Eldorado do Sul, Guaíba e Região Carbonífera, 19 de Fevereiro de 2020. Página Inicial | Contato
SEÇÕES
Artigo
Educação
Eldorado do Sul
Especial
Geral
Guaíba
Produtos e Serviços
Região Carbonífera
Saúde
Flagrante na Foto
Anunciantes
LINKS
Portal Eldorado
Lantec
Envie sua Mensagem

Você é o visitante n°
30975686


Edicão n° 200 de Fevereiro 2020


Júri popular dos primeiros três acusados da morte de Ronei Jr. iniciou nesta segunda-feira em Charqueadas
23/01/2020

Começou na manhã desta segunda-feira, dia 20, no Fórum de Charqueadas, o júri
popular de três dos nove acusados pela morte do adolescente Ronei Faleiro Jr., ocorrida
em 2015, na saída de uma festa. Além do jovem, foram vítimas de tentativas de
homicídio o pai dele, Ronei Wilson Faleiro, e o casal de amigos Richard Wienke e
Francielle Wienke. Atuam na acusação os promotores de Justiça Marcio Abreu Ferreira
da Cunha, João Sidou e Márcio Schlee.

Os réus Peterson Patric Silveira Oliveira, Vinícius Adonai Carvalho da Silva e Leonardo
Macedo Cunha são acusados dos crimes de homicídio qualificado (meio cruel e recurso
que dificultou a defesa), três tentativas de homicídio qualificado (motivo fútil – apenas
em relação Richard –, meio cruel e recurso que dificultou a defesa), associação
criminosa e corrupção de menores.

O promotor de Justiça Marcio Ferreira da Cunha, titular da Comarca de Charqueadas,
explicou a dinâmica do julgamento, que inicia com o depoimento das três vítimas
sobreviventes. Depois, serão ouvidas as testemunhas e os três acusados. “Encerrada
essa fase de instrução, serão abertos os debates entre acusação e defesa e, após,
haverá a votação do julgamento dos três primeiros réus”, afirmou. A expectativa do
promotor é que o julgamento leve de dois a três dias.

O júri popular, marcado inicialmente para novembro de 2019, foi cindido em três
julgamentos diferentes a pedido da defesa e com a concordância de que os nove réus
permanecessem presos (um deles em prisão domiciliar, os demais em preventiva) até
seus julgamentos. Alisson Barbosa Cavalheiro, Volnei Pereira de Araújo e Geovani Silva
de Souza serão julgados a partir de 13 de abril, e Jhonata Paulino da Silva Hammes,
Matheus Simão Alves e Cristian Silveira Sampaio em 27 de abril. Conforme o Ministério
Público, eles formavam o “bonde da aba reta”. Todos tinham à época do fato entre 18 e
21 anos e responderão pelos mesmos crimes.

O CRIME

Conforme a denúncia do MP, o pai do adolescente, Ronei Wilson Jurkfitz Faleiro (também
vítima), deixou seu filho Ronei Jr. na noite de 31 de julho, uma sexta-feira, às 22h, no
Clube Tiradentes, em Charqueadas. O combinado era que iria buscá-lo às 5h. A festa era
promovida para arrecadar fundos para a formatura no Ensino Médio da turma do jovem.
Por volta do horário combinado, o pai ligou para seu filho, que pediu para que
aguardasse mais 15 minutos e desse carona a um casal de amigos.

O pai foi até a porta do clube para falar com o filho e o casal. Eles rapidamente
aceleraram o passo para entrar no carro. Ronei Jr. foi o último a ingressar no veículo,
cercado por outros jovens, que chutavam o automóvel e tentavam abrir as portas. O pai
passou a ser atingido com garrafadas, socos e pontapés, recebendo, inclusive, uma
“voadeira”. Isso impediu que ele evitasse que o grupo abrisse a porta do carro e
atingisse os três adolescentes. Em um determinado momento, conseguiu se desvencilhar
dos agressores, entrou no carro e saiu imediatamente do local.

No caminho, ao perceber as lesões que o filho e o casal haviam sofrido, deslocou-se
rapidamente para o Hospital de Charqueadas. Devido à gravidade, foi encaminhado para
o Hospital Santo Antônio, em Porto Alegre. No entanto, Júnior já teria sido conduzido de
ambulância para a capital sem vida. O principal golpe – que provocou traumatismo
craniano e a consequente morte do adolescente – teria sido ocasionado por um soco
desferido por um dos agressores que estava de soqueira.

