terão um novo instrumento
para dinamizar seus negócios e gerar emprego e renda. O Banrisul lançou o maior
programa gaúcho de crédito da história voltado a esse segmento: o Crédito Simples
Banrisul, que direcionará inicialmente R$ 1,5 bilhão em financiamentos.

O anúncio foi feito nessa quinta-feira (18), na sede do Banco, em Porto Alegre, com a
presença do governador do Estado, José Ivo Sartori; do vice-governador José Paulo
Cairoli; secretários estaduais; representantes dos poderes legislativo e judiciário e de
entidades empresariais e da diretoria do Banrisul.

O governador José Ivo Sartori destacou que o lançamento desse programa simboliza o
novo momento que vive o Rio Grande do Sul. “Somos, hoje, um estado que avança e
não se omite diante do que é necessário para reverter a crise. A atividade econômica
começa a reagir e os números melhoram e tenho certeza: vamos ter um 2018 muito
melhor do que 2017”.

Sartori salientou que tudo isso traz um efeito muito positivo para toda a economia.
“Com mais confiança, os investimentos são retomados e a população tem mais acesso a
emprego e renda. É nesse contexto que o Banrisul lança o maior programa de crédito
para micro e pequenas empresas da história do Rio Grande do Sul. Recursos que vão
beneficiar, lá na ponta, a vida das comunidades”. Ele enfatizou que o programa é um
apoio para que os empreendedores continuem crescendo e gerem mais trabalho.

O presidente do Banrisul, Luiz Gonzaga Mota, salientou que a expectativa com o
programa é a conquista de um novo marco no Rio Grande do Sul. “Queremos construir
um estado moderno e prestar um serviço cada vez melhor à sociedade e, nesse
contexto, os micro e pequenos empresários possam ter condições para crescer de
maneira autônoma”. O executivo frisou que o papel do Banrisul é ser o agente de
fomento do Estado, contribuindo para gerar emprego e renda às comunidades gaúchas.


SEGMENTO QUE CRESCE


Com tíquete médio projetado de R$ 5 mil, a linha de crédito busca oferecer
oportunidades e atender às demandas dos empreendedores – que, diante dos sinais
positivos no cenário econômico nacional e regional, passam a ter à disposição um aporte
de recursos financeiros.
Na condição de agente de desenvolvimento econômico e social, o Banrisul lança a
iniciativa visando um segmento que, ao longo dos últimos 30 anos, passou a ter uma
importância crescente no país. As micro e pequenas empresas constituem um dos
principais pilares de sustentação da economia brasileira – tanto pela capacidade
geradora de empregos como pelo número de estabelecimentos disseminados
geograficamente.

COMO FUNCIONA O PROGRAMA

O acesso ao programa será facilitado. Além dos atuais clientes do Banrisul, também
poderão aderir ao financiamento empresas que desejam iniciar o relacionamento com a
instituição. Para isso, basta fazer contato com qualquer agência e efetuar a abertura de
conta e cadastro. Seguindo as normas bancárias, as operações de crédito estarão
sujeitas à análise.

O programa contempla um conjunto de soluções comerciais diferenciadas, tendo como
referência uma nova modalidade de crédito para o segmento – denominada Crédito
Simples Banrisul. A linha agrega facilidades como a utilização da rede de adquirência
VERO, antecipação de recebíveis, conta empresarial, cartão de crédito empresarial,
fornecimento de equipamentos Vero Mobile, manutenção e atendimento com agilidade e
eficiência.

O Programa Especial de Crédito para Micro e Pequenas Empresas – Crédito Simples
Banrisul possui a importância e o alcance que permitirão a inserção do Rio Grande do
Sul na vanguarda de iniciativas que proporcionam a retomada do crescimento
econômico.


--
...

Assinada a transferência de área para o presídio federal em Charqueadas


Charqueadas, na região Centro-Sul do Rio Grande do Sul, receberá o primeiro presídio
federal de segurança máxima dos cinco anunciados pelo governo brasileiro. A doação de
duas áreas do município para a instalação da unidade foi formalizada, nesta sexta-feira
(19), pelo governador José Ivo Sartori e o ministro da Justiça e Segurança Pública,
Torquato Jardim, no Palácio Piratini. O processo de construção deve iniciar em fevereiro
e a previsão de conclusão é para dezembro deste ano.

A nova unidade está estimada em R$ 42 milhões e terá capacidade para 218 presos de
maior potencial ofensivo, com emprego de 250 agentes federais e a contratação de 70
servidores. As áreas repassadas à União somam 252 mil metros quadrados, o
equivalente a 25 hectares, avaliadas em mais de R$ 500 mil.

"A construção do presídio federal aponta um caminho de ganho para todo o Brasil, mas
em particular ao Rio Grande do Sul. E de nossa parte, estamos adiantados. Somos o
primeiro estado brasileiro em condições de dar início ao processo de construção",
afirmou o governador. "Digo e repito: em segurança, não há milagre. Há trabalho.
Seguiremos trabalhando sem alarde e com seriedade. Temos caminho e esperança para
construir um futuro melhor para gaúchas e gaúchos", completou.

O secretário da Segurança, Cezar Schirmer, comemorou o ato como relevante para o
enfrentamento do crime e violência. "Estamos atendendo a um pedido do governador
Sartori para diminuir a criminalidade no RS. Se não fosse a presteza do ministro e sua
equipe, não teríamos alcançado o êxito que foi a Operação Pulso Firme (que transferiu
presos de grandes periculosidade para presídios federais) e agora recebemos o
presídio", agradeceu.

O ministro Torquato Jardim disse que esse é "um passo de muita certeza a caminho da
esperança". Para Jardim, nos dias atuais, depois da economia, a segurança pública é o
tema que mais desafia e preocupa a sociedade brasileira.

"Em muitos estados foi mais fácil encontrar prefeitos dispostos do que governadores.
Sartori foi o primeiro que, de fato, se colocou à disposição", afirmou. "[Após o anúncio
de novos presídios federais] uma campanha insidiosa e desinformada indispôs a
população de muitas cidades, mas a verdade é que uma prisão federal não contribui
para o aumento da insegurança. Nenhum presídio aumenta a criminalidade, e, de lá,
ninguém foge ou escapa", explicou o ministro.
O prefeito Simon Heberle de Souza lembrou da relevância do município pela presença de
penitenciárias que beneficiam o combate ao crime em nível estadual. "Charqueadas está
se colocando à disposição do Estado, não só para receber esse presídio, mas para
resolver também os problemas de segurança. Entendemos que essa é uma dificuldade
de todo o RS, por isso, peço aos prefeitos que também se coloquem à disposição para
resolver os problemas da sociedade. Estamos sempre de peito aberto, sem medo de
fazer qualquer tipo de enfrentamento", disse.

Esforço estadual

A instalação da unidade é fruto de esforço do governo do Estado que, desde o início de
2017, buscou em viagens ao Planalto trazer um dos cinco presídios anunciados pelo
governo federal. A penitenciária de segurança máxima em solo gaúcho foi anunciada
pelo presidente da República Michel Temer em janeiro do ano passado, durante visita ao
estado para renovar a frota de veículos do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência
(Samu).

Em março do mesmo mesmo ano, o governador Sartori comunicou que a construção
ocorreria em Charqueadas. Desde então, técnicos do Departamento Penitenciário
Nacional (Depen) avaliaram os terrenos próximos à Penitenciária Modulada do
município, às margens da ERS-401. A previsão é de que mais quatro penitenciárias
sejam anunciadas pelo governo federal no conjunto de ações do Plano Nacional de
Segurança Pública para desafogar o sistema prisional brasileiro.
...

Governo do Estado investe em obras emergenciais beneficiando 13 municípios


Em 2017 o estado do Rio Grande do Sul sofreu com uma série de eventos climáticos que
deterioraram diversos trechos de estradas vicinais, impossibilitando o escoamento da
produção agrícola, o transporte escolar e o deslocamento das famílias que precisam
utilizar diariamente os trajetos. Para amenizar os prejuízos, o governo do Estado,
através da secretaria Estadual de Obras, Saneamento e Habitação (SOP), assinou no
final do mês de dezembro o termo de acordo para contratação de horas máquinas com
treze prefeituras e a empresa Komac. A iniciativa prevê a execução de obras
emergenciais de recuperação e manutenção de estradas vicinais, vias urbanas e na
limpeza e desassoreamento de rios e arroios.



Os municípios beneficiados neste primeiro momento foram Agudo, Barros Cassal,
Boqueirão do Leão, Braga, Faxinal do Soturno, Maratá, Pareci Novo, Progresso, Riozinho,
Sant’Ana do Livramento, São Jerônimo, Uruguaiana e Venâncio Aires. Todos decretaram
situação de emergência decorrente dos prejuízos causados pelos fenômenos climáticos.
O investimento é de R$ 2.496.753,93.



Segundo o secretário de Obras, Saneamento e Habitação, Fabiano Pereira, o termo de
acordo é uma ferramenta inovadora para atender os municípios e, situação de
emergência. “Precisamos promover o desenvolvimento dos nossos municípios, mas
principalmente ações que tragam benefícios para aquelas comunidades que mais
necessitam dos serviços públicos. Com o objetivo de auxiliar os municípios trabalhamos
em parceria com a Contadoria-Geral do Estado e com a Procuradoria Geral do Estado
para inovar, modernizar e efetivar a contratação de horas máquinas”, pontuou o
secretário.



