Eldorado do Sul, Guaíba e Região Carbonífera, 26 de Setembro de 2020. Página Inicial | Contato
SEÇÕES
Artigo
Educação
Eldorado do Sul
Especial
Geral
Guaíba
Produtos e Serviços
Região Carbonífera
Saúde
Flagrante na Foto
Anunciantes
LINKS
Portal Eldorado
Lantec
Envie sua Mensagem

Você é o visitante n°
31549230


Edicão n° 206 de Agosto 2020


Governo anuncia ajustes no modelo de Distanciamento Controlado
12/06/2020

Com o objetivo de reduzir os riscos de esgotamento do sistema de saúde, garantir maior
segurança aos gaúchos, e aumentar a aderência às medidas de enfrentamento ao
coronavírus, o governo do Estado anunciou, nesta quinta-feira (11/6), ajustes no
modelo de Distanciamento Controlado.

A estratégia, implementada no dia 10 de maio em todo o Rio Grande do Sul, utiliza-se
de evidências científicas e análise de dados para definir níveis de riscos (traduzidos em
bandeiras) e aplicar restrições na proporção, momento e local em que forem
necessárias, com protocolos para cada atividade econômica conforme a região.

“Estamos agora na quinta semana do Distanciamento Controlado. É um modelo inédito,
totalmente inovador, que faz essa conciliação da prioridade de preservação à vida com a
retomada econômica responsável. Era um modelo teórico, obviamente. A partir da
observação de como se comportou na prática, foram definidas algumas alterações,
sugeridas pelos membros do Comitê de Dados”, disse o governador Eduardo Leite na
transmissão por rede social nesta quinta-feira (11/6).

“O modelo vai ficar mais sensível a mudanças, para que possamos dar mais segurança
para atendimento hospitalar no futuro”, acrescentou.

Conforme a coordenadora do Comitê de Dados, vinculado ao Gabinete de Crise, Leany
Lemos, os ajustes são fruto do monitoramento diário feito pelas equipes técnicas que
estão trabalhando no Distanciamento Controlado e de sugestões de especialistas em
saúde, tendo sido amplamente discutidos nas reuniões dos grupos técnicos e validadas
pelo Conselho de Especialistas, para então serem efetivados.

“Esse processo foi construído com muito diálogo, transparência e é fruto de um intensivo
monitoramento, pelas nossas equipes multidisciplinares, não só das bandeiras semanais,
mas de dados diários e de projeções que são elaboradas pelo menos a cada 15 dias”,
apontou Leany.

Foram feitos três conjuntos de ajustes (veja detalhamento ao final do texto):

1) mudança no ponto de corte de sete indicadores;
2) alteração em indicadores;
3) modificação e adoção de dois gatilhos de segurança.

“A grande intenção é conseguir anteceder um colapso, quando estoura a capacidade de
leitos de UTI e a probabilidade de óbitos é muito maior. Queremos antecipar algo que
pode acontecer, que aconteceu no mundo e em outros Estados. Por isso, estamos
aperfeiçoando agora, e seguiremos aprimorando sempre que for necessário”, afirmou
Pedro Zuanazzi, diretor do Departamento de Economia e Estatística (DEE).

O governador ressaltou que as mudanças que estão sendo adotadas – já serão
consideradas na rodada deste sábado (13/6) – não teriam alterado a cor das bandeiras
finais das regiões nas últimas semanas. Mas os indicadores atuais indicam que devem
mudar nas próximas.

“Não comprometeu a segurança até aqui, mas, daqui para frente, entendemos que
temos de ter maior estreitamento para mudanças de bandeiras, para que a gente possa
capturar essas inflexões de curva nas internações e agir no momento em que se fizer
necessário, com mais restrições, para evitar que haja uma perda de controle”, destacou
Leite.

Por fim, o governador reforçou o pedido para que toda a população permaneça atenta
aos protocolos e determinações, porque a pandemia oferece sérios riscos.

“Precisamos da sociedade gaúcha engajada no modelo do Distanciamento Controlado.
Isso significa respeitar os protocolos da bandeira da sua região, usar máscara, fazer
higienização constante e dispor de EPIs, porque se não houver respeito aos protocolos,
vai haver aumento de casos, e havendo isso, as bandeiras vão migrar para mais
restrições. Não queremos isso, mas não está nas mãos do governo. Está nas mãos da
sociedade gaúcha. Por isso que precisamos do engajamento de todos. Não é volta ao
normal, não é flexibilização, ainda estamos distantes de uma volta à normalidade”, disse
Leite.

