Eldorado do Sul, Guaíba e Região Carbonífera, 19 de Julho de 2019. Página Inicial | Contato
SEÇÕES
Artigo
Educação
Eldorado do Sul
Especial
Geral
Guaíba
Produtos e Serviços
Região Carbonífera
Saúde
Flagrante na Foto
Anunciantes
LINKS
Portal Eldorado
Lantec
Envie sua Mensagem

Você é o visitante n°
29540452


Edicão n° 193 de Julho 2019


Casos de Aids registram redução progressiva nos últimos dez anos no RS
01/12/2018

A taxa de detecção de Aids no Rio Grande do Sul apresentou redução progressiva nos últimos
dez anos, passando de 46,1 novos casos por 100 mil habitantes em 2007 para 29,4 em 2017,
o que representa queda de 36,2%. Os dados foram divulgados pelo Ministério da Saúde (MS)
nessa terça-feira (27), em alusão ao Dia Mundial de Luta contra a Aids (1º de dezembro).

Na data, a Secretaria da Saúde (SES) reforça o compromisso de enfrentar a epidemia, já que
o RS apresenta uma taxa superior à do Brasil (18,3 casos/100 mil habitantes), sendo a
terceira mais elevada do país (1º Roraima com 36,8 e 2º Amapá com 29,8 casos/100 mil
habitantes). Em dezembro, será lançada a versão virtual do boletim epidemiológico estadual,
que será disponibilizada no site da Secretaria da Saúde.

Gestantes

A taxa de detecção de gestantes com HIV no Brasil apresentou tendência de aumento, sendo
de 2,8 casos para cada mil nascidos vivos em 2017. O RS ocupa o 1º lugar no ranking dos
estados com a maior taxa de detecção, com 9,5 casos para cada mil nascidos vivos.

No Brasil, no período de 2007 a 2017, foi possível observar uma redução na taxa em crianças
menores de cinco anos, chegando a 2,0/100.000 habitantes em 2017. No RS, essas taxas vêm
oscilando ano a ano, porém com tendência de declínio, passando de 13,1 casos por 100 mil
habitantes em 2007 para 6,0/100 mil habitantes em 2017, o que corresponde a uma queda de
54,2%. Porto Alegre, apesar da tendência de declínio, segue sendo a capital com a maior taxa
no país (12,9/100 mil habitantes em 2017).

O tratamento oportuno e adequado das gestantes infectadas pelo HIV evita a transmissão
vertical e consequentemente diminui o número em crianças. A adoção de todas as medidas de
profilaxia, desde o pré-natal até o parto e nascimento, pode reduzir as chances de transmissão
vertical para menos de 1%. A iniciativa estadual de adotar em caráter obrigatório a testagem
do HIV em todas as gestantes e parturientes, independentemente do número de testagens
anteriores, resultou no aumento expressivo da cobertura, principalmente em instituições
privadas e conveniadas, passando de 83% em 2013 para 97,2% em 2017. Essas ações
contribuíram para o aumento do número de gestantes com diagnóstico conhecido.

Mortalidade

No Brasil, o coeficiente de mortalidade padronizado por Aids no período de 2007 a 2017
apresentou uma queda, passando de 5,6 para 4,8 óbitos/100 mil habitantes. Na Região Sul, o
mesmo fato se repete, tendo o coeficiente passado de 8,0 para 6,4 óbitos/100 mil habitantes.
No RS, a mortalidade por Aids tem sido quase o dobro da mortalidade no Brasil nos últimos
anos. Porém, é possível observar um declínio de 21,7% na mortalidade no estado, passando
de 11,5 em 2007 para 9,0 óbitos/100 mil habitantes em 2017. Na capital, apesar da redução
da mortalidade nos últimos anos, é possível verificar que Porto Alegre apresenta o maior
coeficiente entre as capitais brasileiras em 2017, sendo de 24,2 óbitos/100 mil habitantes.

Os dados do boletim epidemiológico apontam redução da taxa de detecção na população em
geral e em menores de cinco anos e queda na mortalidade ao longo dos últimos anos. Apesar
dos avanços, o RS ainda apresenta a terceira taxa de detecção mais elevada entre os estados
brasileiros. Atualmente, aproximadamente 59.600 pessoas fazem uso de terapia antirretroviral
no estado.

Prevenção e diagnóstico

Para fazer frente a este desafio, o Rio Grande do Sul vem investindo em ações de prevenção
combinada, enquanto estratégia de combate e controle da epidemia. Entre as diferentes
tecnologias de prevenção, destaca-se a PEP (Profilaxia Pós-Exposição ao HIV), que consiste no
uso de antirretrovirais em até 72h após uma possível exposição ao vírus, com objetivo de
evitar a infecção. Outra opção de prevenção, destinada a subgrupos populacionais específicos,
é a PREP (Profilaxia Pré-Exposição), que consiste no uso continuado de antirretrovirais por
pessoas soronegativas.

A Atenção Básica tem sido o espaço prioritário de oferta de testagem para HIV, Sífilis e
Hepatites Virais, considerando o papel fundamental das unidades de saúde nas comunidades.
Atualmente, 391 (98%) dos municípios gaúchos oferecem testagem para essas infecções na
Atenção Básica.






