Eldorado do Sul, Guaíba e Região Carbonífera, 22 de Fevereiro de 2018. Página Inicial | Contato
SEÇÕES
Artigo
Educação
Eldorado do Sul
Especial
Geral
Guaíba
Produtos e Serviços
Região Carbonífera
Saúde
Flagrante na Foto
Anunciantes
LINKS
Portal Eldorado
Lantec
Envie sua Mensagem

Você é o visitante n°
16102145


Edicão n° 176 de Fevereiro 2018


Mais da metade de quem tem diabetes não checa sua glicemia
12/12/2017

Todo mundo conhece alguém que têm diabetes. Também, pudera, de acordo com a
pesquisa Life Insights: Health Report1 conduzida pelo portal Minha Vida, cerca de 1 em
cada 10 pessoas possuem a doença. Isso vem ao encontro das estatísticas nacionais:
um estudo publicado recentemente pelo Ministério da Saúde2 aponta que 8,9% dos
brasileiros afirmam conviver com a condição, cuja incidência cresceu em 61,8% nos
últimos 10 anos.

Por ser uma condição crônica, o diabetes precisa ser controlado constantemente. E sim,
com esse cuidado é possível levar uma vida cheia de saúde. E isso depende,
principalmente, do monitoramento diário da glicemia.

E é aí que está o problema: a pesquisa do portal Minha Vida revela que 1 em cada 3
diabéticos acredita não ser necessário checar os níveis de açúcar no sangue. No entanto,
fazer um monitoramento mais próximo de sua glicemia ajuda a saber se o tratamento
está indo bem, entender melhor as oscilações ao longo do dia, ter controle dos
alimentos que se ingere, prevenir possíveis complicações e até mesmo a evitar a
hipoglicemia noturna.


Dificuldades de medição
Apesar de 62,8% dos entrevistados que possuem diabetes considerarem importante
checar a glicemia, apenas 47,6% o fazem diariamente. E, dentre os que checam, 60,6%
o fazem apenas uma vez ao dia.

Mas por que as pessoas não fazem esse monitoramento? Dentre as dificuldades
encontradas, a maior parte dos respondentes (37,6%) destacou o preço elevado das
fitas de medição. Este obstáculo foi seguido pelo incômodo físico causado pela agulha
(18,4%) e pela falta de acesso ao glicosímetro (13,4%), aparelho necessário para
realizar esta medição em casa.

O estudo aponta ainda outro dado preocupante: 1 em cada 5 portadores deste quadro
não sabe o tipo de diabetes que tem. Identificar se o diabetes é tipo 1 ou tipo 2 é
fundamental para a escolha do melhor tratamento, afinal enquanto o primeiro é uma
condição autoimune, o segundo é muito mais impactado por mudanças de hábito, como
alimentação e exercícios.

Veja infográfico aqui: infogram.com/life-insights-diabetes-1hkv2nj79e9o6x3


Uma questão de hábito
A grande maioria dos entrevistados afirma utilizar medicamentos para tratar dos
sintomas associados à condição (70,8%). Mas, além dos remédios, é comprovado que o
controle da alimentação e a prática constante de atividades físicas são fundamentais no
tratamento e, em casos iniciais, podem até reduzir a quantidade de medicação
necessária.

"O exercício auxilia no ajuste do controle glicêmico e reduz a dose necessária de insulina
e medicamentos orais, além de diminuir o percentual de gordura e aumentar a massa
magra", conta a educadora física Luciana Mendonça Arantes, do Centro Avançado de
Recuperação e Estética Rio Claro (CARE). Mesmo assim, a atividade física parece ser o
hábito mais difícil de ser adotado. Apenas 35% dos respondentes com diabetes praticam
atividade física regularmente.

No que diz respeito à alimentação, a maioria entende bem como evitar açúcar e doces é
um passo importante (63,9% deles evitam o consumo de alimentos açucarados). No
entanto, apenas um terço deles faz um controle mais próximo dos carboidratos ingeridos
de modo geral, o que inclui massas, pães e tubérculos. Sabia que o pão francês é um
dos alimentos com maior índice glicêmico?