Atualmente existem quatro frentes de trabalho, atuando nos municípios de São
Jerônimo, Venâncio Aires, Sant’Ana do Livramento e Uruguaiana. Nestes quatro
municípios estão previstos a recuperação de 213,6 quilômetros de estradas vicinais e
vias urbanas, beneficiando diretamente mais de 4 mil famílias.

A contratação de horas máquinas prevê o reforço de máquinas e equipamentos pesados
para a execução dos serviços como escavadeiras hidráulicas, rolo compactadores,
motoniveladoras e caminhões, conforme as necessidades de cada município.



Essa modalidade oportuniza o emprego de patrulhas completas, ficando sob
responsabilidade da empresa Komak a destinação dos equipamentos e operadores para
o desenvolvimento dos serviços.



Esta iniciativa não foi à única ação na área de infraestrutura. “Em 2017 a SOP auxiliou
mais de trinta municípios com o empréstimo de escavadeiras hidráulicas, utilizadas para
a recuperação de estradas vicinais e para o desassoreamento de rios e arroios”, concluiu
o secretário Fabiano Pereira.

...

BM não registra ocorrências nos 81 dias de Natal Luz em Gramado


Gramado e região novamente podem comemorar a atuação da segurança pública em
seus eventos. Durante os 81 dias da 32º edição do Natal Luz, nenhuma ocorrência
relevante foi registrada. A normalidade das atividades permitiu que turistas
aproveitassem com tranquilidade as mais de 500 atrações apresentadas no evento.

A Brigada Militar, por meio do 1° Batalhão de Policiamento em Áreas Turísticas (1º
BPAT), celebra os bons resultados, fruto de um planejamento detalhado com ações
operacionais bem articuladas na cidade e em toda a região. Desde o final de outubro de
2017, as atenções foram voltadas à segurança e à tranquilidade dos visitantes, mas sem
descuidar da comunidade gramadense.

Para isso, o 1º BPAT contou com seu efetivo orgânico, o Pelotão de Operações Especiais
(POE) e o reforço do Comando Regional da Serra (CRPO Serra), que encaminhou
agentes do 12º BPM de Caxias do Sul, 10º BPM de Vacaria, 36º BPM de Farroupilha e do
3º BPAT de Bento Gonçalves. Também atuaram em estágio operacional os alunos-
soldados em formação na Escola de Montenegro (ESFES-MN). Outro diferencial que
auxiliou o policiamento ostensivo foi a Plataforma de Observação Elevada.

O comandante do Batalhão Turístico, major Gilson Wagner de Oliveira Alves, ressalta a
importância do resultado operacional alcançado. "É preciso destacar que segurança e
turismo caminham juntos. Todos que por aqui passam destacam a sensação de
segurança. Isso, hoje em dia, é primordial para que os turistas venham à região e mais
importante, retornem outras vezes. Este trabalho é resultado do empenho de nossos
policiais, conscientes da importância do evento para a região", afirmou.

Foram mais de dois meses e meio de atividades, garantindo que mais de 2,2 milhões de
visitantes desfrutassem com normalidade das atividades do Natal Luz e pontos turísticos
de Gramado. ...

Portos gaúchos registram recorde de movimentação em 2017


Os três principais portos gaúchos registraram recorde de movimentação de mais de 42,9
milhões de toneladas em 2017 em comparação com o ano anterior. O crescimento de
movimentação em Porto Alegre (1,34%), Rio Grande (7,8%) e Pelotas (223%) foi
impulsionado por projetos industriais e pelas ações do governo do Estado em prol do
sistema logístico.

O Porto do Rio Grande registrou a melhor marca de movimentação em mais de 100 anos
de história: pela primeira vez, o complexo ultrapassou 41 milhões de toneladas. Além
disso, a Superintendência do Porto do Rio Grande (SUPRG), autarquia com autoridade
portuária sobre o sistema, teve superávit de cerca de R$ 34 milhões no ano passado.

Em coletiva de imprensa nesta quarta-feira (17), o secretário dos Transportes, Pedro
Westphalen, destacou a importância da gestão eficiente do complexo portuário. "O Porto
do Rio Grande bateu recorde dos últimos 100 anos de história, sem dúvidas, seu melhor
ano. Isso só aconteceu por determinação e competência de toda equipe da autarquia e
do governo do Estado. Mesmo com os desafios que enfrentamos, a movimentação
aumentou em todos os portos", afirmou. "Em Pelotas, um porto que estava parado, hoje
aumentou sua movimentação em mais de 200%. Buscamos projetos de melhorias, bem
como integração do sistema hidroportuário gaúcho, o que facilita a competitividade",
acrescentou.

"Ano passado, a General Motors nos comunicou sobre o aumento na produção de
veículos, o que nos impactaria diretamente, no embarque e desembarque de veículos.
Em 2017, fechamos com 134% de aumento na importação e exportação da mesma
numa parceria público-privada. A partir de março, teremos um novo pátio para
armazenagem, com capacidade de até 2 mil de veículos", destacou o superintendente do
Porto do Rio Grande, Janir Branco.

Entre todas as cargas, o complexo do Porto do Rio Grande movimentou 41.196.486
toneladas, crescendo 7,8% em relação a 2016. Os Granéis Sólidos, segmento que inclui
os grãos agrícolas, tiveram crescimento de 9,1%, totalizando mais de 25,1 milhões de
toneladas. Os líquidos, representados pelo petróleo crú, por exemplo, somaram mais de
4,8 milhões de toneladas - crescimento de 6,3%. Por fim, a carga geral que envolve os
veículos rodantes, cargas de projeto, industrializados e containers, ultrapassou 11,1
milhões de toneladas (aumento de 5,4%).

"Houve diminuição no número de embarcações, mas aumento no volume de cargas de
mercadorias, isto é, redução no custo de frete e ampliação da competitividade", concluiu
Branco.

Os itens se enquadram dentro do segmento de carga geral. A celulose, por sua vez,
vigora como o principal produto desse tipo, movimentando mais de 2,1 milhões de
toneladas. Já os veículos, em que destaca-se a movimentação da Chevrolet,
ultrapassaram as 43 mil unidades, um crescimento de mais de 83% ante 2016. Por fim,
na Carga Geral, outro destaque foi para o Gado Vivo que somou 85,3 mil cabeças,
crescimento de mais de 80%.

Nos grãos, soja é o produto agrícola mais destacado. Em 2017, o complexo (óleo, farelo
e grão) ultrapassou 15 milhões de toneladas, obtendo um aumento de 20,6%. Apenas o
grão foi responsável por movimentar mais de 12,6 milhões de toneladas, crescendo mais
de 31%. Outro grão com destaque foi o arroz (grãos e quebrados nos segmentos de
Carga Geral e Granel Sólido) com crescimento de 15,7%, ultrapassando 1,5 milhão de
toneladas.

Por fim, o embarque de trigo teve crescimento de 26,8%, mas os desembarques tiveram
queda de 43%, resultando em 1,1 milhão, decréscimo de mais de 8% ante 2016. "Nosso
objetivo é investir na área hidroportuária, pois o transporte através das nossas hidrovias
é mais barato, menos poluente e diminui o custo logístico", finalizou Westphalen.

Sobre o Porto do Rio Grande ainda cabe salientar que foram 3.067 viagens de
embarcações ao longo do ano. O Superporto, região em que estão localizados os
terminais privados, representou 83,9% de toda a movimentação. Já o Porto Novo, cais
público do complexo que passou boa parte do ano com berços de atracação em obras,
foi responsável por 14% da movimentação, ultrapassando seis milhões de toneladas. Os
containers chegaram a 743 mil TEUS, crescimento de 5% ante 2016. Por fim, a China foi
o principal destino das mercadorias, absorvendo mais de 13 milhões de toneladas.

Pelotas

Impulsionado pelo projeto da Celulose Riograndense em solo gaúcho, o Porto de Pelotas
teve um expressivo aumento de movimentação, saindo do ostracismo para uma
movimentação constante. Com crescimento de 223%, o porto chegou a 899 mil
toneladas. Somente as toras de madeira do projeto representaram mais de 665 mil
toneladas.

Porto Alegre

Desde abril de 2017, a SUPRG também administra o Porto de Porto Alegre e vem
buscando melhorias na navegação para dar condições de crescimento. Os componentes
químicos base para fertilizantes foram os principais movimentados junto com o trigo. O
porto movimentou 1.066.344 de toneladas em 2017, crescimento de 1,34%. ...

Educação e Polícia Civil ampliam parceria contra violência nas escolas


Para conhecer a situação da cada escola, analisar o perfil social dos alunos e elaborar
ações específicas para prevenir a violência em cada local, a Secretaria da Educação
(Seduc) amplia sua parceria com o Programa 'Papo de Responsa' da Polícia Civil. O
projeto, que já foi estabelecido no Rio Grande do Sul, utiliza o Programa Comissões
Internas de Prevenção de Acidentes e Violência Escolar (Cipave) para isso. Ao todo, 12
escolas da Região Metropolitana, que já tem Cipave, serão contempladas com a
iniciativa para fazer o acompanhamento do comportamento dos estudantes por três
meses e verificar o progresso das atividades em cada instituição de ensino.

De acordo com a coordenadora estadual da Cipave, Luciane Manfro, a ampliação da
parceria traz inúmeros benefícios para os estudantes, uma vez que a troca de dados
entre as instituições colabora para a identificação dos casos de violência. "Este é um
projeto que dialoga com o aluno e dá a oportunidade para que ele possa se expressar.
Com o acompanhamento do 'Papo de Responsa' será possível também direcionar os
trabalhos para as necessidades de cada escola", explica.