Edicão n° 193 de Julho 2019
18/07/2019 - Agricultura familiar terá mais expositores na Expointer 2019
18/07/2019 - Agentes educacionais começam a trabalhar em escolas no Estado
18/07/2019 - Flagrantes de embriaguez na Balada Segura em Porto Alegre reduzem 36% no primeiro semestre
18/07/2019 - Estudante da Fundação Liberato, representa o Brasil na maior feira de ciências da China
18/07/2019 - SMTT realiza manutenção do sistema de iluminação da Praça Vó Delminda
12/07/2019 - Confira a programação do Seminário de Educação de Guaíba
12/07/2019 - Mais médicos para as USFs em Charqueadas
11/07/2019 - A hora do amanhã
11/07/2019 - Troca-Troca de Sementes beneficia agricultores familiares de 391 municípios gaúchos
11/07/2019 - Estudantes de Santa Cruz exercem a cidadania em projeto de comunicação comunitária
11/07/2019 - Motoristas profissionais das categorias C, D e E já podem fazer reciclagem preventiva
11/07/2019 - Quem compra em Butiá também pode concorrer a prêmios na Nota Fiscal Gaúcha (NFG)
11/07/2019 - Terceira Copinha de Futsal está com inscrições abertas, em Butiá
11/07/2019 - Mulher é flagrada tentando entrar na Modulada de Charqueadas com drogas nas partes íntimas
11/07/2019 - “A Educação de Jovens e Adultos: Possibilidades e Desafios.”
11/07/2019 - “A Educação de Jovens e Adultos: Possibilidades e Desafios.”
10/07/2019 - Guaíba recebe centenas de turistas durante a Copa América
09/07/2019 - RS encerra 1º semestre com menos de mil homicídios depois de nove anos
08/07/2019 - Quatro grupos habilitados para as obras do Trecho 3 da Orla
08/07/2019 - PRF retoma carro roubado usando tecnologia cedida pela prefeitura
08/07/2019 - Cobertaço da Campanha do Agasalho recebe quase 10 doações por minuto no final de semana
08/07/2019 - Alunos de Escola Municipal de Guaíba são premiados na Olímpiada Nacional de Matemática
05/07/2019 - SMAM promove apresentação para diretoria da rede municipal de ensino
05/07/2019 - Mais de 200 pessoas participam da 31ª Rústica de Eldorado do Sul
05/07/2019 - Reformada escola da Zona Sul.
05/07/2019 - Governador sanciona projetos de privatização da CEEE, CRM e Sulgás
05/07/2019 - Daer informatiza autorização para trânsito de cegonheiros
05/07/2019 - Operação Contundência desarticula organização criminosa e prende 12 pessoas
05/07/2019 - Seduc oferece cursos online gratuitos para professores e comunidade escolar
04/07/2019 - Nova placa não será obrigatória para transferência de proprietário dentro do mesmo município.
03/07/2019 - Scaranto Autopeças em novo endereço em Guaíba
03/07/2019 - Mobilização para doações à Campanha do Agasalho se intensifica com a chegada do frio
03/07/2019 - “Essa vitória é um ponto de partida para a modernização da economia”, afirma Leite após a aprovação das privatizações
03/07/2019 - SMTTI amplia rede elétrica no Parque Eldorado
03/07/2019 - Dia 31 é o último prazo para o licenciamento de veículos 2019 com placas finais 9 e zero.
03/07/2019 - Aprovação em Canoas viabiliza PPP do Saneamento na Região Metropolitana
03/07/2019 - Coleta Seletiva de Porto Alegre celebra 29 anos
03/07/2019 - É só o começo do reencontro com a orla
01/07/2019 - Farmácia do Noel
01/07/2019 - Serviço de Contabilidade
01/07/2019 - Barbearia Roque
01/07/2019 - Penitenciária Modulada de Charqueadas intercepta arremesso de material ilícito
01/07/2019 - Novas regras para placas padrão Mercosul começam a valer em 27 de agosto
01/07/2019 - Cursos gratuitos estão com inscrições abertas no Vida Centro Humanístico
01/07/2019 - Estado paga R$ 110 milhões a municípios e hospitais na área da saúde
01/07/2019 - Bombeiros realizam simulado de emergência aquática no Guaíba
01/07/2019 - Detetive Cidadão ajuda a recuperar seis carros no mês de junho em Porto Alegre
01/07/2019 - Jogos Rurais de São Jerônimo
01/07/2019 - Confira o cronograma 2019 da Farmácia Municipal
28/06/2019 - Susepe recebe nova remessa de armamentos
28/06/2019 - Prefeito de Charqueadas visita obra de escola em construção
28/06/2019 - Festa Junina na Cohab
27/06/2019 - Agentes penitenciários executam Operação Pente Fino na Penitenciária de Alta Segurança de Charqueadas
26/06/2019 - Gincana Movimenta RS está com inscrições abertas para escolas municipais e estaduais
26/06/2019 - Doação do IR em Porto Alegre bate recorde e é modelo para sete capitais
25/06/2019 - Secretaria de Saúde de Eldorado do Sul informa
06/06/2019 - Parcerias, concessões e o futuro do Rio Grande



Edição n° 193 - Julho 2019

Selecionar Edição
  • Edição n° 193
  • Edição n° 192
  • Edição n° 191







  • Av. Roque J. O. Giacomelli, nº 542, Pq. Eldorado - Eldorado do Sul - Fone (51) 3481 1821