Eldorado do Sul, Guaíba e Região Carbonífera, 17 de Novembro de 2017. Página Inicial | Contato
SEÇÕES
Artigo
Educação
Eldorado do Sul
Especial
Geral
Guaíba
Produtos e Serviços
Região Carbonífera
Saúde
Flagrante na Foto
Anunciantes
LINKS
Portal Eldorado
Lantec
Envie sua Mensagem

Você é o visitante n°
8005611


Edicão n° 173 de Novembro 2017


EDUCAçãO

Site promove aulas gratuitas para segunda prova do ENEM


O Stoodi - plataforma de educação a distância com foco em Enem e pré-vestibular, promove
amanhã, 9, e quinta, 10, três monitorias gratuitas e ao vivo com foco na segunda etapa do
Enem, que acontece neste domingo, 12.

Na quinta-feira, a monitoria de Ciências da Natureza começa às 11h. Às 17h, o estudante
pode acompanhar a revisão de Química. Já na sexta-feira, a monitoria de Matemática começa
às 14h. O vestibulando consegue acompanhar as aulas por meio de login gratuito na
plataforma do Stoodi.

Para acompanhar as monitorias, o estudante pode baixar dois e-books gratuitos, que servem
de roteiro para as aulas de Ciências da Natureza e Matemática.

Além da revisão de vários pontos, os e-books trazem exercícios de outras edições do Enem,
além de dicas de estudo e também sobre como cada tópico pode ser cobrado.

Para acompanhar as monitorias, acesse o link www.stoodi.com.br/stoodi-no-enem/


Lançado em 2013, o Stoodi é uma startup de educação à distância que oferece videoaulas,
plano de estudos e monitorias transmitidas ao vivo. A plataforma nasceu com o objetivo de
democratizar o acesso à educação no país, oferecendo uma plataforma intuitiva e acessível
para facilitar a vida dos estudantes em fase pré-vestibular e de alunos do ensino médio que
precisam de reforço escolar. A plataforma já conta com 800 mil alunos cadastrados e 40
milhões de aulas assistidas, que correspondem a 5 milhões de horas de conteúdo.





...

Senac abre inscrições para cursos técnicos a distância


Estão abertas as inscrições para as turmas do primeiro semestre de 2018 dos cursos
técnicos a distância do Senac. No total, são 11 diferentes opções nas áreas de comércio,
design, gestão, informática, meio ambiente, segurança e turismo. Com aprendizado em
ambiente digital, o Senac EAD garante flexibilidade de tempo e espaço aos alunos,
facilitando a conciliação entre os estudos e os compromissos do dia a dia.

A necessidade e frequência das atividades presenciais variam de acordo com o curso
técnico escolhido, podendo ocorrer em três diferentes formatos: encontros conectados,
videoaulas e encontros presenciais. Nos encontros conectados, o aluno vai ao polo
escolhido para acompanhar uma webconferência, interagindo virtualmente com o tutor
em tempo real. Geralmente, esse formato é utilizado em aulas inaugurais, estimulando o
contato com outros estudantes da turma e com os profissionais e estrutura disponíveis
no polo selecionado.

A videoaula é o formato mais utilizado pelos cursos técnicos do Senac EAD,
possibilitando que o aluno escolha onde e quando acessará o conteúdo disponível. Neste
formato, ainda há a possibilidade de selecionar uma data para interagir virtualmente
com os tutores, em tempo real. Já no encontro presencial, o aluno participa de aulas
ministradas pelo tutor no próprio polo selecionado no momento da matrícula. O formato,
que envolve atividades como aulas práticas e saídas de campo, são mais frequentes no
curso Técnico em Segurança do Trabalho e Técnico em Guia de Turismo.

Diploma
O diploma de Técnico de Ensino Médio tem validade nacional. A lei garante que os
diplomas conferidos aos alunos de cursos a distância têm o mesmo valor que os
conferidos aos alunos de cursos presenciais, sendo aceitos no mercado de trabalho sem
distinção.

Inscrições
A inscrição é gratuita e deve ser realizada no site http://www.ead.senac.br/cursos-
tecnicos até o mês de abril. Confira, abaixo, os cursos disponíveis:
Técnico em Transações Imobiliárias
Técnico em Design de Interiores
Técnico em Administração
Técnico em Logística
Técnico em Qualidade
Técnico em Recursos Humanos
Técnico em Programação de Jogos Digitais
Técnico em Informática
Técnico em Meio Ambiente
Técnico em Segurança do Trabalho
Técnico em Guia de Turismo


Caroline Corrêa

Núcleo de Atendimento Senac-RS ...

Governo anuncia ao Cpers/Sindicato que salário pode ser pago integralmente em dezembro


O governo do Estado anunciou, na tarde desta segunda-feira (30), durante reunião na Casa
Civil com a direção do Sindicato dos Professores do Rio Grande do Sul (Cpers/Sindicato), que
os servidores estaduais podem voltar a receber os vencimentos em dia, a partir do salário de
dezembro, dependendo do resultado bem-sucedido da operação da venda do excedente do
controle acionário do Banrisul na Bolsa de Valores, no final deste mês, e da adesão do Rio
Grande do Sul ao Regime de Recuperação Fiscal dos Estados do governo federal.
Esse foi o principal item do documento entregue pelos secretários da Casa Civil, Fábio Branco,
e da Educação, Ronald Krummenauer, ao comando de greve do Cpers/Sindicato. “A se
confirmarem essas condições, o governo do Estado assume o compromisso de fazer o
pagamento integral da folha no último dia útil do mês, a partir de 30 de dezembro de 2017”,
acentua o documento.
“Sempre dissemos que não tínhamos um plano B, que não poderíamos nos comprometer com
o que não poderíamos cumprir. Isso segue valendo, mas estamos otimistas com o resultado
da operação do Banrisul e, especialmente, quanto à adesão ao Plano de Recuperação Fiscal”,
ressaltou Branco.
O documento contempla, ainda, o atendimento de reivindicações feitas pelo comando de greve
do Cpers: “Como mais um gesto de conciliação para a retomada das aulas, o governo do
Estado se compromete a retirar de tramitação a Proposta de Emenda Constitucional número
257/16, que propunha revogar o artigo 35 da Constituição Estadual. Embora essa proposta
tenha justificativa na realidade financeira do Estado, o governo empenhará esforços para que
não mais precise ser utilizada”.

