Eldorado do Sul, Guaíba e Região Carbonífera, 10 de Dezembro de 2019. Página Inicial | Contato
SEÇÕES
Artigo
Educação
Eldorado do Sul
Especial
Geral
Guaíba
Produtos e Serviços
Região Carbonífera
Saúde
Flagrante na Foto
Anunciantes
LINKS
Portal Eldorado
Lantec
Envie sua Mensagem

Você é o visitante n°
30830067


Edicão n° 198 de Dezembro 2019


Vice-governador prestigia inauguração de projeto de mão de obra prisional
01/06/2019

Em menos de dois minutos, cerca de 1 kg de massa é retirado da misturadora, em quatro
colheradas de espátula, vai para um molde, passa por uma prensa e sai no formato de um
bloco vazado, dividido em duas células. O que seria apenas mais um tijolo é a pedra
fundamental para construção de um caminho de esperança e renovação na vida de detentos
do Presídio Regional de Pelotas, no sul do Estado.

A peça simboliza o início da produção da fábrica de artefatos de concreto dentro da unidade
prisional, inaugurada na quinta-feira (30/5) em cerimônia com a presença do vice-governador
e secretário da Segurança Pública, Ranolfo Vieira Júnior, e da prefeita do município, Paula
Mascarenhas, entre outras autoridades.

O projeto aplica o aproveitamento da mão de obra prisional em benefício do poder público e
como instrumento de ressocialização. A cada três dias de trabalho, os sete presos – que irão
atuar de segunda à sexta-feira, das 8h às 17h – reduzirão um dia de suas penas.

"Criamos a Secretaria da Administração Penitenciária com objetivo principal de ampliar o
número de vagas. Mas não adianta criar por criar. É essencial abrir vagas qualificadas, que
permitam devolver à sociedade cidadãos melhores. Esse projeto de Pelotas se alinha
perfeitamente com nosso propósito", afirmou Ranolfo.

A estrutura vai produzir cerca de 200 blocos de concreto por dia, além de tubos para
canalização. Os materiais serão utilizados em obras da cidade, reformas no presídio e na
construção do Centro de Reintegração Social vinculado à Associação de Proteção e Assistência
ao Condenado (Apac).

O galpão da fábrica foi erguido pelos próprios presos após produzirem 5 mil blocos de
concreto durante a fase de preparação do projeto. Em uma parede lateral, foram pintadas
palavras como "presídio", "participação", "perdão", "profissão" e "paz", que trazem na
primeira letra a inspiração para o nome da fábrica: Artecon P.

Universidade parceira

"Este projeto simboliza um farol para a grande transformação que sonhamos: fincar no nosso
território a bandeira da paz. A Artecon P é exemplo de que é possível fazer a diferença, mudar
vidas e lutar por uma sociedade melhor. Essas pessoas têm direito a uma segunda chance, e
o que nós estamos fazendo é abrir portas para que elas sejam acolhidas e possam
recomeçar”, disse a prefeita Paula Mascarenhas, que entregou certidões de honra aos presos
operários.

"A esperança estava meio longe para nós, e agora a temos. Graças a essas pessoas que
acreditaram em nós, com oportunidade e confiança. Toda a esperança que deram para mim,
vou passar para meus irmãos aqui. Ao sair, pretendo fazer faculdade e continuar colaborando
com eles", agradeceu o detento Jaques da Silva, líder do grupo e que ajudou a recuperar a
maioria do maquinário de trabalho.

A estrutura vai produzir cerca de 200 blocos de concreto por dia, além de tubos para
canalização. Os materiais serão utilizados em obras da cidade, reformas no presídio e na
construção do Centro de Reintegração Social vinculado à Associação de Proteção e Assistência
ao Condenado (Apac).

O galpão da fábrica foi erguido pelos próprios presos após produzirem 5 mil blocos de
concreto durante a fase de preparação do projeto. Em uma parede lateral, foram pintadas
palavras como "presídio", "participação", "perdão", "profissão" e "paz", que trazem na
primeira letra a inspiração para o nome da fábrica: Artecon P.

Universidade parceira

"Este projeto simboliza um farol para a grande transformação que sonhamos: fincar no nosso
território a bandeira da paz. A Artecon P é exemplo de que é possível fazer a diferença, mudar
vidas e lutar por uma sociedade melhor. Essas pessoas têm direito a uma segunda chance, e
o que nós estamos fazendo é abrir portas para que elas sejam acolhidas e possam
recomeçar”, disse a prefeita Paula Mascarenhas, que entregou certidões de honra aos presos
operários.