Quando o 'Papo de Responsa' conversava com os alunos nas escolas que já tinham
Cipave, a receptividade dos estudantes se tornava muito muito mais efetiva, disse a
escrivã Débora Prestes, da Divisão de Assessoramento Especial do Departamento
Estadual da Criança e do Adolescente da Polícia Civil (DAE/Deca). Ela ressalta que a
parceria vai potencializar as ações de combate à violência. "Vimos que os temas eram
trabalhados de uma forma muito mais direta nas instituições de ensino que já tinham
Cipave. Isso é uma característica muito marcante, que nos leva a acreditar que ampliar
esta parceria é oportuno", destaca.

Papo de Responsa

O Programa Papo de Responsa é um programa da Polícia Civil que dialoga com
adolescentes e jovens. Seu principal espaço de atuação é junto às escolas de ensino
fundamental e médio, públicas e privadas, na promoção de um papo descontraído sobre
prevenção às drogas, violência e o papel do policial na sociedade. O programa é
desenvolvido pelo Departamento Estadual de Investigações do Narcotráfico (Denarc) e o
Departamento Estadual da Criança e do Adolescente (Deca).
...

Últimas semanas para parcelar o IPVA 2018 em até três vezes


Restam pouco mais de duas semanas para o contribuinte parcelar o pagamento do
Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA 2018). No próximo dia 31,
termina o prazo para dividir o pagamento do imposto em até três vezes ou quitar com
descontos que podem chegar a 22,4%. No caso do parcelamento, até essa data é
preciso pagar a primeira prestação.

Pelo último relatório divulgado pela Receita Estadual, já passa de 1 milhão o número de
contribuintes que pagaram de forma antecipada (até o dia 2) ou optaram pelas
vantagens do parcelamento. Com um total de 1.020.362 de guias pagas, 28% da frota
que precisa recolher o tributo (3.643.682) está com a situação em dia.

Desse total, 891.144 motoristas se valeram do desconto máximo de 24,73%. Outros
84.198 contribuintes preferiram quitar o IPVA 2018 com os descontos máximos
oferecidos neste mês, enquanto 45.012 escolheram parcelar em três vezes. Com isso, a
arrecadação bruta chegou a R$ 787,6 milhões até o momento. Metade do valor é
repassado de maneira automática para as prefeituras, conforme o município de
licenciamento do veículo.

Descontos

Para alcançar o desconto máximo de 22,4% no mês de janeiro, o contribuinte deve
somar as vantagens dos programas do Bom Motorista e do Bom Cidadão. Os condutores
que não receberam multas nos últimos três anos terão dedução de mais 15% - para
quem não foi multado há dois anos, o índice é de 10% e quem ficou um ano sem
infrações, o abatimento é de 5%. O desconto do Bom Cidadão, por sua vez, dá aos
proprietários de veículos que acumularam no mínimo 100 notas fiscais no programa
Nota Fiscal Gaúcha mais 5% de desconto, válidos para pagamentos antecipados ou não.

Para se habilitar ao parcelamento, o proprietário do veículo precisa pagar a primeira
parcela até 31 de janeiro - as duas subsequentes serão em fevereiro (até o dia 28) e
março (dia 29). Os descontos são de 3% para a primeira parcela, 2% para a segunda e
1% para a terceira.

Consultas e dúvidas:
Para auxiliar os contribuintes, a Secretaria da Fazenda (Sefaz) disponibiliza o site do
IPVA. Nele, é possível consultar os dados relativos aos veículos, como multas, valores a
pagar e pendências. Além do site, é possível baixar o aplicativo do IPVA RS para
dispositivos móveis, disponível gratuitamente na App Store e na Google Play. ...

RS fiscaliza 5,2 mil veículos na Mobilização Nacional da Lei Seca


Com blitze em 15 cidades do Rio Grande do Sul, Detran RS, Brigada Militar, Polícia
Rodoviária Federal e agentes de trânsito e guardas municipais uniram-se à Mobilização
Nacional das Operações Lei Seca. A ação começou no sábado (13) e se estendeu até as 4h
de domingo (14). Foram abordados mais de 5,2 mil veículos. Como resultado dos 1.568
testes do etilômetro realizados, 203 condutores foram retirados de circulação - 71 dirigiam
sob o efeito de álcool e 132 recusaram-se a soprar o bafômetro. Além disso, 58 pessoas
foram presas por crimes de trânsito.

As operações aconteceram em Porto Alegre, Carazinho, Erechim, Caxias do Sul, Pelotas,
Gravataí, Cachoeirinha, Bento Gonçalves, Eldorado do Sul, Uruguaiana, Novo Hamburgo,
Santa Cruz do Sul e Erechim. No período de férias, Litoral Norte (Xangri-Lá) e Sul (Cassino)
também tiveram blitze da Balada Segura.

Essa foi a segunda edição da mobilização promovida pela Comissão Representativa do
Fórum Permanente das Operações Lei Seca da Associação Nacional dos Detrans, que
estreou na Semana Nacional de Trânsito e tornou-se um evento permanente de alerta aos
perigos do álcool na direção. A comissão prevê, a partir desse ano, blitze mensais com foco
na embriaguez ao volante. ...

Acidente na BR 290 mata três pessoas em Eldorado do Sul


Um acidente na manhã deste sábado (13) no Km 142 da BR 290 em Eldorado do Sul na
localidade do Parque Eldorado matou 03 pessoas. Segundo informações da PRF um veículo
Prisma com placas de Porto Alegre que vinha no sentido capital-interior ao fazer uma
ultrapassagem colidiu de frente com um caminhão com placas de Santa Cruz do Sul.
Com o impacto o motor do prisma foi arrancado e bateu na frente da camionete S10 com
placas de Novo Hamburgo que vinha logo atrás. No acidente morreram os três ocupantes
do Prisma, sendo duas mulheres uma de 31 e outra de 58 anos e um homem de 54 anos.
A BR 290 foi isolada nos dois sentidos e os motoristas tiveram que desviar por estradas de
chão na localidade do Parque das Acácias e Avenida das Samambaias (antiga estrada 11).
A rodovia continua bloqueada na altura do Km 142 e congestionamento chega a 6 km até
Arroio dos Ratos.
A previsão é que a rodovia seja liberada por volta das 14 horas.

Texto e fotos: Jornalista Daniel Ribas ...

Esteio é o primeiro município a aderir à PPP do Saneamento proposta pelo Governo do Estado


O governo do Estado, por meio da secretaria de Obras, Saneamento e Habitação e a
Corsan, firmou com a prefeitura de Esteio, o termo aditivo ao convênio de cooperação
existente entre o Estado e o município. A assinatura, ocorrida na manhã desta sexta-
feira (12), é um antecedente necessário para a concretização da Parceria Público-Privada
(PPP). Esteio é o primeiro município a aderir a iniciativa que busca universalizar os
serviços de coleta e tratamento de esgoto em nove municípios da Região Metropolitana
em 11 anos.

Também haverá o alargamento do prazo do convênio de cooperação, que valerá por 37
anos a contar da assinatura do termo aditivo. Além disso, por meio desse ato, Estado e
Município reafirmam suas obrigações com os serviços de abastecimento de água e
esgotamento sanitário, bem como a escolha da Corsan como a executora dessas
atividades.

Segundo o secretário Fabiano Pereira, as parcerias público-privadas contribuem na
solução dos desafios da administração pública e para o aperfeiçoamento dos serviços
destinados à população. “Muita vezes por preconceito ou teimosia, não estabelecemos
relações com a iniciativa privada. É possível fazermos como em outros estados e países
do mundo que estão avançados na prestação de serviços através de uma parceira limpa
e transparente. Esta é a proposta da PPP da Corsan”, disse, destacando, ainda, que mais
do que garantir o esgoto tratado, a PPP é um símbolo que aponta para a modernização
do Estado. “Sozinho, dificilmente a administração pública conseguirá responder aos
desafios”, completou.

Para o prefeito de Esteio, Leonardo Pascoal, a iniciativa é inédita e importante para o
desenvolvimento da região. “É com muita honra que o município de Esteio é o primeiro a
aderir à proposta de PPP. Universalizar o esgoto em 11 anos na Região Metropolitana
será a garantia de um futuro com menos poluição, mais saúde e qualidade de vida”,
elencou. Ele também agradeceu pelo trabalho da Corsan e o apoio da Câmara de
Vereadores na formulação e na aprovação da proposta. “É um momento importante para
a companhia e para a população de Esteio. Esta iniciativa vai permitir novos
investimentos na área de saneamento básico, na preservação do meio ambiente, mas
principalmente em melhorias significativas dos serviços prestados pela companhia e no
bem-estar das famílias. Esperamos que cada vez mais o Estado esteja voltado para a
modernização dos serviços, com ideias novas. Estou à disposição para ajudar no
convencimento dos outros prefeitos e municípios”, concluiu.

Para o presidente da Câmara de Vereadores de Esteio, Sandro Severo, a proposta
encontra aceitação da população na medida em que dialoga com a promoção da saúde
pública. “Serão realizadas obras importantes e há muito tempo aguardadas,
principalmente na prevenção de alagamentos. Saneamento é saúde”, disse.

De acordo com o diretor-presidente da Corsan, Flávio Ferreira Presser, a modelagem de
PPP apresentada foi desenvolvida levando em consideração o que deu certo e o que deu
errado em outras PPPs similares implementadas até agora. “A PPP não é simplesmente
um compromisso com o parceiro privado, é primordialmente um compromisso da Corsan
com a sociedade”, destacou. Ele destacou que melhorar o que é público, fortalecendo e
tornando a companhia sustentável, eficiente e melhorando os serviços prestados para a
sociedade, é um dos pilares que sustentam a importância da Corsan e desta iniciativa
para a população gaúcha. “Todos os instrumentos necessários para o amplo debate
foram oportunizados, como reuniões e audiências públicas”, disse o diretor-presidente”.