VEJA O QUE MUDA NO DISTANCIAMENTO CONTROLADO

1. Mudança no ponto de corte de indicadores por tipo de medida:
O objetivo é reforçar a antecipação dos efeitos da pandemia e a segurança da
população. Com base em diversas simulações de cenários, percebeu-se que as bandeiras
estavam demorando muito para sinalizar piora de indicadores. Para alcançar essa
antecedência, foi preciso um novo olhar. Assim, os pontos de corte se tornam mais
estreitos e refletem melhor a realidade, conferindo maior segurança ao modelo, que se
torna mais sensível a mudanças para garantir o atendimento no futuro. As mudanças
serão feitas nos pontos de corte dos indicadores, como velocidade do avanço da doença,
incidências de novos casos e mudança da capacidade de atendimento.

2. Alteração nos indicadores de óbito por Covid-19, Ativos/Recuperados e número de
leitos de UTI livres (Macrorregião e Estado)

• Projeção de óbitos:
O indicador de óbitos por Covid-19 a cada 100 mil habitantes mostra a evolução da
doença com defasagem, uma vez que um óbito reflete o adoecimento de semanas atrás.
O indicador é válido para mostrar a realidade atual, mas não antecipa, e o objetivo do
Distanciamento Controlado é também prever deterioração, de modo que medidas
possam ser tomadas com antecedência para que as UTIs não cheguem ao limite de
atendimento.

Sendo assim, o cálculo deixa de utilizar o número de óbitos ocorridos na semana de
referência e passa a utilizar projeções para os próximos 14 dias, com base na variação
de pacientes confirmados para Covid-19 em leitos de UTI e no número de óbitos
acumulados na semana de referência.

• Indicador de Ativos/Recuperados:
O indicador de Estágio da Evolução passa a considerar todos os casos ativos na semana
de referência em relação aos recuperados nos 50 dias anteriores ao início da semana. Ao
considerar um período maior de tempo, amenizam-se os efeitos da defasagem entre a
data do início dos sintomas e a inclusão dos casos confirmados.

• Razão de ocupação de leitos de UTI por Covid-19:
A capacidade de atendimento passa a ser avaliada com base na razão entre a
quantidade de leitos de UTI livres e o número de leitos de UTI ocupados por pacientes
confirmados para Covid-19. A proposta vale para os indicadores que avaliam a
capacidade do Estado e das macrorregiões, que antes levava em consideração o número
de leitos de UTI livres para Covid-19 para cada 100 mil idosos.

3. Gatilhos de segurança
• Redução de cinco para três hospitalizações registradas nos últimos 14 dias na trava
para deixar a bandeira da semana anterior:
A mudança torna a redução de bandeira mais cautelosa. A partir deste sábado (13/6), o
máximo de casos novos de hospitalização por Covid-19 que a região poderá observar
para conseguir reduzir a bandeira é de três. Antes, o limite era cinco novas
hospitalizações nos últimos 14 dias.
• Regra das bandeiras preta e vermelha:
Se uma região atingir bandeira final vermelha ou bandeira preta, será preciso duas
semanas consecutivas com bandeiras menos graves para que a região possa obter
redução na classificação de risco. Isso trará maior segurança para caracterizar a efetiva
melhora nas condições de uma região.






