Eldorado do Sul, Guaíba e Região Carbonífera, 23 de Janeiro de 2018. Página Inicial | Contato
SEÇÕES
Artigo
Educação
Eldorado do Sul
Especial
Geral
Guaíba
Produtos e Serviços
Região Carbonífera
Saúde
Flagrante na Foto
Anunciantes
LINKS
Portal Eldorado
Lantec
Envie sua Mensagem

Você é o visitante n°
13861534


Edicão n° 175 de Janeiro 2018


EDUCAçãO

Escolas estaduais reduzem índices de violência por três semestres seguidos


Levantamento realizado pela Secretaria da Educação (Seduc), por meio do programa
Comissão Interna de Prevenção de Acidentes e Violência Escolar (Cipave), mostra que o
índice de violência nas escolas da rede pública estadual vem diminuindo gradativamente.

O mapeamento do segundo semestre de 2016 apontava 55.750 casos de violência
contra 40.607 no segundo semestre deste ano, ou seja, uma redução de 27,2% nas
1.796 escolas pesquisadas. O primeiro semestre de 2017, com 52.985 casos, já vinha
apontando para a redução, com 2.765 casos a menos do que o segundo semestre de
2016. A diferença entre o primeiro e o segundo semestre deste ano, por sua vez, aponta
uma redução de 12.378 casos de violência no período.

Conforme a coordenadora estadual da Cipave, Luciane Manfro, é preciso destacar a
participação das famílias e dos alunos. Segundo ela, o engajamento de todos foi o
principal motivo dos resultados positivos. “Temos que enfatizar a participação dos pais e
dos estudantes que, neste ano, tiveram um engajamento muito maior no enfrentamento
da violência. Esse foi o diferencial para a evolução do programa no Rio Grande do Sul”,
explicou.

Os casos de indisciplina em sala de aula, por exemplo, sofreram uma redução de 30,8%.
Foram 25.888 no segundo semestre de 2016 contra 17.938 no último semestre de 2017.
Os casos de bullying passaram de 6.775 contra 4.946 no mesmo período (-27%) e o uso
ou tráfico de drogas passou de 1.003 casos para 610, com uma redução de 39,2%.

Metas

Além da criação de um aplicativo e do jogo de computador que vai permitir que os
jovens lidem com os conflitos de forma virtual, a meta de 2018 para a Cipave é a
atualização on line e trimestral dos dados sobre a violência no site do programa e a
formação de comissões em todas as escolas da rede estadual. Do total de 2.545 escolas,
2.430 participam do programa.

A Cipave ainda vai contar com novos parceiros, como a Ordem dos Advogados do Brasil
(OAB RS), a Fundação de Articulação e Desenvolvimento de Políticas Públicas para
Pessoas com Deficiência e com Altas Habilidades no Rio Grande do Sul (Faders), os
Escoteiros do Brasil e a Fundação Milton Campos. ... ...




Edição n° 175 - Janeiro 2018

Selecionar Edição
  • Edição n° 175
  • Edição n° 174
  • Edição n° 173













  • Av. Roque J. O. Giacomelli, nº 542, Pq. Eldorado - Eldorado do Sul - Fone (51) 3481 1821