Eldorado do Sul, Guaíba e Região Carbonífera, 16 de Dezembro de 2019. Página Inicial | Contato
SEÇÕES
Artigo
Educação
Eldorado do Sul
Especial
Geral
Guaíba
Produtos e Serviços
Região Carbonífera
Saúde
Flagrante na Foto
Anunciantes
LINKS
Portal Eldorado
Lantec
Envie sua Mensagem

Você é o visitante n°
30843223


Edicão n° 198 de Dezembro 2019


Especialista aponta requisitos necessários para que Acordos Extrajudiciais tenham sucesso
14/08/2019

Os dados divulgados recentemente pelo Tribunal Superior do Trabalho chamaram a atenção
para o alto número de Acordos Extrajudiciais ajuizados após a Reforma Trabalhista. Os
números da corte superior apontam um aumento de 1000% nos procedimentos abertos para a
composição entre empregados e empregadores, principalmente de rescisões de contrato de
trabalho. Porém, o que as notícias não revelaram é que muitos acordos são indeferidos pelos
juízes do trabalho por falta de preenchimento dos requisitos previstos em lei ou por alguma
nulidade que fere os princípios de Direito.

O acordo extrajudicial é uma excelente oportunidade para as ocasiões em que tanto
empregado quanto empregador não querem continuar com a relação de emprego. A partir
dessa livre vontade das partes, cada uma contrata seu próprio advogado, obrigatório segundo
a lei, e ingressam com o Acordo Extrajudicial, através de petição, a ser homologado por um
juiz do trabalho. Antes da alteração da CLT, acordos desse tipo eram raros, justamente, por
não terem previsão legal.

- A decisão de homologação é um título executivo judicial e confere quitação dos valores neles
previstos. Ocorre que a lei não obriga o juiz a homologar o acordo, caso entenda que não
estão cumpridos os requisitos ou preservados os direitos do empregado, pois ele não está
subordinado à vontade das partes – explica o advogado especialista em Direito do Trabalho e
sócio do escritório Atílio Dengo Advogados Associados, Alexandre Medeiros Bastos.

Os Tribunais já possuem diversas decisões de nulidade dos acordos em que verificou tratar-se,
na verdade, de lides simuladas. O fato do advogado ser o mesmo para ambas as partes ou o
procurador do empregado ter sido indicado pela empresa, é motivo de indeferimento. Nessas
situações, o juiz além de negar a validade do acordo, aplica multas expressivas à empresa e
aos advogados, por utilizarem o poder judiciário para uma fraude contra os empregados. Por
isso que para verificar se as concessões mútuas são verdadeiras, o juiz do trabalho designa
audiência. A presença das partes perante o juiz evita situações em que a empresa impõe que
seus empregados aceitem o acordo extrajudicial como condição para o recebimento das
verbas rescisórias, desvirtuando o instituto por não haver vontade legítima do trabalhador.

Outro motivo que merece especial atenção, em razão da prevalência do entendimento em
muitos Tribunais, é que a previsão da cláusula de quitação ampla, geral e irrestrita do contrato
de trabalho inviabiliza o acordo.

- Tal cláusula tem o objetivo do empregado dar quitação não apenas dos valores da rescisão,
mas também garantir que não ajuizará uma ação trabalhista futuramente, pleiteando outros
direitos não descritos no acordo. Parte do judiciário trabalhista entende que não pode haver
renúncia antecipada de direitos que ainda não estão disponíveis. Nesse sentido, um acordo
pode ser favorável ao empregado em virtude do rápido recebimento da quantia proposta, mas
impedir o ajuizamento de uma demanda na hipótese de constatação posterior de insatisfação
de seus direitos, significaria negar acesso à Justiça, e esse direito está previsto
constitucionalmente – completa Alexandre.

Em decorrência da crise econômica que o país tem passado nos últimos anos, e o consequente
aumento do desemprego, são as parcelas rescisórias que mais têm sido objeto de acordo
extrajudicial.