Edicão n° 206 de Agosto 2020
22/09/2020 - Parque Assis Brasil recebe os primeiros animais da Expointer 2020
22/09/2020 - Bombeiros lançam Sistema Online de Licenciamento para PPCIs na forma completa
22/09/2020 - Estado recebe os 230 monitores comprados para leitos de UTI
22/09/2020 - DetranRS adota novas medidas para minimizar impactos da pandemia nos exames de habilitação
22/09/2020 - Vendas da agricultura familiar serão em formato drive-thru na Expointer 2020
18/09/2020 - Programa Estadual de Revitalização de Bacias é tema de encontro
18/09/2020 - Governador confirma interesse do RS em sediar nova escola para formação e graduação de sargentos do Exército
18/09/2020 - Estado recebe mais 100 respiradores do Ministério da Saúde
18/09/2020 - Secretaria da Saúde e UFRGS firmam novo convênio para a realização de diagnóstico da Covid-19
18/09/2020 - Atendimento para solicitar carteira de identidade é ampliado na capital
16/09/2020 - Liquidação de estoque de Pilchas Gaúchas
12/09/2020 - Sete regiões estão em bandeira vermelha na 19ª rodada do Distanciamento Controlado
12/09/2020 - Empresa parceira na PPP do Saneamento é apresentada a prefeitos de Guaíba e Eldorado do Sul
12/09/2020 - Empresa parceira na PPP do Saneamento é apresentada a prefeitos de Guaíba e Eldorado do Sul
10/09/2020 - Poderes do Estado se unem para incentivar a doação de órgãos
10/09/2020 - 1ª Exposição Virtual de Produtos de Artesanato do RS é lançada
10/09/2020 - Banco de Alimentos da Ceasa registra recorde mensal de doações
10/09/2020 - DNIT alerta para alterações no trânsito da BR-116/BR-290/RS devido à instalação de vigas na Nova Ponte do Guaíba
10/09/2020 - Casa de Cultura Mario Quintana e Iecine lançam 1º Festival Cinema Negro em Ação
08/09/2020 - NOTA OFICIAL Retomada das aulas nas instituições de Ensino em Eldorado do Sul
08/09/2020 - BOLETIM INFORMATIVO CORONAVÍRUS - SMS ELDORADO DO SUL 08/09/2020
02/09/2020 - Lacen se aproxima dos 50 mil testes de Covid-19 realizados desde março
02/09/2020 - Ciclo de Palestras AMRIGS debate saúde mental e prevenção desde a infância
02/09/2020 - RS tem melhor índice do Sul no ranking de transparência no combate à Covid-19
29/08/2020 - RS tem 10 regiões preliminarmente em vermelho na 17ª semana do Distanciamento Controlado
29/08/2020 - Inscrições para seleção do curso de cuidadores de idosos começa na segunda-feira
29/08/2020 - Governo inaugura Penitenciária Estadual de Sapucaia do Sul
29/08/2020 - DNIT inicia aplicação de asfalto na Nova Ponte do Guaíba/RS
29/08/2020 - Bares e restaurantes terão Regime Diferenciado de Apuração para estimular o setor
21/08/2020 - Mapa preliminar da 16ª rodada do Distanciamento Controlado tem 13 regiões vermelhas
21/08/2020 - Secretaria da Saúde e Cosems buscam ampliar para 100% a cobertura do Samu no Estado
21/08/2020 - Fiscalização apreende 2 mil produtos e 1,5 tonelada de alimentos
17/08/2020 - Asilo Padre Cacique solicita doação de alimentos e itens de higiene pessoal
17/08/2020 - Cursos de informática gratuitos da Dell estão com inscrições abertas
17/08/2020 - Inteligência Artificial e Big Data cada vez mais presentes no exercício da Medicina
17/08/2020 - DNIT alerta para estreitamentos de pista em função das obras da Nova Ponte do Guaiba
17/08/2020 - Evento online do Hospital Moinhos discute uso da imunoterapia contra o câncer de mama
10/08/2020 - PRF recupera carro roubado em Eldorado do Sul
07/08/2020 - Parceria garante postos de testagem e aplicativo para rastreamento de casos de Covid-19
07/08/2020 - DetranRS implementa aplicação remota de exames teóricos
05/08/2020 - Equipes do Samu de Porto Alegre recebem roupas especiais para atendimento
05/08/2020 - Porto Alegre recebe doação de mais 20 ventiladores pulmonares
05/08/2020 - Boletim de Atualização sobre Covid-19 em Eldorado do Sul
05/08/2020 - Prefeitura reforça fiscalização de enfrentamento a Covid 19
05/08/2020 - Semana Mundial da Amamentação
05/08/2020 - Reforma com transparência
05/08/2020 - Na 13ª rodada do Distanciamento Controlado, seis regiões permanecem em bandeira vermelha
02/08/2020 - Serviços de Contabilidade
02/08/2020 - Telefone de contato do Tudo Fácil mudou
02/08/2020 - Geoportal RS disponibiliza painéis com dados da Covid-19 por município
02/08/2020 - Semana Mundial de Aleitamento Materno terá programação on-line em agosto
02/08/2020 - Brasil extingue documento de licenciamento de veículo em papel-moeda
01/08/2020 - Farmácia do Noel
01/08/2020 - Barbearia Roque
01/08/2020 - Restaurante D'FAZENDA
01/08/2020 - 13ª rodada do Distanciamento Controlado recebe 34 pedidos de reconsideração de bandeira
01/08/2020 - Com novas unidades em Camaquã e São Jerônimo, RS alcança ampliação de 90,6% em leitos de UTI
01/08/2020 - Começa contratação dos contemplados no FAC Digital RS
01/08/2020 - Mais duas mortes na BR 290 no entroncamento de Charqueadas
30/07/2020 - Mais uma morte na BR 290 em Eldorado do Sul no trevo de acesso a Charqueadas



Edição n° 206 - Agosto 2020

Selecionar Edição
  • Edição n° 206
  • Edição n° 205
  • Edição n° 204







  • Av. Roque J. O. Giacomelli, nº 542, Pq. Eldorado - Eldorado do Sul - Fone (51) 3481 1821