"O índice glicêmico representa a velocidade com que a glicose é absorvida no intestino:
quanto maior o IG, mais rápida é esta absorção, o que é ruim para quem tem diabetes",
afirma o nutrólogo Roberto Navarro, membro da Associação Brasileira de Nutrologia
(ABRAN). No entanto, apenas 45,9% observa esse índice na hora de escolher o que
comer, o que pode favorecer picos de insulina nas refeições (que, aliás, normalmente
são detectados com um monitoramento constante da glicose).

Por fim, 83,7% dos entrevistados afirmam não necessitar da aplicação de insulina.
Dentre aqueles que necessitam do medicamento, 66,7% o aplicam até 3 vezes ao dia.
Além disso, 8,9% sabem que precisam fazer a aplicação diária, mas preferem não fazê-
lo. Quanto ao método de aplicação do hormônio, a seringa é o mais frequente entre os
leitores (52,4%), seguida pela caneta de aplicação (40,5%) e pelo aparelho de aplicação
contínua (7,1%).



Sobre o Life Insights

O Life Insights é o departamento de pesquisas do Minha Vida, o maior portal de saúde e
bem-estar brasileiro, destinado a entender a fundo os hábitos e preferências dos leitores
do portal, identificando tendências de mercado. Os dados apresentados são da pesquisa
Life Insights: Health Report 2017, referentes a quem declarou possuir diabetes, base de
277 respostas.