Saiba mais

A Câmara de Vereadores de Esteio aprovou em sessão extraordinária, no final do ano
passado, o projeto autorizando o município a prorrogar o contrato de programa com a
Corsan por mais 37 anos. Aprovado por ampla maioria dos votos, o projeto também
permitiu ao município integrar a parceria público-privada que prevê a universalização do
serviço de esgotamento sanitário em nove cidades da Região Metropolitana de Porto
Alegre, a PPP do saneamento. Além de Esteio, estão incluídas Alvorada, Cachoeirinha,
Canoas, Eldorado do Sul, Gravataí, Guaíba, Sapucaia do Sul e Viamão.

Após a anuência dos municípios, o próximo passo será o lançamento da licitação na
modalidade concorrência internacional. Além de preservar a Corsan 100% pública, o
projeto de PPP terá a parceria da iniciativa privada para complementar os investimentos
com R$ 1,85 bilhão. Essa injeção de recursos vai possibilitar o atendimento de 87,3%
das casas na Região Metropolitana em até 11 anos. O contrato com a empresa privada
será de 35 anos para as operações de esgoto.

Participaram da assinatura a procuradora geral do município, Carolina Weber, a
vereadora, Fernanda Fernandes, o gerente local da Corsan, Luciano Brandão, o
secretário municipal de Obras, Leomar Teischman e demais lideranças municipais.

Fonte: Jean P. H. Maidana/ASCOM SOP
Foto: Cristiane Franco/ASCOM Prefeitura de Esteio ...

Obras de adaptação para novo aparelho de Raio-X estão em andamento no Hospital de Butiá


Na manhã desta sexta-feira, 12, o prefeito de Butiá, Daniel Almeida, esteve vistoriando
as obras de adaptação do Hospital Municipal para receber o novo aparelho de Raio-X,
que estará modernizando o atendimento no município. A conclusão da etapa estrutural
será concluída em 45 dias.

De acordo com o prefeito, o processo passou por alguns entraves, pois foram três
licitações desertas, quando não houve interessados, além das dificuldades na compra do
aparelho. Posteriormente, outras duas licitações também foram desertas, desta vez para
a obra. As adaptações estão sendo executadas pela empresa Mercoservice Participações
LTDA – ME, e o custo da obra com os materiais está estimado em R$ 60 mil.

O prefeito Daniel também agradeceu a colaboração da empresa Copelmi Mineração, que
realizou a doação do valor de R$ 26 mil. “Superando as dificuldades, enfrentando os
problemas de frente, seguiremos trabalho pelo nosso município”, afirmou Almeida.

Além do trabalho de adequação para o novo aparelho de Raio-X, os dois banheiros da
recepção estão sendo reformados. Até que a obra seja concluída, a entrada de
emergência também será utilizada pelos recepcionistas.

FOTOS: Assessoria de Imprensa / Prefeitura de Butiá

...

Ecoponto da Colina registra números positivos após primeiro mês de atividade


Após um mês de operação, o ecoponto instalado na Colina traz números expressivos
quanto à limpeza e organização do bairro. Ao todo, foram recolhidos mais de 260 metros
cúbicos de materiais diversos, 80 metros cúbicos de restos de podas de árvores e 200
litros de óleos de cozinha.

“Essa questão dos óleos foi a que mais nos surpreendeu, afinal nunca havia sido
recolhido em Guaíba. A população, ao trazer para cá, evita que esse óleo vá pelas ralos
da cozinha, pelos esgotos e, consequentemente, para as águas do Guaíba. Uma atitude
que nos deixou muito satisfeitos”, destacou o secretário de Agricultura e Meio Ambiente,
Selito Carboni.

Um dos fatores que mais chama a atenção dos moradores é a organização, sobretudo na
área exclusiva de materiais prontos para reciclagem. O entendimento da população a
respeito das vantagens do ecoponto também foi um processo positivo:

“A Colina está limpa, os moradores compreenderam e responderam bem. A toda hora,
chega material. Só temos a agradecer e acredito que o mesmo acontecerá com os
demais bairros que serão contemplados com o ecoponto. Por sinal, convido os
guaibenses a virem ao ecoponto para entenderem como é, observarem e formarem
opinião sobre esse sistema, que só traz benefícios a todos”, completou.

Morador da Colina há 27 anos, Eliéser Duarte, elogiou o serviço:

“A gente passava e via o descaso nas ruas, nas esquinas, principalmente com estofados
e galhos atirados, principalmente nas ruas X Um e X Dois. O ecoponto está tratando de
tudo isso e a cidade está mais limpa. Eu, inclusive, disponho de transporte e auxilio
alguns vizinhos. Ou seja, estou sempre trazendo material para cá”, comentou.

Turco, que mantém empresa de autopeças ao lado do ecoponto, também avaliou a
novidade:

“Não está me causando transtorno nenhum, pelo contrário: ficou mais organizado e
mais limpo. Os moradores, com certeza, devem estar gostando, até porque ninguém
gosta de lixo. Sou vizinho do lado, estou acompanhando tudo e o ecoponto só nos
trouxe melhoras”, disse.

Ainda em janeiro, será inaugurado mais uma unidade. Dessa vez, para beneficiar
moradores do bairro Santa Rita.

O que são ecopontos?

Os ecopontos são locais adequados para a população fazer o descarte gratuito de
pequenas proporções de entulho, restos de poda, móveis e estofados velhos, além de
pneus, óleo de cozinha, papelão, plásticos, vidros, metais e aparelhos eletroeletrônicos.
O descarte correto, além de sustentável, gera economia e evita o entupimento de
bueiros e enchentes nas vias públicas.


Foto: Gustavo Gossen
...

Eldorado do Sul lança projeto que comemora 30 anos do município


Na noite da última terça-feira, dia 9 de janeiro, a Prefeitura de Eldorado do Sul, em
parceria com os empresários Pinheiro Neto e Sandro Machado, realizaram o coquetel de
lançamento do Festerê 2018, evento que acontecerá em junho deste ano em
comemoração aos 30 anos do município. O lançamento aconteceu no Clube Marina no
Condomínio Ponta da Figueira e contou com a presença de personalidades e
representantes de grandes empresas parcerias de Eldorado do Sul e do Estado, como
Pedro Ernesto Denardin, Volmir Martins, Banco Renner, Hotel Vila Ventura, Redemac,
Melnick Even, Comunello Advogados, Esquadrias Polesello, Chies, Hinode Cosméticos e
Malta Martins Advocacia Empresarial, entre outras.

O Festerê 2018 será realizado em parceria com empresas privadas e envolverá uma
grande estrutura de shows montada na Praça Fabrício Corrêa Borges, com objetivo de
incentivar a cultura e ações sociais que estão previstas no projeto, além de um marco
comemorativo para Eldorado do Sul.


Foto: Olívia Falcão - Assessoria de Comunicação Prefeitura de Eldorado do Sul
Da esquerda para direita: Vilsinho (Diretor de Cultura de Eldorado do Sul), Fábio Leal
(Secretário), Ricardo Alves (Vice-Prefeito de Eldorado do Sul), Ernani Gonçalves
(Prefeito de de Eldorado do Sul), Lucinha (Assessora de Gabinete do Prefeito), Pinheiro
Neto (Empresário do Show Business) e Sandro Machado (Produtor de Eventos). ...

Triunfo Concepa realiza melhorias no pavimento do trecho concedido


A Triunfo Concepa está realizando trabalhos de conservação e revitalização no
pavimento ao longo do trecho concedido, sendo que na Free Way as melhorias
contemplarão uma extensão de 40 quilômetros. Os serviços acontecerão durante o
primeiro semestre deste ano.

As intervenções consistem na aplicação de microrrevestimento asfáltico, conforme a
necessidade de cada trecho. Em função disso, a sinalização horizontal nesses locais
também passará por revitalização após a execução dos trabalhos de microasfalto. Essas
melhorias contribuirão para que a viagem dos milhares de usuários que utilizam a
rodovia seja cada vez mais segura e confortável.

Para os próximos dias estão previstos trabalhos nos seguintes trechos, durante todo o
dia:

- Sexta-feira (12): do km 1 ao km 2 (Osório), sentido litoral-capital

- Sexta-feira (12): do km 8 ao km 10 (Osório), sentido litoral-capital

- Sábado (13): do km 16 ao km 17 (Santo Antônio da Patrulha), sentido litoral-capital

- Domingo (14): km 13 (Santo Antônio da Patrulha), sentido capital-litoral


A concessionária ressalta que as intervenções são programadas para interferir o mínimo
possível no fluxo de veículos tanto de ida quanto de retorno do litoral, sendo realizados
sempre no sentido contrário ao de maior movimento.


Caso as condições climáticas sejam desfavoráveis os serviços serão reprogramados.









...

Primeiro sorteio do Nota Fiscal Legal de Butiá será nesta sexta-feira (12)


A campanha “Nota Fiscal Legal – Pediu, Trocou, Ganhou!” terá o seu primeiro sorteio
nesta sexta-feira (12), a partir das 20h, na Praça Dr. Roberto Cardoso, quando será
conhecido o ganhador que levará uma motocicleta zero quilômetro para casa.

A ação será transmitida pelas redes sociais da Prefeitura Municipal e pela Rádio Sobral
no decorrer do Programa Galpão Nativo, com participação de artistas locais e dos jovens
músicos do “Fábrica de Gaiteiros”. De acordo com dados atualizados pela Secretaria de
Desenvolvimento Econômico, Indústria e Comércio (SEDIC), aproximadamente 16 mil
cupons já foram entregues até quarta-feira (10).