O governo também voltou a se comprometer em não dispensar contratados temporários por
fatos relacionados à greve deflagrada em 5 de setembro, ressaltando, no entanto, que todos
os deveres profissionais devem ser observados. “Esse é um compromisso que o governo já
havia assumido com a categoria e que é reforçado agora”, acrescentou Krummenauer.
“Portanto, em nome da sociedade, pedimos ainda que as aulas sejam retomadas e que
continuemos com um canal permanente de diálogo para tratar de questões específicas. A Casa
Civil e a Secretaria da Educação, por meio de seus secretários, ficam encarregadas de
estabelecer uma metodologia de permanente interlocução e diálogo com o Cpers/Sindicato,
sempre respeitado o interesse do aluno e o cumprimento do ano letivo”, encerra o documento.
“Estamos confiantes na retomada das aulas, para refazermos o calendário escolar de 2017,
principalmente nas escolas que ficaram mais tempo paralisadas. Contamos também com o
êxito dessa operação do Banrisul junto à Bolsa de Valores, ao final deste mês, para voltarmos
a uma normalidade, não só do pagamento em dia dos professores, mas para todo o conjunto
dos servidores do Executivo”, ponderou Krummenauer.

A reunião teve a participação do deputado estadual e líder do governo, Gabriel Souza, e da
secretária adjunta da Educação, Iara Wortmann. ...

Escola de Música da Ospa abre vagas para novos alunos


A Escola de Música da Orquestra Sinfônica de Porto Alegre (Ospa) tem boas notícias para
crianças e jovens que querem se aperfeiçoar em instrumentos musicais de orquestra ou em
prática em coral. A instituição lançou a seleção de novos alunos para 2018. As inscrições para
o processo seletivo podem ser feitas a partir desta segunda-feira (30) até 10 de novembro,
das 9h às 12h e das 13h30 às 17h, na Escola de Música da Ospa (Avenida Desembargador
André da Rocha, 50). O edital está disponível em www.ospa.org.br.
Neste ano, a Escola de Música aumentou em 30% o número de vagas em relação ao ano
passado. “São 83 novas vagas, a maior quantidade em três anos. Além disso, pela primeira
vez, estamos reservando quatro vagas para pessoas com deficiência, para o curso de Prática
de Canto em Coro de Câmara”, comentou Diego Grendene de Souza, diretor da instituição.
Nessa modalidade (prática em coro), 10 vagas são reservadas a pessoas de baixa renda.
Crianças a partir de oito anos podem se inscrever para as seguintes modalidades de
instrumentos: violino, viola de arco, contrabaixo acústico tocado com arco, flauta transversal,
oboé, fagote, trompa, trompete, trombone, eufônio, tuba e percussão. Já para aulas de canto
coral, é necessário ter entre oito e 20 anos, e não é obrigatório conhecimento teórico-musical
prévio. Os candidatos serão escolhidos conforme desempenho em audição.
Para todas as modalidades, os interessados precisam estar comprovadamente matriculados no
ensino regular ou já ter concluído o Ensino Médio. Os testes, agendados no ato da inscrição,
serão realizados até o dia 24 de novembro. As partituras das obras que serão avaliadas estão
disponíveis no site da orquestra até quarta-feira (1º).
Mais informações pelo telefone (51) 3228-6737 ou pelo email
escolademusica.ospa@gmail.com.
Sobre a Escola de Música da Ospa
Fundada em 1972, a Escola de Música da Ospa - Conservatório Pablo Komlós cumpre função
fundamental para o fomento cultural no Rio Grande do Sul. Promove formação musical
gratuita, voltada para músicos de orquestra, oferecendo oportunidade de profissionalização na
área. Grande parte dos instrumentistas que hoje integram a Ospa estudaram na instituição,
bem como muitos músicos que atuam em outras orquestras ou nas mais diferentes áreas da
música, no Brasil e no exterior.
A escola, coordenada por Diego Grendene de Souza, atende em torno de 200 alunos. Todos os
professores são instrumentistas da Ospa. Além disso, a instituição conta com grupos
orquestrais, regidos por Arthur Barbosa, e com um coro regido por Cosmas Grieneisen.
Mantém projetos de inserção social como o 'Escola da Ospa na Comunidade', que leva recitais
de grupos de alunos em lugares como hospitais, escolas, lares de idosos e praças, e o 'Recitais
na Biblioteca', que promove apresentações de estudantes avançados na Biblioteca Pública do
Estado.
No próximo ano, a Escola de Música passa a funcionar no Palácio do Vice-governador
(Palacinho), que foi cedido pelo governo do Estado para a Ospa. ... ...




Edição n° 173 - Novembro 2017

Selecionar Edição
  • Edição n° 173
  • Edição n° 172
  • Edição n° 171













  • Av. Roque J. O. Giacomelli, nº 542, Pq. Eldorado - Eldorado do Sul - Fone (51) 3481 1821