Eldorado do Sul, Guaíba e Região Carbonífera, 16 de Dezembro de 2018. Página Inicial | Contato
SEÇÕES
Artigo
Educação
Eldorado do Sul
Especial
Geral
Guaíba
Produtos e Serviços
Região Carbonífera
Saúde
Flagrante na Foto
Anunciantes
LINKS
Portal Eldorado
Lantec
Envie sua Mensagem

Você é o visitante n°
26733673


Edicão n° 186 de Dezembro 2018


Casos de Aids registram redução progressiva nos últimos dez anos no RS
01/12/2018

A taxa de detecção de Aids no Rio Grande do Sul apresentou redução progressiva nos últimos
dez anos, passando de 46,1 novos casos por 100 mil habitantes em 2007 para 29,4 em 2017,
o que representa queda de 36,2%. Os dados foram divulgados pelo Ministério da Saúde (MS)
nessa terça-feira (27), em alusão ao Dia Mundial de Luta contra a Aids (1º de dezembro).

Na data, a Secretaria da Saúde (SES) reforça o compromisso de enfrentar a epidemia, já que
o RS apresenta uma taxa superior à do Brasil (18,3 casos/100 mil habitantes), sendo a
terceira mais elevada do país (1º Roraima com 36,8 e 2º Amapá com 29,8 casos/100 mil
habitantes). Em dezembro, será lançada a versão virtual do boletim epidemiológico estadual,
que será disponibilizada no site da Secretaria da Saúde.

Gestantes

A taxa de detecção de gestantes com HIV no Brasil apresentou tendência de aumento, sendo
de 2,8 casos para cada mil nascidos vivos em 2017. O RS ocupa o 1º lugar no ranking dos
estados com a maior taxa de detecção, com 9,5 casos para cada mil nascidos vivos.

No Brasil, no período de 2007 a 2017, foi possível observar uma redução na taxa em crianças
menores de cinco anos, chegando a 2,0/100.000 habitantes em 2017. No RS, essas taxas vêm
oscilando ano a ano, porém com tendência de declínio, passando de 13,1 casos por 100 mil
habitantes em 2007 para 6,0/100 mil habitantes em 2017, o que corresponde a uma queda de
54,2%. Porto Alegre, apesar da tendência de declínio, segue sendo a capital com a maior taxa
no país (12,9/100 mil habitantes em 2017).

O tratamento oportuno e adequado das gestantes infectadas pelo HIV evita a transmissão
vertical e consequentemente diminui o número em crianças. A adoção de todas as medidas de
profilaxia, desde o pré-natal até o parto e nascimento, pode reduzir as chances de transmissão
vertical para menos de 1%. A iniciativa estadual de adotar em caráter obrigatório a testagem
do HIV em todas as gestantes e parturientes, independentemente do número de testagens
anteriores, resultou no aumento expressivo da cobertura, principalmente em instituições
privadas e conveniadas, passando de 83% em 2013 para 97,2% em 2017. Essas ações
contribuíram para o aumento do número de gestantes com diagnóstico conhecido.

Mortalidade

No Brasil, o coeficiente de mortalidade padronizado por Aids no período de 2007 a 2017
apresentou uma queda, passando de 5,6 para 4,8 óbitos/100 mil habitantes. Na Região Sul, o
mesmo fato se repete, tendo o coeficiente passado de 8,0 para 6,4 óbitos/100 mil habitantes.
No RS, a mortalidade por Aids tem sido quase o dobro da mortalidade no Brasil nos últimos
anos. Porém, é possível observar um declínio de 21,7% na mortalidade no estado, passando
de 11,5 em 2007 para 9,0 óbitos/100 mil habitantes em 2017. Na capital, apesar da redução
da mortalidade nos últimos anos, é possível verificar que Porto Alegre apresenta o maior
coeficiente entre as capitais brasileiras em 2017, sendo de 24,2 óbitos/100 mil habitantes.

Os dados do boletim epidemiológico apontam redução da taxa de detecção na população em
geral e em menores de cinco anos e queda na mortalidade ao longo dos últimos anos. Apesar
dos avanços, o RS ainda apresenta a terceira taxa de detecção mais elevada entre os estados
brasileiros. Atualmente, aproximadamente 59.600 pessoas fazem uso de terapia antirretroviral
no estado.

Prevenção e diagnóstico

Para fazer frente a este desafio, o Rio Grande do Sul vem investindo em ações de prevenção
combinada, enquanto estratégia de combate e controle da epidemia. Entre as diferentes
tecnologias de prevenção, destaca-se a PEP (Profilaxia Pós-Exposição ao HIV), que consiste no
uso de antirretrovirais em até 72h após uma possível exposição ao vírus, com objetivo de
evitar a infecção. Outra opção de prevenção, destinada a subgrupos populacionais específicos,
é a PREP (Profilaxia Pré-Exposição), que consiste no uso continuado de antirretrovirais por
pessoas soronegativas.

A Atenção Básica tem sido o espaço prioritário de oferta de testagem para HIV, Sífilis e
Hepatites Virais, considerando o papel fundamental das unidades de saúde nas comunidades.
Atualmente, 391 (98%) dos municípios gaúchos oferecem testagem para essas infecções na
Atenção Básica.