"A esperança estava meio longe para nós, e agora a temos. Graças a essas pessoas que
acreditaram em nós, com oportunidade e confiança. Toda a esperança que deram para mim,
vou passar para meus irmãos aqui. Ao sair, pretendo fazer faculdade e continuar colaborando
com eles", agradeceu o detento Jaques da Silva, líder do grupo e que ajudou a recuperar a
maioria do maquinário de trabalho.






Edicão n° 198 de Dezembro 2019
06/12/2019 - Quase 50 mil já utilizam o documento do veículo no celular
06/12/2019 - Estado recebe R$ 213,2 milhões do governo federal para ampliar atendimento na área da saúde
06/12/2019 - MPRS participa da Operação Petrolato, que investiga armazenamento e descarte ilegal de óleo lubrificante em 10 estados
06/12/2019 - Projetos do Hospital Moinhos de Vento buscam aumentar número de médicos de família e comunidade no Brasil
05/12/2019 - DNIT assina contrato para obras de melhoramentos no trecho metropolitano da BR-116/RS
05/12/2019 - Combate à obesidade infantil passa por mudança de hábitos no estilo de vida
05/12/2019 - TJ indefere liminar pleiteada pelo Cpers buscando evitar corte do ponto de grevistas
05/12/2019 - Ato celebra um ano de funcionamento de ambulatório de cirurgia plástica do Centro de Saúde IAPI
05/12/2019 - Ação conjunta contra fraude de ICMS cumpre mandados na região metropolitana
05/12/2019 - Secretaria Municipal da Fazenda promove 1º Seminário de Sensibilização da NFG - Entidades
05/12/2019 - Eldorado do Sul recebe emenda parlamentar para aquisição de ambulância
05/12/2019 - SMAM realiza revitalização da Prainha da Itaí
05/12/2019 - Cultura nos Bairros acontece neste sábado na Praça Central
02/12/2019 - Prédios e locais públicos terão iluminação especial para o Dezembro Laranja
01/12/2019 - Pracinhas de Madeira Tratada a Preço de Fábrica
01/12/2019 - Farmácia do Noel
01/12/2019 - Tintas em Arroio dos Ratos
01/12/2019 - Preserva Rio Grande - Madeira Tratada em Arroio dos Ratos
01/12/2019 - Detran economizará recursos ao avisar condutores de vencimento da CNH por SMS e e-mail
01/12/2019 - Estudantes do Rio Grande do Sul conquistam 40 medalhas nos Jogos Escolares 2019
01/12/2019 - Consórcio Aegea vence leilão da PPP do saneamento da Corsan
01/12/2019 - Aplicativo do Samu começa a ser utilizado pela população para pedir socorro
01/12/2019 - Sema realiza na terça-feira (3) seminário regional sobre espécies exóticas invasoras
01/12/2019 - Nota Fiscal Gaúcha atinge 1,8 milhão de cidadãos cadastrados
01/12/2019 - Bombeiros divulgam delimitação de áreas para banho em rios e praias do litoral
01/12/2019 - SMTTI realiza ações que proporcionarão maior segurança ao município
01/12/2019 - Projeto de revitalização do Arroio Dilúvio é apresentado em reunião no Ministério Público
01/12/2019 - Reflexões sobre a Saúde: palestras promovidas pela SMS apresentam estratégias para a redução do estresse
01/12/2019 - Eldorado do Sul tem 5 mil títulos de eleitores cancelados
01/12/2019 - Restos de obras, sofás e até máquinas de lavar foram retirados de valo em Guaíba
01/12/2019 - A construção do futuro pela educação
01/12/2019 - Campanha vai examinar gratuitamente pacientes para diagnóstico do câncer de pele no RS
29/11/2019 - Ministério Público cria Rede Ambiental Guaíba
29/11/2019 - Prefeito de Charqueadas protocola projeto de lei para orçamento 2020



Edição n° 198 - Dezembro 2019

Selecionar Edição
  • Edição n° 198
  • Edição n° 197
  • Edição n° 196







  • Av. Roque J. O. Giacomelli, nº 542, Pq. Eldorado - Eldorado do Sul - Fone (51) 3481 1821