Eldorado do Sul, Guaíba e Região Carbonífera, 17 de Julho de 2018. Página Inicial | Contato
SEÇÕES
Artigo
Educação
Eldorado do Sul
Especial
Geral
Guaíba
Produtos e Serviços
Região Carbonífera
Saúde
Flagrante na Foto
Anunciantes
LINKS
Portal Eldorado
Lantec
Envie sua Mensagem

Você é o visitante n°
23386959


Edicão n° 181 de Julho 2018


Melanoma: Lesões podem ser sinal de câncer de pele
14/05/2018

Os cânceres de pele são os mais incidentes no Brasil, representando cerca de 30% de todos os casos da doença – um número que chega a 180 mil novos casos por ano, segundo dados do INCA (Instituto Nacional de Câncer). O melanoma corresponde a 4% deste total, mas, apesar de ser um dos tipos de tumores que afetam o órgão com menor prevalência entre a população, é considerado o mais grave e com grande potencial metastático. Entretanto, a chance de cura é de mais de 90% se houver diagnóstico precoce.

Esse tipo de tumor surge por conta do crescimento anormal dos chamados melanócitos, células que produzem a melanina, dando cor e pigmentação à pele. Pessoas de pele clara, cabelos claros e sardas são mais propensas a desenvolver o câncer de pele. A idade é um fator que também deve ser considerado, pois quanto mais tempo de exposição da pele ao sol, mais envelhecida ela fica. Evitar a exposição excessiva e constante aos raios solares sem a proteção adequada é a melhor medida – e isso vale desde a infância. Vale lembrar que, mesmo áreas não expostas diretamente ao sol e menos visíveis – como o couro cabeludo - podem apresentar manchas suspeitas.

De acordo com Dr. Bernardo Garicochea, oncologista e especialista em genética do CPO, unidade do Grupo Oncoclínicas em São Paulo, é importante a avaliação frequente de um dermatologista para acompanhamento das lesões cutâneas. "As alterações a serem avaliadas como suspeitas são o que qualificamos como 'ABCD'- Assimetria, Bordas irregulares, Cor e Diâmetro. A análise da mudança nas características destas lesões é de extrema importância para um diagnóstico precoce".

Além dos cuidados gerais indicados à toda a população quando o assunto é câncer de pele, o que inclui o uso do protetor solar e atenção ao período de exposição solar prolongada, pessoas com propensão a desenvolver o melanoma devem estar constantemente mais atentas, pois ele pode surgir em áreas difíceis de serem visualizadas. "Uma lesão aparentemente inocente pode ser suspeita aos olhos do médico. Métodos diagnósticos auxiliares, como biópsia e dermatoscopia*, podem ser indicados. Além disso, pacientes que já tiveram um tumor de pele diagnosticado estão sob maior risco de apresentar uma recidiva, e devem ser submetidos a exames dermatológicos periódicos", diz o Dr. Bernardo.

Novos tratamentos dobram chances de cura

O melanoma é o tipo de câncer que apresenta o maior número de mutações genéticas no DNA do tumor. Essas mutações podem confundir o sistema imunológico do paciente e dificultar a ação de terapias tradicionais. Por isso, a imunoterapia é uma das grandes aliadas no tratamento da doença.

"A Imunoterapia é o tratamento que promove a estimulação do sistema imunológico por meio do uso de substâncias modificadoras da resposta biológica. Em resumo, trata-se de um grupo de drogas que, ao invés de mirar o câncer, ajuda as nossas defesas a detectá-lo e agredi-lo", explica o oncogeneticista do CPO.

De acordo com ele, 3% dos melanomas são hereditários. Ele indica alguns pontos de atenção que podem indicar propensão à doença:

Pessoas que possuem uma grande quantidade de pintas escuras espalhadas pelo corpo;
Incidência de melanoma em algum parente muito jovem (menos de 35 anos);
Mais de dois casos de melanoma na família (em qualquer idade).

Nesses casos, há um teste genético capaz de identificar se há predisposição genética ao melanoma. O teste coleta uma amostra de saliva ou sangue para detectar a presença de genes ligados à doença. Já para quem não conta com um histórico ou indicação que justifique a realização do exame específico de analise do DNA, o Dr. Bernardo recomenda que, em especial para áreas em que há mais dificuldade de visualização, seja solicitado a um familiar ou conhecido um apoio para a avaliação dos sinais existentes no corpo. "Muitas das pintas suspeitas surgem nas costas e pescoço, lugares de difícil visualização. É muito importante também estar atento a manchas que surjam sob as unhas, na palma das mãos e planta dos pés", finaliza o Dr. Bernardo

*Dermatoscopia é um método que utiliza o dermatoscópio, espécie de microscópio que aumenta a imagem da pele em 10 a 70 vezes e permite a visualização das estruturas cutâneas sem nenhum corte ou desconforto. As imagens colhidas ficam em computador e são regularmente comparadas a cada visita médica.