Edicão n° 186 de Dezembro 2018
12/12/2018 - Passe Livre Estudantil e Meia Entrada 2019 – Atendimento da AERGS já iniciou para o Ano de 2019
12/12/2018 - Inovação nas mesas de restaurantes
12/12/2018 - Chegou a hora de retirar o bico
12/12/2018 - Medicina brasileira deve contar com nova área de atuação: a oncogenética
12/12/2018 - Corsan recebe prêmio nacional
12/12/2018 - Feira da Agricultura Familiar se inicia em Porto Alegre
12/12/2018 - Chuvas intensas chegam ao Rio Grande do Sul nesta quarta-feira
12/12/2018 - Seminário debate o uso de novas tecnologias na gestão escolar
12/12/2018 - Eduardo Leite tem o primeiro encontro com o presidente eleito
12/12/2018 - Melhor matar a morte do que perder a vida
12/12/2018 - MP de Canoas instaura inquérito civil para investigar contaminação do solo
06/12/2018 - Encontro debate qualificação da gestão das escolas agrícolas
06/12/2018 - Servidores participam de Roda de Conversa pelo fim da violência contra mulheres
06/12/2018 - Operação Avante Papai Noel garante mais segurança nas compras de Natal
06/12/2018 - Prefeitura convida a comunidade a participar do Seminário do Plano Diretor
06/12/2018 - Prefeitura recebe banda musical do PROJARI
06/12/2018 - Rede de ensino municipal recebe novos computadores
06/12/2018 - Guaíba passa a ter vários CEPs.
06/12/2018 - Prefeitura de Butiá concede desconto e da prêmios para o pagamento do IPTU
06/12/2018 - Primeira Infância Melhor (PIM) realiza evento “Semana do Bebê”, em Butiá
06/12/2018 - Depósito de pães com fezes de roedores em supermercado é interditado
06/12/2018 - Saúde na Escola é abordado em seminário no Centro Administrativo
06/12/2018 - Selo do Inmetro será obrigatório para veículos movidos a GNV no RS
06/12/2018 - Homicídios e latrocínios têm queda no estado conforme dados da SSP
06/12/2018 - Operação desbarata organização criminosa que desviou milhões da saúde de Canoas
05/12/2018 - Bobinas de aço aumentam transporte de cargas no Porto de Porto Alegre
05/12/2018 - Viatura doada pela PRF à BM ajudará em ações de combate às drogas nas escolas
05/12/2018 - Cem mil gaúchos já têm a Carteira Nacional de Habilitação no celular
05/12/2018 - Bandidos são mortos ao tentarem assaltar a Caixa Federal em Arroio dos Ratos.
05/12/2018 - Kits de irrigação serão entregues a pequenos produtores rurais em 346 municípios
01/12/2018 - Pracinhas de Madeira Tratada
01/12/2018 - Anuncie no Jornal ECO do Jacuí
01/12/2018 - Farmácia no Parque Eldorado
01/12/2018 - Prazo para placas do Mercosul no RS será 17 de dezembro
01/12/2018 - Secretaria da Educação conclui processo eleitoral de diretores nas escolas estaduais
01/12/2018 - Casos de Aids registram redução progressiva nos últimos dez anos no RS
01/12/2018 - Zero discriminação às pessoas vivendo com HIV/Aids é tema de campanha publicitária e seminário no RS
01/12/2018 - Receita Estadual e MP desbaratam fraude milionária no ramo de alumínio
01/12/2018 - Levantamento alerta para infestação do Aedes aegypti em 93 cidades do RS
01/12/2018 - Dono de mercado é preso em fiscalização
01/12/2018 - Decreto prorroga prazo para convocação de professores em regime especial
01/12/2018 - Governo contrata 40 médicos reguladores para atuar no Samu estadual
01/12/2018 - Operação Primeiro Comando resulta em 18 prisões no combate a homicídios em Porto Alegre
01/12/2018 - A Vero, rede de adquirência do Banrisul, está lançando um plano com máquina de cartão gratuita. Ao aderir ao Plano Free, o credenciado pode ter a máqu
01/12/2018 - DNIT/RS conclui reforma da Ponte do Fandango em Cachoeira do Sul-RS
01/12/2018 - Último mutirão para desapropriações na BR-116/RS termina com 96% de acordo
01/12/2018 - Dermatologistas visitam escolas de Porto Alegre e incentivam fotoproteção das crianças
01/12/2018 - Plano Nacional Diabólico
01/12/2018 - Coluna da OAB/RS
01/12/2018 - Rematrículas e matrículas da Rede Municipal de Ensino iniciaram nesta segunda-feira (26), em Butiá
01/12/2018 - Atenção para a lista dos contemplados com vaga para a creche e outras informações importantes:
01/12/2018 - Prefeito garante dinheiro para a saúde, em Brasília.
28/11/2018 - Transporte escolar de Eldorado do Sul contará com inspetores escolares
28/11/2018 - Decreto torna área privada em espaço público no bairro Sans Souci



Edição n° 186 - Dezembro 2018

Selecionar Edição
  • Edição n° 186
  • Edição n° 185
  • Edição n° 184







  • Av. Roque J. O. Giacomelli, nº 542, Pq. Eldorado - Eldorado do Sul - Fone (51) 3481 1821