Fonte: PlayPress






Edicão n° 198 de Dezembro 2019
13/12/2019 - Prefeitura de Butiá divulga número de novas vagas da Educação Infantil
13/12/2019 - Natal Kids será neste domingo (15), em Butiá
13/12/2019 - 151 alunos de Butiá participaram do PROERD no segundo semestre
11/12/2019 - Recadastramento Biométrico em Eldorado do Sul
11/12/2019 - Praça Fabrício Corrêa Borges é palco da Marcha pela Valorização da Família
11/12/2019 - Prazo para pesagem do Programa Bolsa Família encerra no final de dezembro
11/12/2019 - Instrutores do Proerd são capacitados para atuar com crianças com deficiência
11/12/2019 - Direito adquirido perante a Reforma da Previdência Social
11/12/2019 - PEIC indica continuidade do quadro de endividamento e de inadimplência dos gaúchos
11/12/2019 - Secretário de Saúde de Bom Jesus é afastado em operação do Gaeco-Saúde contra cobrança de exames pelo SUS
11/12/2019 - BikePOA registra novo recorde de viagens em novembro
06/12/2019 - Quase 50 mil já utilizam o documento do veículo no celular
06/12/2019 - Estado recebe R$ 213,2 milhões do governo federal para ampliar atendimento na área da saúde
06/12/2019 - MPRS participa da Operação Petrolato, que investiga armazenamento e descarte ilegal de óleo lubrificante em 10 estados
06/12/2019 - Projetos do Hospital Moinhos de Vento buscam aumentar número de médicos de família e comunidade no Brasil
05/12/2019 - DNIT assina contrato para obras de melhoramentos no trecho metropolitano da BR-116/RS
05/12/2019 - Combate à obesidade infantil passa por mudança de hábitos no estilo de vida
05/12/2019 - TJ indefere liminar pleiteada pelo Cpers buscando evitar corte do ponto de grevistas
05/12/2019 - Ato celebra um ano de funcionamento de ambulatório de cirurgia plástica do Centro de Saúde IAPI
05/12/2019 - Ação conjunta contra fraude de ICMS cumpre mandados na região metropolitana
05/12/2019 - Secretaria Municipal da Fazenda promove 1º Seminário de Sensibilização da NFG - Entidades
05/12/2019 - Eldorado do Sul recebe emenda parlamentar para aquisição de ambulância
05/12/2019 - SMAM realiza revitalização da Prainha da Itaí
05/12/2019 - Cultura nos Bairros acontece neste sábado na Praça Central
02/12/2019 - Prédios e locais públicos terão iluminação especial para o Dezembro Laranja
01/12/2019 - Pracinhas de Madeira Tratada a Preço de Fábrica
01/12/2019 - Farmácia do Noel
01/12/2019 - Tintas em Arroio dos Ratos
01/12/2019 - Preserva Rio Grande - Madeira Tratada em Arroio dos Ratos
01/12/2019 - Detran economizará recursos ao avisar condutores de vencimento da CNH por SMS e e-mail
01/12/2019 - Estudantes do Rio Grande do Sul conquistam 40 medalhas nos Jogos Escolares 2019
01/12/2019 - Consórcio Aegea vence leilão da PPP do saneamento da Corsan
01/12/2019 - Aplicativo do Samu começa a ser utilizado pela população para pedir socorro
01/12/2019 - Sema realiza na terça-feira (3) seminário regional sobre espécies exóticas invasoras
01/12/2019 - Nota Fiscal Gaúcha atinge 1,8 milhão de cidadãos cadastrados
01/12/2019 - Bombeiros divulgam delimitação de áreas para banho em rios e praias do litoral
01/12/2019 - SMTTI realiza ações que proporcionarão maior segurança ao município
01/12/2019 - Projeto de revitalização do Arroio Dilúvio é apresentado em reunião no Ministério Público
01/12/2019 - Reflexões sobre a Saúde: palestras promovidas pela SMS apresentam estratégias para a redução do estresse
01/12/2019 - Eldorado do Sul tem 5 mil títulos de eleitores cancelados
01/12/2019 - Restos de obras, sofás e até máquinas de lavar foram retirados de valo em Guaíba
01/12/2019 - A construção do futuro pela educação
01/12/2019 - Campanha vai examinar gratuitamente pacientes para diagnóstico do câncer de pele no RS
29/11/2019 - Ministério Público cria Rede Ambiental Guaíba
29/11/2019 - Prefeito de Charqueadas protocola projeto de lei para orçamento 2020



Edição n° 198 - Dezembro 2019

Selecionar Edição
  • Edição n° 198
  • Edição n° 197
  • Edição n° 196







  • Av. Roque J. O. Giacomelli, nº 542, Pq. Eldorado - Eldorado do Sul - Fone (51) 3481 1821