O sorteio da motocicleta marca o encerramento do primeiro ciclo da Nota Fiscal Legal,
lançado no dia 1º de dezembro de 2017 pela Administração Municipal, com o objetivo de
valorizar o comércio local e aumentar a arrecadação para investimentos na saúde,
educação e infraestrutura, por exemplo.

Ao longo de 2018, os sorteios irão permanecer mensalmente com a entrega de prêmios
em dinheiro nos valores de R$ 1 mil, R$ 500,00 e R$ 250,00. Além disso, a partir de
2019 ocorrerá o sorteio anual de um automóvel zero quilômetro.


...

Cresce a inadimplência entre as famílias com renda até 10 salários mínimos, apura a Fecomércio-RS


Embora o quadro de endividamento das famílias gaúchas no mês de dezembro/ 2017
(70,0%) tenha se mantido praticamente estável em relação ao mesmo mês de 2016
(70,7%), chama a atenção o crescimento da inadimplência entre as famílias com renda
inferior a 10 salários mínimos. Esse resultado pode ser explicado pelo atual momento
da economia, com redução da taxa básica de juros e a recuperação do mercado de
trabalho – fatores que contribuem para o aumento da tomada de crédito. A pesquisa
pode ser acessada aqui.

Os dados da Pesquisa de endividamento e Inadimplência do Consumidor (PEIC),
divulgados nesta terça-feira (9) pela Fecomércio-RS, indicam que após dois meses de
recuo na margem, o percentual de famílias em situação de inadimplência em
dezembro/2017 voltou a registrar forte aumento, ficando em patamar bastante elevado.
Na avaliação do presidente da Fecomércio-RS, Luiz Carlos Bohn, o cenário econômico
atual ainda é adverso para muitas famílias, refletindo em dificuldade para honrar suas
dívidas. “No entanto, a perspectiva de crescimento econômico e geração de empregos
em 2018 permite vislumbrar uma redução no percentual de famílias em situação de
inadimplência”, pondera o dirigente.

A PEIC de dezembro/2017 revela estabilidade no indicador que avalia a parcela da
renda comprometida com dívidas. Em dezembro passado foi de 32,9% na média em 12
meses, e o tempo de comprometimento da dívida, também no período de 12 meses,
permaneceu em 8,1 meses. O cartão de crédito continua com o maior peso na
composição do endividamento dos gaúchos (74,6%), seguido por carnês (44,0%),
crédito pessoal (16,3%) e financiamento de veículos (13,0%).

A dificuldade em deixar o quadro de inadimplência continuou em nível elevado: o
percentual em dezembro/2017 (45,6%) aumentou significativamente em relação a
dezembro/2016 (26,7%). Ainda que a taxa de desocupação tenha diminuído nos
últimos meses, esse indicador vem sendo puxado por empregos informais e por conta
própria – que se caracterizam por um remuneração, em média, mais baixa. Dessa
forma, esse grupo de trabalhadores está mais sujeito ao atraso no pagamento de suas
contas.

De acordo com a pesquisa, o percentual de gaúchos sem condições de honrar suas
dívidas vencidas no prazo de 30 dias apresentou queda, saindo de 13,1% em
dezembro/2016 para 9,5% em dezembro/2017. Mesmo tendo sido a quarta queda
consecutiva na comparação interanual e, apesar de ter atingido o nível mais baixo do
ano passado, seu patamar permaneceu acima do verificado em períodos anteriores.

...

MPEs precisam renegociar dívidas junto à Receita Federal


O mês de janeiro é definitivo para aquelas micro e pequenas empresas que estão
inadimplentes com a Receita Federal. Com o veto do governo brasileiro ao Programa
Especial de Regularização Tributária das Microempresas e Empresas de Pequeno Porte –
o Refis, a alternativa para mais de 400 mil empreendedores de todo País é aderir ao
modelo anterior de renegociação. “Caso as empresas não regularizem sua situação até o
dia 31 de janeiro, serão excluídas do Simples Nacional”, alerta o gerente de Políticas
Públicas do Sebrae/RS, Alessandro Machado.

O presidente do Sebrae Nacional, Guilherme Afif Domingos, reforça essa orientação. “As
empresas têm até o dia 31 de janeiro para solicitar o refinanciamento nas condições
antigas, que não são tão favoráveis. E precisam aguardar até o mês de fevereiro,
quando o Congresso deverá derrubar esse veto. Com isso, elas poderão migrar para
uma condição melhor de parcelamento e continuar no sistema”, afirmou.

Este modelo convencional é válido para o refinanciamento das micro e pequenas
empresas com valores vencidos do Simples Nacional e o prazo é de até 60 meses para
pagamento das dívidas. O Refis, vetado pelo governo federal, permitia que os valores
devidos fosses saldados em até 180 parcelas. O pedido de renegociação deve ser
encaminhado no Portal do Simples Nacional, no link
http://www8.receita.fazenda.gov.br/SimplesNacional/, ou no Portal e-CAC (Central
Virtual de Atendimento da Receita Federal do Brasil) no endereço
https://cav.receita.fazenda.gov.br.

MEIs têm prazo menor
A situação do Microempreendedor Individual (MEI) é ainda mais preocupante. A média
de inadimplência dos MEIs passava de 50% em toda a categoria no Brasil em setembro
de 2017 e quase 2 milhões estão com o Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica (CNPJ)
suspensos por não estarem em dia com o cumprimento das suas obrigações fiscais.

Para reverter a situação e evitar o cancelamento automático da inscrição no Simples
Nacional, os MEIs têm até o dia 23 de janeiro para regularizar suas dívidas. O prazo
para pagar os débitos é de até 60 meses. “Para descobrir se está em dia com os
tributos, o empresário deve consultar seu status em www.portaldoempreendedor.gov.br,
usando o CPF ou o CNPJ vinculados ao MEI”, explica Machado. Depois, caso necessite
resolver sua situação, deve acessar o Portal do Simples Nacional
(http://www8.receita.fazenda.gov.br/SimplesNacional/) nas abas
SIMEI/SERVIÇOS/PARCELMENTO/MEI.

O gerente do SEBRAE/RS destaca que o pagamento das pendências e o envio das
declarações atrasadas dos MEIs deve ser realizada sem falta até o dia 23 de janeiro para
evitar a baixa definitiva do registro empresarial e a entrada na ilegalidade do
empresário, o que pode acarretar outros tipos de problemas e punições.

Em caso de dúvida, a orientação é entrar em contato com o contador da empresa ou
com a Central de Relacionamento SEBRAE no telefone 0800-570-0800.

...

A custo zero, Parque da Juventude em Guaíba ganha novas mesas, bancos e brinquedos


Após um ano de limpeza e recuperação da orla, a população de Guaíba já pode desfrutar da
nova cara do Parque da Juventude. Nesta semana, foram concluídos os trabalhos de
instalação de novas mesas, bancos e brinquedos.

O secretário de Agricultura e Meio Ambiente, Selito Carboni, ressalta que, além de
sustentável, foi uma ação com custo zero para a Prefeitura:

“Tiramos os móveis que estavam sucateados, inclusive os brinquedos que estavam
deteriorados e causando riscos para as crianças. Estamos fazendo reaproveitamento de
madeiras que tínhamos na Estrada do Conde. Além de montarmos uma estrutura 100%
ecológica, os eucaliptos garantem muito mais durabilidade. Para quem olha, parece que se
gastou muito, mas não foi comprado nem mesmo um prego aqui, apenas mão de obra
nossa”, comentou.

Ao todo, são 9 conjuntos de mesas com 5 bancos cada; 8 bancos de 2 e 3 metros de
comprimento; e um playground com 5 balanços e um escorregador.

Fotos: Gustavo Gossen ...

Tratamento de melanoma é incluído na cobertura mínima dos planos de saúde


A nova cobertura mínima obrigatória dos planos de saúde, definida pela Agência Nacional
de Saúde Suplementar (ANS), entrou em vigor no dia 2 de janeiro. São 18 novos
procedimentos incluindo exames, terapias e cirurgias. Um dos destaques, que foi recebido
com satisfação pela Sociedade Brasileira de Dermatologia - Secção RS, foi a disponibilização
de medicamentos para combate a diversos tipos de câncer, entre eles o melanoma.

Pela medida, todos os beneficiários de planos de saúde novos, ou seja, contratados a partir
da Lei Número 9.656, ou adaptados a ela, terão assegurado o direito às novas coberturas.

Caso as operadoras não prestem o atendimento a orientação é buscar os canais da ANS
pelo telefone 0800 701 9656 ou através do site ans.gov.br. ...

Checklist do Detran RS ajuda na preparação da viagem de férias


Verificar se os pneus estão calibrados e em bom estado, estar com a documentação do
veículo e do condutor em dia, e planejar a rota da viagem antes de sair de casa. O
Detran RS elaborou um checklist de 14 itens para ajudar na preparação de uma viagem.
Já começaram a ser distribuídos 20 mil folhetos em praças de pedágios e outros locais
com grande circulação de veranistas.

“O folheto foi planejado para compilar as principais recomendações para o condutor. É
um material simples, que apresenta de modo prático os itens necessários que, se
atendidos, contribuem para a segurança”, explicou Adriana Reston, pedagoga da Divisão
de Educação para Trânsito do Detran RS.

