Eldorado do Sul, Guaíba e Região Carbonífera, 22 de Fevereiro de 2019. Página Inicial | Contato
SEÇÕES
Artigo
Educação
Eldorado do Sul
Especial
Geral
Guaíba
Produtos e Serviços
Região Carbonífera
Saúde
Flagrante na Foto
Anunciantes
LINKS
Portal Eldorado
Lantec
Envie sua Mensagem

Você é o visitante n°
27635942


Edicão n° 188 de Fevereiro 2019


Ex-prefeito que responde a 33 processos perde direitos políticos por fraude em obra de escola
02/07/2018

Acatando pedido do MP em ação civil pública, a Justiça de Getúlio Vargas declarou a
nulidade do Edital de Licitação nº 89/2014 e do contrato administrativo nº 97/2014 do
município de Sertão e condenou o ex-prefeito da cidade, Marcelo D'Agostini, o sócio-
proprietário da empresa Brile Construções Ltda., Diego Brito, e o engenheiro Luiz
Henrique Bertollo por atos de improbidade administrativa. Dessa forma, foi determinada
a suspensão dos direitos políticos pelo período de oito anos para os réus. Eles deverão
ressarcir todos os valores necessários para a conclusão da obra inacabada da Escola
Municipal de Ensino Fundamental João Antonio de Col em vista da fraude perpetuada, o
que deverá ser apurado em liquidação de sentença. Marcelo D'Agostini, Brile
Construções Ltda., Luiz Henrique Bertollo e Diego Brito devem pagar multa civil ao
Município, de forma solidária, equivalente ao dobro do valor indicado no contrato, isto é,
cerca de R$ 350 mil, que deverá ser acrescido de juros moratórios de 1% ao mês e de
correção monetária pelo IGP-M a contar da citação dos réus. Eles estão proibidos de
contratar com o Poder Público ou receber benefícios ou incentivos fiscais ou creditícios,
direta ou indiretamente, pelo prazo de cinco anos.

Conforme a ação do MP, entre junho e agosto de 2014, o ex-prefeito de Sertão, o
engenheiro fiscal de obra contratado pela Prefeitura, Luiz Henrique Bertollo, e o sócio-
administrador da Brile Construções Ltda., Diego Brito, causaram lesão ao erário daquele
município e violaram os princípios da Administração Pública. O então prefeito, mesmo
ciente de que não poderia aditar o contrato para a construção de uma escola, autorizou
a execução da terraplanagem. Em seguida, ele simulou uma licitação, como forma de
deferir o aditivo de valores, a totalidade da obra de terraplanagem, inclusive a parcela
previamente executada, e superdimensionou o valor contratado. Ainda, utilizou
modalidade irregular de licitação, através de pregão, sem atender às exigências
previstas em lei e sem dar a publicidade adequada ao certame. O engenheiro contratado
como fiscal da obra da construção da escola elaborou pareceres para a realização de
terraplanagem apresentando cálculos incorretos para justificar o pagamento do total da
obra à empresa.

Pelo MP, o ex-prefeito Marcelo D'Agostini responde a 16 processos criminais em
andamento, 17 processos cíveis, e é investigado em quatro inquéritos civis e três
procedimentos investigatórios criminais.






Edicão n° 188 de Fevereiro 2019
21/02/2019 - Coluna da OAB/RS
21/02/2019 - Segurança aprimorada: problemas novos, causas clássicas
21/02/2019 - Fugir de blitz de trânsito é infração que gera multa e suspensão do direito de dirigir
21/02/2019 - Atividades movimentam 29ª Abertura Oficial da Colheita do Arroz
21/02/2019 - SEPLAN acompanha a execução das obras do Condomínio Península
21/02/2019 - Smec realiza manutenções preventivas e corretivas de toda a frota escolar
21/02/2019 - Guaíba já tem 5 médicos do Programa Federal Mais Médicos.
21/02/2019 - Prefeito de Butiá recebe comunidade escolar do Benjamin Constant
21/02/2019 - Domingo é a grande final do Campeonato Praiano 2019 em São Jerônimo
18/02/2019 - Charqueadense, servidor da Brigada Militar é bicampeão brasileiro de Parajiu-Jitsu
18/02/2019 - Começam quarta-feira as aulas para os 900 mil alunos das escolas estaduais
18/02/2019 - Leilão do Detran oferta mais de 300 veículos e sucatas em Lajeado na quarta-feira
18/02/2019 - SMAST participa de contratação no Parque Eldorado
18/02/2019 - Equipe da Juventus é campeã do 1º Torneio Municipal de Futebol 7, em Butiá
18/02/2019 - Carnaval de Butiá 2019 será realizado no dia 02 de março
18/02/2019 - Charqueadas terá Terminal Rodoviário
18/02/2019 - Hospital de Charqueadas inaugura ala de saúde mental
18/02/2019 - Vem aí o Rodeio de Charqueadas 2019
17/02/2019 - DNIT/RS realiza serviços de manutenção na BR 116 (Guaíba/Eldorado do Sul)
17/02/2019 - Horários de Içamento da ponte do Guaíba e manutenção da Freeway (BR-290/RS), passarão para concessionária
17/02/2019 - Butiá agora possui Centro de Videomonitoramento 24 horas
15/02/2019 - No Dia Internacional de Luta contra o Câncer Infantil, o diagnóstico precoce pode salvar vidas
15/02/2019 - Coluna da OAB/RS
01/02/2019 - Serviços de Contabilidade em Eldorado do Sul
01/02/2019 - Farmácia do Noel
17/01/2019 - Pracinhas de Madeira Tratada a Preço de Fábrica
02/02/2018 - Nota Fiscal Gaúcha tem mais de R$ 124 mil em prêmios para serem resgatados
02/02/2015 - Interdição da FreeWay



Edição n° 188 - Fevereiro 2019

Selecionar Edição
  • Edição n° 188
  • Edição n° 187
  • Edição n° 186









  • Av. Roque J. O. Giacomelli, nº 542, Pq. Eldorado - Eldorado do Sul - Fone (51) 3481 1821