Edicão n° 181 de Julho 2018
11/08/2018 - Copa Mabilde de Futsal promove integração das escolas das ilhasCopa Mabilde de Futsal promove integração das escolas das ilhas
18/07/2018 - Servidores da Sema recebem habilitação da Marinha para condução de embarcações
16/07/2018 - Prefeitos consideram inviável assumirem a Freeway
16/07/2018 - Unidade Sesc/Senac Guaíba promove curso de Gestão de Pessoas e Relacionamento Interpessoal
16/07/2018 - Em Butiá Nota Fiscal Legal atinge 122 mil cupons trocados em sete meses
16/07/2018 - Ministério Público faz doações de agasalhos para campanha do estado
16/07/2018 - Fepam fiscaliza transporte de produtos perigosos
12/07/2018 - Prefeitura de Butiá cria núcleo para auxiliar entidades do município
12/07/2018 - PRF prendeu um casal de idosos transitando como uma motocicleta roubada em Eldorado do Sul
12/07/2018 - PRF prendeu um homem e aprendeu uma motocicleta que circulava com placa clonada em Butiá
12/07/2018 - Procon RS alerta para novas medidas na área de telefonia móvel
12/07/2018 - Onça parda é flagrada no Parque Itapuã após 16 anos
12/07/2018 - Coluna da OAB/RS
12/07/2018 - DNIT/RS realiza serviços de manutenção na BR 116, sexta, sábado e domingo (13,14,15/07)
12/07/2018 - SBGM defende uso de ácido fólico no primeiro trimestre de gestação
11/07/2018 - Assinado contrato de R$ 50 mil que beneficia produtores da Agricultura Familiar em Butiá
11/07/2018 - Reduzidas tarifas de ônibus que trafegam pela BR-290 e Freeway
11/07/2018 - Mortes por Aids caem no RS, mas autoridades insistem na prevenção
10/07/2018 - PRF prende pela segunda vez um motorista de caminhão por dirigir embriagado
10/07/2018 - Prefeito de Butiá toma posse na diretoria da Famurs
10/07/2018 - Plataforma inteligente monitora segurança e detecta situações de risco
10/07/2018 - Toyota confirma intenção de ampliar investimentos e operações em Guaíba
10/07/2018 - Inscrições para Feira da Agricultura Familiar na Expointer terminam sexta
09/07/2018 - Polícia Rodoviária Federal prende homem transportando carga sem procedência em Guaíba
09/07/2018 - Coordenadoria de Educação qualifica professores em primeiros socorros
09/07/2018 - Hemocentro precisa de doadores de sangue ao longo de todo o ano
09/07/2018 - Ex-prefeito de Bagé deve devolver valor pago para publicação em ranking nacional de melhores cidades
07/07/2018 - Polícia apreende armas de brinquedo e Viagra falsificado em Eldorado do Sul
06/07/2018 - CIB realiza doação de 1.600 peças de roupas a Secretaria Municipal de Assistência Social de Butiá
06/07/2018 - BR-153/RS - Ponte do Fandango é interditada a partir de hoje (06/07), em Cachoeira do Sul
06/07/2018 - Asilo Padre Cacique recebe doação do Ministério do Desenvolvimento Social
06/07/2018 - DNIT libera trecho duplicado da BR-116, em Pelotas/RS
06/07/2018 - Não vacinar é um ato irresponsável
06/07/2018 - Edinho em Guaíba
06/07/2018 - Guaíba implantará sistema de conteinerização de lixo
05/07/2018 - Quanto custa mudar de país?
05/07/2018 - Corsan autoriza início de obras e coloca em operação sistema de esgotos em Guaíba
05/07/2018 - Operação interdita desmanche e apreende 20 toneladas de sucata em Novo Hamburgo
05/07/2018 - Governo do Estado contrata 949 servidores para a Segurança Pública
05/07/2018 - Assinado o edital para Concurso Público da Prefeitura de Eldorado do Sul
05/07/2018 - Firmado protocolo de intenções para combate à discriminação étnico-racial
04/07/2018 - Nota oficial do DNIT referente à BR-290/RS:
03/07/2018 - DNIT/RS restringirá tráfego de caminhões sobre a Ponte do Fandango, em Cachoeira do Sul
03/07/2018 - Parlamento gaúcho reconhece e legitima Programa LIDER
03/07/2018 - Câncer de mama: qual a importância do diagnóstico precoce?
03/07/2018 - A tecnologia na transformação dos motoristas e do trânsito
03/07/2018 - Makro participa de Campanha do Agasalho da Cruz Vermelha
03/07/2018 - Unidade Sesc/Senac Guaíba promove aula experimental do curso de Cuidador de Idosos
03/07/2018 - Como otimizar sua loja virtual no ambiente físico na era das compras sem barreiras
03/07/2018 - Alimentação pode amenizar os efeitos da menopausa
03/07/2018 - Genética cumpre papel importante no diagnóstico do autismo
03/07/2018 - Badesul financia R$ 3,1 milhões para municípios investirem em infraestrutura
03/07/2018 - Operações integradas têm melhores resultados no RS com 97 prisões
03/07/2018 - Eldorado do Sul realiza o II Festival Municipal de Danças
02/07/2018 - Regulamentada a lei que cria política do carvão e polo carboquímico
02/07/2018 - Leilões do DetranRS ofertam mais de 3 mil veículos e sucatas neste mês de julho
02/07/2018 - Estudantes da Fundação Liberato participam de feira no Chile
01/07/2018 - Lavagem automotiva
01/07/2018 - Pracinhas de Madeira Tratada
01/07/2018 - Farmácia do Noel
01/07/2018 - Barbearia Roque
01/07/2018 - Fisioterapia no Parque Eldorado
01/07/2018 - Educadores de Eldorado do Sul recebem treinamento de primeiros socorros
29/06/2018 - Butiá é o segundo município mais desenvolvido da região carbonífera, revela pesquisa
01/06/2018 - Anuncie no Jornal ECO do Jacuí
01/06/2018 - Mecânica e Retífica de Motores
01/06/2018 - Serviços de Contabilidade
07/02/2009 - Homem é preso com 36 kg de drogas e 1,6 mil munições em Alvorada



Edição n° 181 - Julho 2018

Selecionar Edição
  • Edição n° 181
  • Edição n° 180
  • Edição n° 179







  • Av. Roque J. O. Giacomelli, nº 542, Pq. Eldorado - Eldorado do Sul - Fone (51) 3481 1821