Na denúncia, constam um vídeo e áudios em que integrantes do grupo contam,
detalhadamente, como ocorreram as agressões. Os crimes foram cometidos com a clara
intenção de matar, simplesmente pelo fato do amigo de Ronei Jr. residir em São
Jerônimo e não em Charqueadas, como todos os denunciados.

PROCESSOS

A sentença de pronúncia foi proferida em 21 de setembro de 2016, mas parte dessa
decisão foi modificada pelo Tribunal de Justiça do RS, a partir de recursos das partes.
Foram afastadas as qualificadoras de motivo fútil em relação às vítimas Ronei Júnior,
Ronei Wilson e Franciele e a qualificadora de emboscada. O TJ também pronunciou os
acusados pelo delito de associação criminosa, após recurso do MP.

Há um décimo adulto acusado de envolvimento nos crimes. Rafael Trindade de Almeida
foi denunciado depois dos demais e seu caso é apurado em outro processo. Ele já foi
pronunciado e deve ir a júri, ainda sem data marcada.

O ataque a Ronei Jr., seu pai e amigos contou com a participação de menores. O MP
apontou sete na acusação: a quatro deles foi aplicada, em 18 de setembro de 2015,
medida socioeducativa de internação por três anos, prazo máximo estabelecido no
Estatuto da Criança e do Adolescente. Os outros três foram absolvidos.






Edicão n° 200 de Fevereiro 2020
14/02/2020 - Galeria da Penitenciária de Arroio dos Ratos passa por operação de revista
14/02/2020 - Operação afasta prefeito, secretários e vereador por suspeita de crimes licitatórios
14/02/2020 - Ex-presidente de Câmara de Vereadores é condenados a 04 anos de reclusão por fraude em concurso público
14/02/2020 - Acidente com morte na BR 290 próximo ao Posto do Roque
13/02/2020 - Para curtir a praia com as crianças em segurança
13/02/2020 - Saiba o que é preciso observar nas pintas da pele
13/02/2020 - Parque Itapuã inicia última fase do projeto-piloto de reabertura das praias
13/02/2020 - Ações educativas e fiscalização marcam atuação da Balada Segura no Litoral
13/02/2020 - Universidade Estadual recebe inscrições para cursos de especialização
13/02/2020 - Certificado de Registro e Licenciamento do Veículo já pode ser impresso em casa
13/02/2020 - Calendário Esportivo 2020 é divulgado pela Prefeitura de Butiá
13/02/2020 - Transporte Escolar Consciente. Seminário pioneiro da Prefeitura de Guaíba sobre a segurança das crianças.
13/02/2020 - Nova etapa de vacinação contra o Sarampo
13/02/2020 - Circuito Verão Sesc terá Futevôlei em Guaíba
13/02/2020 - Passe Livre Estudantil
05/02/2020 - Delações Premiadas e prisões preventivas
05/02/2020 - Como diferenciar doenças respiratórias comuns de um eventual caso de gravidade do coronavírus
05/02/2020 - Qualificação com solidariedade em Sapiranga
05/02/2020 - Ajorsul apoia campanha de conscientização contra óculos falsificados
05/02/2020 - Iniciam as obras da Havan em Guaíba
05/02/2020 - Encontro com os coordenadores regionais organiza início do ano letivo de 2020
05/02/2020 - Plano de monitoramento do coronavírus é apresentado aos coordenadores regionais da Saúde
05/02/2020 - Rodeio de Charqueadas está próximo
05/02/2020 - Prefeitura de Charqueadas abre Processo Seletivo Simplificado de Estagiários para Monitoria Educacional e Digital
04/02/2020 - Comprovação do direito da Aposentadoria Especial
04/02/2020 - O que fazer quando acontecem os pequenos ferimentos em crianças
03/02/2020 - Música auxilia no tratamento de pacientes com câncer
03/02/2020 - Dia 5 de maio é último prazo para o recadastramento biométrico para os eleitores de Eldorado do Sul
02/02/2020 - Agentes Comunitários realizam atualização de cadastros
01/02/2020 - Anuncie no Jornal ECO do Jacuí
01/02/2020 - Farmácia do Noel
01/02/2020 - Serviço de Contabilidade
01/02/2020 - Tintas em Arroio dos Ratos
01/02/2020 - Madeira Tratada em Arroio dos Ratos



Edição n° 200 - Fevereiro 2020

Selecionar Edição
  • Edição n° 200
  • Edição n° 199
  • Edição n° 198







  • Av. Roque J. O. Giacomelli, nº 542, Pq. Eldorado - Eldorado do Sul - Fone (51) 3481 1821