Eldorado do Sul, Guaíba e Região Carbonífera, 17 de Outubro de 2018. Página Inicial | Contato
SEÇÕES
Artigo
Educação
Eldorado do Sul
Especial
Geral
Guaíba
Produtos e Serviços
Região Carbonífera
Saúde
Flagrante na Foto
Anunciantes
LINKS
Portal Eldorado
Lantec
Envie sua Mensagem

Você é o visitante n°
26094142


Edicão n° 184 de Outubro 2018


Operação Desmanche em Portão registra maior apreensão de sucata automotiva
24/04/2018

A força-tarefa da Operação Desmanche apreendeu cerca de 400 toneladas de sucata automotiva em ação realizada nesta terça-feira (24), em Portão, no Vale do Rio dos Sinos. A 63ª edição da operação representa a maior apreensão já feita desde o início das atividades, em fevereiro de 2016. Foram recolhidas cerca de 40 carcaças de ônibus, além de diversas peças de motor pesado.

O estabelecimento, localizado na Zona Norte da cidade, foi interditado por crime ambiental. No local, que fica próximo a um rio, peças com vazamento de óleo apresentavam risco de contaminação.

De acordo com o coordenador adjunto da força-tarefa, inspetor Anderson Campos, a apreensão histórica é reflexo do trabalho conjunto realizado por toda a equipe. “Atuamos de forma efetiva em todo o Rio Grande do Sul, com o intuito de combater crimes como receptação e desmanche de veículos. Ações como a de hoje mostram que estamos no caminho certo, identificando e interditando os maiores estabelecimentos irregulares do estado”, afirmou.

A maior apreensão registrada pela operação ocorreu em novembro de 2017, quando foram recolhidas 250 toneladas de sucata automotiva em Soledade, no Alto da Serra do Botucaraí. A Operação Desmanche já resultou na interdição de 99 locais, na apreensão de cerca de cinco mil toneladas de sucata automotiva, além da prisão de mais de 60 pessoas.

Trabalho integrado

A operação integra esforços da Polícia Civil (PC), da Brigada Militar (BM), do Instituto-Geral de Perícias (IGP) e do Detran RS. As peças apreendidas são encaminhadas para a Gerdau, que, a partir de parceria com o Estado, as transforma em material de trabalho e dá um novo destino para os objetos por meio de reciclagem.

A ação já passou por 35 municípios: Portão, Passa Sete, Candelária, Curumim, Soledade, Santa Maria, Carlos Barbosa, Sapiranga, Eldorado do Sul, Erechim, Guaíba, Porto Alegre, Cachoeirinha, Portão, Gravataí, Viamão, Sapucaia do Sul, Canoas, Novo Hamburgo, Montenegro, Pelotas, São Sebastião do Caí, Estrela, Parobé, Esteio, Alvorada, Camaquã, Caxias do Sul, Arroio dos Ratos, Capão da Canoa, Torres, São Leopoldo, Almirante Tamandaré do Sul, Rio Pardo e Sarandi.

Força-tarefa

A força-tarefa foi designada pelo governador José Ivo Sartori para atuar na fiscalização dos estabelecimentos ilegais. Cada um dos órgãos envolvidos tem uma função específica nas operações. A Secretaria da Segurança Pública (SSP) coordena o trabalho e define os alvos, por meio do Setor de Inteligência. O IGP tem a função de identificar peças roubadas e atua na parte criminal das operações, juntamente com a Polícia Civil, que também efetua as prisões. O Detran RS autua administrativamente as empresas e coordena a apreensão da sucata e sua destinação para reciclagem. A BM faz a segurança da operação com policiais do Comando Rodoviário da Brigada Militar (CRBM).

Consulta a peças

O consumidor pode ajudar a desestimular o comércio ilegal de peças usadas, comprando somente em empresas credenciadas ao Detran RS. Essas empresas têm, na fachada, o logotipo do órgão. Além disso, cada peça é vendida com código de barras e nota fiscal eletrônica. Também é possível consultar no site do Detran RS a relação de empresas credenciadas e fazer uma busca por peças e por município. Nos chamados Centros de Desmanches de Veículos (CDVs), além da garantia de origem lícita, as peças passam pelo aval de um responsável técnico, que atesta as condições de segurança.






Edicão n° 184 de Outubro 2018
15/10/2018 - Secretaria da saúde reduz fila nos procedimento e consultas especializadas
15/10/2018 - SMEC divulga datas para matrículas e rematrículas para o ano de 2019
15/10/2018 - Por trás dos genes: entenda o que faz o médico especialista em genética
15/10/2018 - PRF recupera veículo, apreende droga e revólver e prende um homem em Tapes
15/10/2018 - Operação Viagem Segura do feriado fiscaliza mais de 14 mil veículos
15/10/2018 - Leilões do DetranRS ofertam 725 veículos e sucatas em Tramandaí
15/10/2018 - Corsan autoriza obra que vai reforçar abastecimento de Charqueadas e São Jerônimo
04/10/2018 - Operação Desmanche interdita estabelecimento em Montenegro
04/10/2018 - Definido o esquema de segurança para o final de semana das eleições
04/10/2018 - Fase inicia ações de prevenção ao câncer de mama no Outubro Rosa
04/10/2018 - Abertas inscrições para contratação de médicos reguladores
04/10/2018 - RS conquista nove medalhas na etapa regional dos Jogos da Juventude
04/10/2018 - Projeto de robótica beneficia alunos do turno integral da rede pública estadual
04/10/2018 - Hospital de Charqueadas reabre com leitos de saúde prisional, mental e geral
04/10/2018 - Urna Eletrônica, Fraude: Bolsonaro tem razâo
04/10/2018 - Pequenos cuidados ao se barbear ajudam a proteger a pele
04/10/2018 - Urna Eletrônica, Fraude: Bolsonaro tem razâo - Parte II
04/10/2018 - DNIT/RS inicia manutenção periódica na BR-116/RS (Vão móvel até Guaíba)
04/10/2018 - Urna Eletrônica, Fraude: Bolsonaro tem razâo - Parte I
04/10/2018 - Prefeitura e Corsan regularizam a água de mais quatro comunidades
04/10/2018 - Dois guaibenses voltaram do Chile com troféus e vagas para o mundial de Karatê.
04/10/2018 - Prefeito de Butiá e Secretário de Obras definem ações
01/10/2018 - Pracinhas de Madeira Tratada
01/10/2018 - Anuncie no Jornal ECO do Jacuí
01/10/2018 - Barbearia Roque
01/10/2018 - Serviços de Contabilidade
01/10/2018 - Farmácia no Parque Eldorado



Edição n° 184 - Outubro 2018

Selecionar Edição
  • Edição n° 184
  • Edição n° 183
  • Edição n° 182







  • Av. Roque J. O. Giacomelli, nº 542, Pq. Eldorado - Eldorado do Sul - Fone (51) 3481 1821