Edicão n° 176 de Fevereiro 2018
14/02/2018 - Bloqueador de anúncios vai exigir ações de marketing nas empresas
14/02/2018 - Fuja da descamação da pele após exposição ao sol
14/02/2018 - 80 mil veículos devem usar a Free Way rumo ao litoral neste final de semana
14/02/2018 - Nova vacina para HPV amplia para 90% a proteção contra câncer da área genital
14/02/2018 - Balada Segura no Litoral autua 46 motoristas por embriaguez no Carnaval
14/02/2018 - Reativação de lombadas eletrônicas nas rodovias estaduais está em fase final
13/02/2018 - Segundo sorteio da Nota Fiscal Legal de Butiá foi realizado na sexta-feira (9)
13/02/2018 - Brigada Militar é destaque na formação de pilotos e instrutores
13/02/2018 - Brigada Militar executa Operação Avante Rodoviárias em diversas cidades gaúchas
12/02/2018 - Secretaria de Educação de Butiá oferece capacitação às merendeiras da Rede Municipal
09/02/2018 - Praia das mulatas em Barra do Ribeiro está entre os pontos impróprios para banho no RS.
08/02/2018 - Administração Municipal e comunidade escolar trabalham unidas em prol de melhorias de escolas, em Butiá
08/02/2018 - SMEC divulga calendário letivo 2018
08/02/2018 - Eldorado do Sul divulga locais de vacina contra febre amarela
08/02/2018 - Farmácia municipal está com novo horário de funcionamento
07/02/2018 - Marketing digital em 2018: saiba quais são as tendências
07/02/2018 - Teste de intolerância alimentar pode ajudar no emagrecimento
07/02/2018 - Plágio no Enem mostra que precisamos melhorar o ensino da escrita - e a correção da prova
07/02/2018 - OIT pede que governo revise pontos da reforma trabalhista
07/02/2018 - Segundo sorteio da Nota Fiscal Legal de Butiá é nesta sexta-feira, 09
07/02/2018 - Segundo sorteio da Nota Fiscal Legal de Butiá é nesta sexta-feira, 09
07/02/2018 - Pacientes com Mieloma Múltiplo ganham nova opção de tratamento, após oito anos de espera
07/02/2018 - Senac EAD lança pós-graduação Avaliação de Impactos Ambientais e Processos de Licenciamento Ambiental
07/02/2018 - Unidade Sesc/Senac Guaíba promove o curso de Gestão de Pessoas e Relacionamento Interpessoal
07/02/2018 - Região Central vai ganhar unidade exclusiva para reabilitação de pacientes
07/02/2018 - Inscrições para contratação de professores se iniciam nesta quinta-feira
07/02/2018 - Programa de combate à violência escolar recebe prêmio da Alap em setembro
07/02/2018 - Carnaval terá seis dias de fiscalização intensa com a Operação Viagem Segura
06/02/2018 - Mais de R$ 350 mil já foram repassados pela Prefeitura ao Hospital de Butiá
06/02/2018 - Secretaria de Obras do estado recebe demandas do município de Eldorado do Sul
06/02/2018 - Secretaria de Obras está trabalhando na limpeza de ruas e espaços públicos em Butiá
06/02/2018 - 95% das mulheres utilizam a internet como fonte de informação sobre saúde e bem-estar
06/02/2018 - Torneio de Vôlei de Dupla de Butiá será disputado no Balneário Ponte de Arame
06/02/2018 - Os riscos da atual alienação social e política
04/02/2018 - Barbearia Roque
03/02/2018 - Febre Amarela: saiba quem pode e não pode fazer a vacina
03/02/2018 - Equipe está trabalhando na limpeza do Cemitério Municipal de Butiá
03/02/2018 - Ar condicionado e calor: dicas para evitar que a conta de luz aumente muito no verão
03/02/2018 - Fevereiro Roxo: mal de Alzheimer pode ser tratado com Medicina Nuclear
02/02/2018 - Prefeito vistoria obras no Parque Eldorado
02/02/2018 - Charqueadas recebe etapa do Circuito Verão SESC
01/02/2018 - Agropecuária em Eldorado do Sul
01/02/2018 - Aluguel e Conserto de Ferramentas
01/02/2018 - Escritorio de Advocacia
01/02/2018 - Auto Elétrica em Arroio dos Ratos
01/02/2018 - Serviços de Contabilidade em Eldorado do Sul
01/02/2018 - Marmores e Granitos em Eldorado do Sul
01/02/2018 - Madeira Tratada em Arroio dos Ratos
01/02/2018 - Farmácia do Noel
01/02/2018 - Materiais de Construção
01/02/2018 - HV Concretos
01/02/2018 - Informática - Computadores - Acessórios- Serviços
01/02/2018 - Festas - locações
01/02/2018 - Imobiliária em Eldorado do Sul
01/02/2018 - Moda Masculina e Feminina - Lojas Davi
01/02/2018 - Dentista Urgência e Emergência
01/02/2018 - Produtos gráficos em Eldorado do Sul
01/02/2018 - Quer ter seu próprio negócio?
01/02/2018 - Mecânica e Retífica de Motores
01/02/2018 - A importância da Fisioterapia na sua saúde
01/02/2018 - Autopeças
01/02/2018 - Viagem Segura de Navegantes terá quatro dias de fiscalização intensa
01/02/2018 - Assembleia escreve página triste da história do Rio Grande do Sul, diz Sartori
01/02/2018 - Procedimento inédito e inovador é realizado no Hospital da Brigada Militar
31/01/2018 - Pracinhas de Madeira Tratada
31/01/2018 - Casas de Acolhimento de Guaíba recebem melhorias e ganham novos nomes
31/01/2018 - Quatro hábitos evitáveis que contribuem para o aumento na incidência de câncer entre jovens
31/01/2018 - Percentual de famílias endividadas volta a crescer e atinge 72,2% em janeiro
31/01/2018 - Campanha de Monitoramento da Qualidade da Água no entorno das obras de duplicação da BR-116/RS
31/01/2018 - Ser empresário é arriscar para realizar
31/01/2018 - O excesso de confiança dos consumidores contribui para o aumento de crimes virtuais
31/01/2018 - Soluções online e gratuitas para o MEI
31/01/2018 - SINDIHOSPA alerta para golpe contra familiares de pacientes
31/01/2018 - Eldorado do Sul confirma adesão à PPP do Saneamento
30/01/2018 - Torneio de Canastra foi realizado no Balneário Ponte de Arame
30/01/2018 - Butiá conquista novas viaturas e equipamentos para Brigada Militar e Polícia Civil
30/01/2018 - Unidade Sesc/Senac Guaíba promove o curso Preparando-se para o Primeiro Emprego
30/01/2018 - Psicoterapia Breve: a terapia dos tempos contemporâneos
30/01/2018 - Secretaria disponibiliza Cardápio de Alimentação Escolar 2018
11/01/2018 - Parque Eldorado ganha placas indicativas nas ruas
27/12/2017 - Saúde de Eldorado do Sul ganha novas viaturas
01/02/2017 - Lavagem automotiva
01/02/2017 - Estalagem Bom Samaritano



Edição n° 176 - Fevereiro 2018

Selecionar Edição
  • Edição n° 176
  • Edição n° 175
  • Edição n° 174













  • Av. Roque J. O. Giacomelli, nº 542, Pq. Eldorado - Eldorado do Sul - Fone (51) 3481 1821