O checklist faz parte da campanha de verão do governo do Estado, que acompanha os
usuários de rodovias durante o veraneio pelos veículos de comunicação e internet. Além
do filme Eu do Futuro, a campanha conta com jingles em rádios AM e FM, abrangendo
73 veículos de comunicação do Litoral e interior do Rio Grande do Sul. Nesta edição, a
novidade é a veiculação de anúncios durante os boletins de trânsito transmitidos pelo
serviço de rádio-helicóptero a emissoras de Porto Alegre e da Região Metropolitana.

Quem estiver a caminho das praias pode visualizar o alerta à prevenção de acidentes em
outdoors, fachadas das praças de pedágio e nos displays instalados em restaurantes
para a recarga de bateria dos celulares. Em aplicativos e sites da internet, o tema
Escolha Chegar Bem aparece em anúncios veiculados pelo Google e em portais de
notícias. ...

Aplicativo informa condições de banho nos balneários gaúchos


A Fepam lançou o site e o aplicativo do Projeto Balneabilidade, com informações sobre a
qualidade das águas em balneários gaúchos. Desenvolvido com o apoio da Procergs e do
Corpo de Bombeiros, o serviço também disponibiliza as condições de segurança para
banho e a previsão do tempo.

O objetivo é modernizar e facilitar a comunicação com os veranistas. Pelo site e pelo
aplicativo é possível visualizar se as águas estão próprias ou impróprias para banho.
Mesmo com a novidade, a Fepam optou por manter as placas informativas nos locais
onde as águas estiverem sem condições de banho.

O serviço pode ser acessado pelo computador ou no modo web app, não sendo
necessário fazer download em lojas de aplicativos. Os web apps são uma espécie de
atalho na tela do celular e têm a vantagem de serem mais leves, não ocuparem
memória, consumirem menos internet e operarem normalmente mesmo em lugares com
baixo sinal. O serviço funciona nos sistemas Android e iOS. Para ter o aplicativo no
celular, basta acessar o site balneabilidade.rs.gov.br e criar o atalho.

O aplicativo também disponibiliza as condições de segurança para o banho de mar no
Litoral Norte e Sul, nos locais onde é realizado o monitoramento da qualidade da água.
Divulgadas pelo Corpo de Bombeiros, as informações obedecem ao mesmo critério de
cor das bandeiras utilizadas nas guaritas dos guarda-vidas: verde para banho praticável,
amarelo para banho com riscos relativos e vermelho para banho desaconselhável. O
serviço ainda oferece informações de meteorologia, com a previsão do tempo, a
temperatura e a velocidade do vento, nos pontos onde é realizada a balneabilidade.

Projeto Balneabilidade

O Projeto Balneabilidade deste verão tem duração de 12 semanas. O monitoramento é
realizado em 40 municípios do Litoral Norte, Médio e Sul e das Regiões Hidrográficas do
Guaíba e do Uruguai. As coletas e análises são feitas pela Fepam e pela Corsan. Os
resultados das análises da qualidade da água serão divulgados nas sextas-feiras, até 2
de março.

Os boletins são elaborados com base nos resultados das informações obtidas em cinco
coletas realizadas nas semanas anteriores. Para analisar as condições bacteriológicas
nas praias e balneários, são utilizados parâmetros coliformes termotolerantes e
Escherichia coli, que indicam contaminação fecal, além da contagem de cianobactérias,
organismos que podem causar intoxicações.

Os critérios do projeto consideram duas categorias de balneabilidade para águas doces,
salobas e salinas: próprias ou impróprias para banho. São consideradas próprias quando
os resultados de quatro ou mais das últimas cinco amostras coletadas constatarem
quantidade de coliformes termotolerantes igual ou menor de mil ou quantidade de
Escherichia coli menor ou igual de 800 por cem mililitros.

São impróprias quando os resultados de uma ou mais das últimas cinco de amostras
coletadas constatarem mais de mil coliformes termotolerantes ou mais de 800
Escherichia coli por cem mililitros ou, ainda, quando o valor obtido na última amostra for
superior a 2,5 mil coliformes termotolerantes ou 2 mil Escherichia coli por cem mililitros. ...

Terra de Ninguém


Chegada a época de chuvas e o distrito do Parque Eldorado começa a mostra que é uma
verdadeira “Terra de Ninguém”. Primeiro, por que as ruas viram verdadeiros atoleiros e
depois imensas crateras. Segundo, por que a Rua do Comércio alaga e os bueiros não
dão conta da vazão da água. Sem contar com a falta de água, luz e segurança.

Para piorar ainda mais a situação, a empresa contratada pelo Dnit para construir um
viaduto (na saída da Avenida Ângelo Collovini) que liga nada a lugar nenhum, deixou o
mesmo com a base de aterro sem contenção. Com isso, sempre que chove o barro toma
conta do asfalto da rua do comércio, entope as bocas de lobo e sobrecarregam a
tubulação que já é insuficiente.

Coma a rua tomada pelo barro os taxistas são obrigados a colocarem seus veículos
quase no meio da rua para que os passageiros possam entrar nos mesmos. Este
problema não é de agora e vem causando enormes prejuízos para motoristas e
comerciantes. Sempre que chove um pouco maisforte é a mesma coisa. E até hoje a
prefeitura não tomou nenhuma providência no sentido de acionar o DNIT para que
mande resolver o problema do barro causado pelo viaduto e nem acionou sua secretaria
de obras para resolver o problema dos canos que são pequenos demais e portanto
insuficientes para dar conta da vazão da água.

Outro problema que torna o distrito uma verdadeira “terra de ninguém” é o da
insegurança, tanto para atravessar a BR 290 em dias de grande movimento (também
por falta de força política para pressionar junto ao DNIT) como para a proteção dos
estabelecimentos comercias às margens da rodovia.

O grande problema do Parque Eldorado é que as pessoas que deveriam defendê-lo e que
foram eleitas para isso, ao entrarem no governo só pensam em defender seus próprios
interesses e trabalhar por suas reeleições. Só aparecem no distrito para pedir votos.
Passadas as eleições, simplesmente viram as costas para a comunidade e para seus
problemas.

A mais de 10 anos pedimos redutores de velocidade na BR 290 (semelhantes aos
existentes em Butiá e Minas do Leão) para que possamos taravessar a rodovia sem
medo). A mais de 10 anos pedimos água potável para a comunidade (já que grande
parte dos moradores bebe água contaminada ou por excesso de flúor ou por coliformes
fecais). A mais de 10 anos pedimos por uma energia elétrica confiável (para que
empresas possam se instalar no Parque). A mais de 10 anos pedimos por mais
segurança (para que possamos ter um correspondende bancário e onde pagar nossas
contas). A mais de 10 anos precisamos de um governo que olhe para o Parque Eldorado.
Agora em 2018 os mesmos governantes e políticos que simplesmente viraram as costas
para os problemas da comunidade após as eleições SÃO OS MESMOS QUE VIRÃO PEDIR
VOTOS para seus candidatos a deputados, senadores e presidente.

Lembre-se disso população do Parque Eldorado: Povo que troca seu voto por uma cesta
básica ou prato de comida em época de eleição é o mesmo povo que passará mais 04
ANOS pastando.

Texto e foto: Daniel Ribas
Jornalista - DRT 14995 ...

Prefeitura de Guaíba economiza quase R$ 8 milhões em licitações em 2017


O balanço final de 2017 traz números expressivos com relação a licitações. O uso do
pregão eletrônico para compra de materiais e contratação de serviços garantiu à
Prefeitura de Guaíba a economia de R$ 7.905.310,48 em 2017, o que significa redução
de 34,54% sobre o valor estimado para as despesas previstas. Ao todo, foram 186
processos.

“Tal economia é fruto da vontade do corpo político, que nos dá liberdade de aplicar as
melhores técnicas de contratação, bem como do grande esforço de negociação com
fornecedores por parte da equipe, que, diariamente, busca aperfeiçoar e otimizar os
processos de compras”, destacou a diretora de Compras, Licitações e Contratos, Andrea
Ribeiro.

Os números exatos apontam que o total de custos previsto com as licitações seria de R$
22.884.188,52. Contudo, o somatório dos mesmos bens e serviços homologados chegou
a R$ R$ 14.978.878,04.

“Seguimos fazendo gestão. Em tempos de limitações financeiras, é fundamental fazer
uso inteligente do dinheiro público e isso estamos conseguindo com dedicação e
criatividade. São gastos a menos que nos permitiram, por exemplo, manter a folha de
pagamento em dia e pagar o 13º para os servidores”, comentou o prefeito José
Sperotto.

O pregão, na forma eletrônica, instituído pela Lei 10.520/2002, é utilizado quando a
disputa pelo fornecimento desses bens ou serviços comuns for feito à distância em
sessão pública, por meio de sistema que promova a comunicação pela Internet. Além da
economia, a modalidade garante a transparência.

...

Aeroporto Salgado Filho tem nova administração


O Aeroporto Internacional Salgado Filho passa, a partir desta terça-feira (2), para a
administração da Fraport, que assume as operações em decorrência do processo de
concessões do governo federal. A empresa alemã fará uma série de investimentos,
estimados em R$ 600 milhões até 2021, e que devem ser intensificados em 2018. A
Fraport administra 30 aeroportos em todo o mundo. No Brasil, além de Porto Alegre,
também venceu a concessão em Fortaleza.

A outorga pelo aeroporto gaúcho foi de R$ 382 milhões, com concessão por 25 anos,
prorrogáveis por mais cinco. Em setembro, o governador José Ivo Sartori conheceu a
operação da empresa em Frankfurt. Sartori destacou a parceria e a aproximação com o
grupo alemão. "Aqui (em Frankfurt), conhecemos as metas e o trabalho de um processo
feito com seriedade. Eles querem a convivência, a responsabilidade social e uma gestão
operacional diferenciada para o Rio Grande do Sul, e o governo do Estado está à
disposição para ajudar", concluiu Sartori, na ocasião.

Em outubro de 2017 foi criado um grupo de trabalho para agilizar ações ligadas ao Poder
Executivo que pudessem auxiliar o setor de logística do RS, inclusive na instalação da
Fraport, que já vinha operando em parceria com a Infraero desde o último mês de julho.
Reuniões envolvendo diferentes órgãos foram realizadas e as tratativas seguem sob
coordenação da Secretaria do Desenvolvimento Econômico, Ciência e Tecnologia
(Sdect).

"O ano de 2018 começa com novas perspectivas para a logística do Estado, em função
da ampliação da pista do Salgado Filho, e também com a geração de novos serviços que
qualificarão ainda mais o aeroporto de Porto Alegre", avalia o secretário em exercício da
Sdect, Evandro Fontana.

No programa de investimentos obrigatórios estão a expansão do terminal para 36 mil
metros quadrados, extensão da pista por pelo menos 920 metros, implementação de
novos sistemas automáticos de gerenciamento de bagagens e de controle de segurança
e 14 pontes de embarque de aeronaves e respectivos pátios.

Também estão previstas outras melhorias, como sinalização de terminais, iluminação
externa para os acessos de rodovias, estacionamentos, terminais de carga e de
passageiros, e outras áreas, entre outras. ...

Ação educativa na rodoviária explica uso do cinto em ônibus


Órgãos públicos, entidades da sociedade civil e empresas estão mobilizados para
conscientizar a população sobre a importância do uso do cinto de segurança em ônibus. Na
manhã da quinta-feira (28), ocorreu mais uma ação educativa na Rodoviária de Porto
Alegre. O uso do cinto de segurança é obrigatório nos ônibus intermunicipais e
interestaduais.

O equipamento reduz a possibilidade (e a intensidade) de choques contra a estrutura
interna do veículo e contra os outros passageiros em caso de acidentes e diminui a
probabilidade de morte por evitar a ejeção nos casos de colisão ou freada brusca.

As blitze na rodoviária acontecem nas vésperas de feriados desde 2015 e envolvem
DetranRS, PRF, ANTT, EPTC, Sest Senat, Lions, Comitê Municipal da Balada Segura,
Rodoviária de Porto Alegre, Programa Transportadora da Vida e empresas de ônibus como
Planalto, Viação Ouro e Prata e Unesul. Além da palestra antes do início da viagem, são
distribuídos materiais educativos. ...

Novos diretores das escolas municipais de Guaíba tomam posse


Os novos diretores e vice-diretores de 24 unidades escolares da rede municipal tomaram
posse no cargo nesta sexta-feira (29). A solenidade aconteceu no auditório da
Prefeitura. O período de administração será de três anos.

Diretores empossados

EMEF Amadeu Bolognesi
Diretor: João de Deus Mullet Pereira
Vice-diretores: Aline Rodrigues Harlacher, Valquíria Jesus da Silva e Cláudia Tobolsky
Dídio

EMEF Anita Garibaldi
Diretora: Marta Borges da Conceição
Vice-diretora: Evelize Martins Kruger Peres

EMEF Arlindo Stringhini
Diretora: Márcia Rejane da Silva
Vice-diretora: Caroline Mallet Kepler

EMEF Breno Guimarães
Diretora: Maria de Lourdes Mello da Rosa
Vice-diretora: Neusa Márcia Tolotti Praia

EMEF José Carlos Ferreira
Diretora: Eber Magda Ramos
Vice-diretoras: Rejane Lopes da Silva e Deisy Kubischewski De Aguiar

EMEF Máximo Laviaguerre
Diretora: Valéria Pereira de Morais
Vice-diretora: Rosângela Aquino Cardoso

EMEF Rio Grande do Sul
Diretora: Marlene Judite Mesquita Crestani
Vice-diretoras: Elida Fernanda de Souza e Roselangia de Carvalho Chaves

EMEF Santa Rita de Cássia
Diretor: Flávio Rubem Ferreira da Costa
Vice-diretores: Lizandra Pureza dos Santos Pochmann, Aline Freitas de Oliveira e Luiz
Carlos de Souza Serissol

EMEF São Francisco de Assis
Diretora: Lenira Lessa
Vice-diretora: Andreia Deantoni

EMEF São Paulo
Diretora: Rejane Fatima Guasso da Silva
Vice-diretor: João Batista Malessa

EMEF Teotônio Brandão Vilella
Diretora: Morgana Nitschke
Vice-diretoras: Venita Baumhardt Moreira e Maria Stela Radeski

EMEI Profª. Amélia Consuelo Laviaguerre
Diretora: Adriane Ribeiro dos Santos
Vice-diretora: Maria Helena Mello da Rosa

EMEI Maria Dinorah
Vice-diretora: Maile Gay Lopes da Silva

EMEI Menino Jesus
Diretora: Cristina Filomena Serini Crucius
Vice-diretora: Adriana Barbieri Pasternak

EMEI Nossa Senhora de Fátima
Diretora: Silvana Freitas Barreto
Vice-diretora: Ângela Maria Da Silva Klafke

EMEI Noely Klein Varella
Diretora: Silvia Vitória Da Rosa Lopes
Vice-diretora: Iraceli Oliveira Brezezinsk

EMEI Pedras Brancas
Diretora: Ana Beatriz Alves Tavares

EMEI Santa Isabel
Diretora: Rosângela Soares Heim
Vice-diretora: Jussara Aparecida Barbosa da Cunha

EMEI Três Patinhos
Diretora: Iara Regina Cunha
Vice-diretora: Milene Lacerda

EMEI Vovó Flor
Diretora: Carliana Uranga da Rocha Silva
Vice-diretora: Jaqueline Fabiane Diehl de Oliveira

Considerando o processo administrativo que apurou o processo eleitoral em quatro
escolas municipais que não atingiram o objetivo final, foi tomada a decisão pela
Secretaria Municipal de Educação, conforme memorando 880/2017, de conceder a
função de diretor e vice-diretor para o período de 1º de janeiro de 2018 a 31 de julho de
2017, aos seguintes membros do magistério:

EMEF Darcy Berbigier
Diretora: Maristela Santos Rodrigues
Vice-diretora: Débora Ritter

EMEF Inácio de Quadros
Diretora: Sílvia Maria Andriotti da Silva
Vice-diretora: Maristela Dornelles Otta

EMEF Santa Catarina
Diretor: Márcio Leslie Madail Coster
Vice-diretor: William José Silva da Silva

EMEF Zilá Paiva Rodrigues Jardim
Diretora: Carla Lopes de Souza
Vice-diretora: Vanessa Ribeiro de Oliveira


Prestigiaram a posse, a vice-prefeita Cleusa Silveira; a secretária de Educação, Virgínia
Guimarães Viegas; vereadores Manoel Eletricista, Éverton da Academia, Bento do Bem e
Fernanda Garcia; representantes do Conselho Municipal de Educação; membros do
Sindicato dos Professores de Guaíba; presidente do GuaibaPrev, Paulo Maganha; e
familiares.



Ao fim da solenidade, foi lida a seguinte mensagem às novas equipes diretivas:



“O sucesso é fruto de muito trabalho, de dedicação, sacrifício, entrega e persistência.
Sucesso é o resultado da paixão que colocamos no trabalho que realizamos e na
insistência com que fazemos. Alcançar o sucesso profissional é também conseguir
superar todos os contratempos, é contornar obstáculos, levantar das quedas e continuar
lutando sempre. Parabéns e sucesso nesta nova caminhada”.



Fotos: Gustavo Gossen
... ...

Jazidas de argila destinadas às obras de duplicação da BR-116/RS são recuperadas



Para realizar a terraplenagem do trecho em duplicação da BR-116/RS, entre Guaíba e
Pelotas foram licenciadas 27 áreas de apoio exclusivas destinadas à extração de argila.
De acordo como levantamento do Departamento Nacional de Infraestrutura de
Transportes (DNIT/RS) - por meio da Gestão Ambiental (STE S.A.) -, em 2017, seis
destas áreas foram ambientalmente recuperadas pelas construtoras e entregues aos
seus proprietários, depois de exploradas. Outras três foram devolvidas em anos
anteriores e todas atenderam às exigências previstas no Plano de Recuperação de Áreas
Degradadas (PRAD) e tiveram anuência do Órgão Ambiental.

Para serem utilizadas nas obras os locais tiveram a operação autorizada pelo Instituto
Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (IBAMA), mediante
processo de licenciamento ambiental. Além desta permissão, a exploração de cada
jazida conta, desde o início até a entrega da área ao proprietário, com o
acompanhamento periódico da Supervisão e da Gestão Ambiental do empreendimento.

Entre as exigências do PRAD estão: a remoção e armazenamento de camada orgânica
do solo; estabilização do terreno, com conformação dos taludes e bermas; e
recuperação biológica, com a implantação de vegetação nativa na área minerada e seu
entorno.

As práticas relacionadas à exploração até a recuperação de uma dessas áreas de apoio
destinada às obras de duplicação da BR-116/RS podem ser conferidasno artigo “O uso
de boas práticas em jazidas de argila: da operação à recuperação”, que integra a
terceira edição da publicação on line Área Aberta-Gestão Ambiental em Revista. O
mesmo pode ser lido no link: http://areaaberta.wixsite.com/revista/copia-artigo-2-
resumo-ed03.

... ...

Simulador mostra impacto de mudanças no Simples Gaúch


A ideia surgiu de um encontro realizado no SEBRAE/RS para definição de um acerto das
entidades patronais sobre as mudanças no Simples Gaúcho. A partir do debate, o objetivo
foi tornar mais fácil e simples a compreensão de quanto o contribuinte paga hoje e quanto
passará a pagar com a entrada em vigor das novas regras, em 2018.

- Na ferramanta, o usuário informa o faturamento e a planilha disponibiliza quanto o
empresário teria de custo, hoje, e quanto terá a partir da mudança. A planilha também vai
apontar a diferença tornando mais clara e objetiva a informação – explica o presidente da
Federação das Câmaras de Dirigentes Lojistas do Rio Grande do Sul – FCDL-RS, Vitor
Augusto Koch.

A FCDL-RS realizou a entrega formal da planilha ao subsecretário de arrecadação, Mário
Luis Wunnderlich, durante a solenidade do Prêmio Mérito Lojista, realizado no Hotel Plaza
São Rafael em Porto Alegre (RS), no início de dezembro. A entidade que representa o
varejo gaúcho apoiou o Governo do Estado na proposta de modificação do Simples Gaúcho
a entrar em vigor a partir de 2018. A Secretaria Estadual da Fazenda buscou – a partir da
nova sistemática de cálculo do imposto, definido pela Receita Federal – eliminar qualquer
alta da incidência de ICMS. A ferramenta está disponível em www.fcdl-rs.com.br ... ...

Estado entrega viaturas para reforçar policiamento no Litoral Norte


O Litoral Norte conta agora com um reforço de sete viaturas para intensificar a
segurança na região. A entrega dos veículos ocorreu nesta quinta-feira (28), em Capão
da Canoa, com a presença do secretário de Segurança Pública, Cezar Schirmer. A
iniciativa inclui as 118 viaturas entregues à Brigada Militar (BM), nesta última terça-feira
(26), para qualificar o atendimento em locais de incidência de criminalidade e renovar a
frota da instituição.

A partir de agora, os automóveis passam a integrar a corporação do Comando Regional
de Policiamento Ostensivo (CRPO) do Litoral, auxiliando na patrulha dos municípios de
Capão da Canoa, Torres, Tramandaí, Osório e Santo Antônio da Patrulha.

"Estamos entregando uma frota nova, com veículos de alto padrão. Em fevereiro,
pretendemos enviar mais 120 viaturas para outros municípios do estado. Ou seja, aos
poucos, estamos construindo uma nova sociedade, mais segura e sem medos", destacou
o secretário Schirmer.

O prefeito de Capão da Canoa, Amauri Germano, comemorou a aquisição. "É uma ação
que vai trazer mais segurança e tranquilidade para o nosso município", disse.

Para o professor Alcindo Schott, veranista do Litoral Norte, agora também ficará mais
seguro sair à noite. "Venho há anos passar as férias com a família nesta região. Com as
novas viaturas, sairemos mais tranquilos, principalmente de noite", afirmou.

Aquisição de viaturas

O governo do Estado já investiu R$ 12,6 milhões na compra de viaturas para a
Segurança Pública. Foram R$ 6,1 milhões para a BM e o Corpo de Bombeiros Militar
(CBMRS); R$ 4,4 milhões para a Polícia Civil (PC); R$ 328 mil para a Superintendência
dos Serviços Penitenciários (Susepe); e R$ 1,7 milhão para o Instituto Geral de Perícias
(IGP).

A parceria com o governo federal também garantiu investimentos no reaparelhamento
das instituições vinculadas à SSP. O Ministério da Justiça e Segurança Pública repassou
20 viaturas para o IGP; 14 para a Susepe; 12 para a BM; quatro para a PC; e duas para
o CBMRS. ... ...

Novas viaturas fortalecem segurança na Região Metropolitana


O governo do Estado iniciou a distribuição em nível regional do primeiro lote de novas
viaturas da Brigada Militar (BM). Nesta quarta-feira (27), o governador José Ivo Sartori e o
secretário da Segurança Pública, Cezar Schirmer, repassaram os veículos aos batalhões da
Região Metropolitana e do Vale do Rio dos Sinos. A Grande Porto Alegre foi beneficiada com
18 automóveis modelo Toyota Corolla que serão destinados aos municípios de Alvorada,
Cachoeirinha, Esteio, Gravataí, Sapucaia do Sul e Viamão.

Durante o ato simbólico em Gravataí, Sartori observou que a melhoria da gestão fez com
que o Estado recuperasse a competitividade e conseguisse investir pontualmente em áreas
de grande necessidade. "Mesmo diante das dificuldades, faremos o máximo para
proporcionar as melhores condições de trabalho aos nossos servidores. Trabalharemos
sempre a busca de parceiros e novos investimentos, com foco também em fontes
alternativas de recursos", assegurou o governador.

Com relação à ausência de Canoas, Schirmer esclareceu que a aquisição de 35 viaturas a
serem destinadas aos órgãos da Segurança Pública feita pela prefeitura permitiu que
fossem contempladas as demais cidades da região. "O esforço do município será
compensado com grande aporte de efetivo", garantiu o secretário. ... ...

Vida Class e Mapfre Seguros criam apólice para internação


A economia brasileira começa a dar sinais de melhora. Pelo menos isso é o que mostra o
relatório do Sebrae que traz números animadores de criação de empresas nos últimos
três anos. São pessoas que resolveram empreender por conta própria e buscam, por
meio do próprio negócio, sair da crise.

Pensando nesse público, a Vida Class assinou uma parceria com a MAPFRE Seguros, do
GRUPO SEGURADOR BANCO DO BRASIL E MAPFRE, para oferecer o Seguro de Diária de
Internação Hospitalar. A apólice oferece apoio financeiro, caso o segurado necessite de
internação hospitalar, seja por uma doença ou acidente.

São duas modalidades de seguro que podem ajudar as pessoas com internação
hospitalar e ficam impossibilitadas de trabalhar durante o período: Vida Class Essencial
(R$ 27,50) e Vida Class Ideal (R$ 36,00) que prevê o pagamento de valores de R$
500,00 e R$ 1000,00, respectivamente, por dia de internação com limite de cobertura
de dez dias por evento, em dois eventos por ano, e com carência de 12 horas.

As duas apólices foram criadas visando a faixa produtiva de 18 a 65 anos. E a
expectativa é atingir 60 mil vidas nesse primeiro ano de operação. "Queremos promover
a tranquilidade para quem precisar de internação. Uma modalidade de seguro como a
Vida Class Essencial e Vida Class Ideal pode ajudar as pessoas que precisam garantir o
sustento, mesmo quando doentes"- explica Vitor Moura, CEO da Vida Class.

"Temos um dos maiores portfólios do mercado segurador, com apólices para diversos
segmentos e necessidades. A parceria com a Vida Class compõe o nosso foco em
ampliar a presença do segmento em outros mercados", explica Aneti Caetano, diretora
comercial de Canais Estratégicos da MAPFRE Seguros, do GRUPO SEGURADOR BANCO
DO BRASIL E MAPFRE.

Sobre VIDA CLASS - A Vida Class é uma companhia digital, que promove acesso a
serviços médicos, dentistas, exames de imagens e laboratoriais, consultas
multiprofissionais com valores acessíveis, sem pagamento de mensalidade ou taxa de
adesão. A empresa foi criada por um grupo de sócios, entre eles Vitor Moura, CEO.
Conta com mais de 11 mil profissionais de saúde, clínicas de exames em 12 capitais e
99 cidades, e ainda mais de 22 mil farmácias na rede de descontos em medicamentos.

Sobre o GRUPO SEGURADOR BANCO DO BRASIL E MAPFRE - Resultado da união
estratégica entre o Banco do Brasil e a MAPFRE Seguros, o GRUPO SEGURADOR BANCO
DO BRASIL E MAPFRE conta com 5.600 colaboradores, mais de 28 mil pontos de venda,
incluindo corretores e agências bancárias. Possui um dos mais amplos portfólios de
produtos do mercado, além de unidades de negócios especializadas, presença territorial
abrangente e distribuição multicanal. ...

Renovada permanência da Força Nacional no RS por mais 180 dias


A autorização para a continuidade da Força Nacional de Segurança Pública (FNSP) no Rio
Grande do Sul foi publicada no Diário Oficial da União (DOU), na edição desta sexta-feira
(29). Os 200 agentes permanecerão no RS por mais 180 dias, a contar de 1º de janeiro de
2018. A equipe enviada pela União vai atuar no policiamento ostensivo de Porto Alegre e na
perícia forense, garantindo a preservação da ordem pública.

O secretário da Segurança Pública, Cezar Schirmer, avaliou positivamente a manutenção da
FNSP no estado. “Desde que chegou a Porto Alegre, a Força Nacional tem contribuído muito
no policiamento ostensivo da capital, realizando um trabalho integrado com as forças
policiais locais para áreas conflagradas. A permanência pelos próximos seis meses vai
auxiliar na manutenção do efetivo na região”, afirmou.

A FNSP chegou a Porto Alegre em 28 de agosto de 2016, dois dias após o governador José
Ivo Sartori viajar a Brasília pedindo o reforço federal. Ainda nesse mês, a equipe começou a
atuar de forma integrada com a Brigada Militar na Operação Avante. ...




Edição n° 175 - Janeiro 2018

Selecionar Edição
  • Edição n° 178
  • Edição n° 177
  • Edição n° 176













  • Av. Roque J. O. Giacomelli, nº 542, Pq. Eldorado - Eldorado do Sul - Fone (51) 3481 1821