Eldorado do Sul, Guaíba e Região Carbonífera, 19 de Fevereiro de 2018. Página Inicial | Contato
SEÇÕES
Artigo
Educação
Eldorado do Sul
Especial
Geral
Guaíba
Produtos e Serviços
Região Carbonífera
Saúde
Flagrante na Foto
Anunciantes
LINKS
Portal Eldorado
Lantec
Envie sua Mensagem

Você é o visitante n°
15921114


Edicão n° 176 de Fevereiro 2018


Entenda a relação do glúten com a sua saúde
07/12/2017

A discussão acerca dos alimentos que contêm glúten – farinha de trigo, cevada, centeio
e nos derivados dos mesmos cereais, como pão, macarrão, biscoito, bolo e tantos outros
produtos presentes nas mesas dos brasileiros – continua como um dos principais tópicos
quando o assunto é saudabilidade. Entre tanta opinião disseminada pela internet e até
mesmo pela mídia, Marcela Tardioli, consultora em nutrição da Associação Brasileira das
Indústrias de Biscoitos, Massas Alimentícias e Pães & Bolos Industrializados (ABIMAPI),
alerta: "somente um profissional da área da saúde, médico ou nutricionista, pode avaliar
e indicar a restrição do glúten da dieta do paciente, mediante diagnóstico de alergia ou
intolerância".

Para enriquecer o debate, a especialista separou algumas das principais dúvidas sobre
glúten na alimentação. Confira:

Qual o benefício do consumo do glúten?

O glúten é formado pela ligação entre duas proteínas, a gliadina e a glutenina, além de
outras moléculas, que formam uma substância aderente, com elasticidade e insolúvel
em água. Além disso, seu consumo se relaciona paralelamente à ingestão de
carboidratos, muitas vezes na versão integral, que traz benefícios nutritivos, como
saciedade e maior quantidade fibras, vitaminas, minerais na alimentação. Para mostrar
sua importância, um estudo analisou a dieta de 64.714 mulheres e 45.303 homens, no
período de 1986 até 2010, mostrando que nos casos restrição ao glúten sem
necessidade, notou-se um menor consumo de grãos integrais e um aumento do risco de
doenças coronarianas.

Posso substituir o glúten na minha dieta sem acompanhamento de médico ou
nutricionista?

Não. De acordo com o Conselho Regional de Nutricionistas (CRN), essa substituição só é
recomendada sob orientação de um médico (por diagnóstico), por meio de exames,
confirmando disfunções relacionadas, como a doença celíaca. Ou, quando eliminada a
hipótese de doença celíaca, existam sinais clínicos evidenciados no diagnóstico
nutricional de sensibilidade ao glúten. Somente para esses casos há a recomendação do
nutricionista para orientação da dieta, após diagnóstico médico.

É verdade que o nosso corpo não digere glúten?

Não. Em um indivíduo saudável o glúten é digerido normalmente para conseguir realizar
sua função nas células. Só terão problemas neste processo, pessoas que apresentem
doença celíaca ou sensibilidade ao glúten, onde especificamente essa proteína não
consegue ser digerida completamente.

Para evitar a retirada de glúten nestes casos, um grupo de cientistas do Instituto
Agrícola de Melhoramento Genético em Vegetais de Córdoba, Espanha, iniciou um
estudo para modificação experimental do trigo. Conforme explicado anteriormente, o
glúten é composto por duas proteínas, a glutenina e a gliadina, esta última a grande
responsável pelas reações indesejáveis da doença celíaca. Eles usaram uma técnica para
remover 90% das gliadinas no cereal, adicionando genes que desencadeiam um
processo chamado interferência de RNA, o que impede a produção de proteínas
específicas. Esta tecnologia de reduzir de forma precisa e eficiente a quantidade de um
dos compostos causadores da intolerância e sensibilidade ao glúten possibilitará
futuramente a formulação de novos produtos que apresentem o nutriente mesmo para
esse público.

Não me sinto bem quando consumo massa ou pão, sou intolerante ao glúten?

Não. Para determinar alguma doença relacionada ao consumo de glúten é necessário
acompanhamento de um profissional de saúde que poderá encaminhar os exames
necessários para determinar se apresenta algum tipo de intolerância ou sensibilidade. É
importante tomar cuidado, pois existem outras enfermidades com sinais semelhantes à
intolerância, como a síndrome do intestino irritável (SII), que causa dor abdominal,
inchaço, gases, diarreia e constipação, que são queixas frequentes usadas como
justificativa da retirada do glúten na alimentação.

Dieta livre de glúten ajuda na perda de peso?

Não. Muitas vezes esta informação é propagada, porém, na verdade a perda ou controle
de peso é gerado pela mudança na alimentação e nos hábitos de vida, como prática
regular de atividade física, dieta balanceada e o não tabagismo.

O glúten pode fazer parte de uma alimentação saudável?

Sim. Dentro de uma alimentação balanceada e hábitos saudáveis de vida, a presença de
glúten na dieta contribui para uma maior variedade de alimentos, principalmente os
carboidratos, como pães, massas e biscoitos, além dos grãos integrais, que apresentam
um aporte nutricional benéfico e uma quantidade de fibra necessária para o
funcionamento adequado do nosso intestino.

Porque pães sem glúten são menos macios?

Quando sovamos uma massa que contém glúten, criam-se estruturas capazes de
prender o gás carbônico gerado pelas leveduras do fermento. Traduzindo: isso faz com
que o pão tenha capacidade de crescer e conservar o seu tamanho. Por isso, aqueles
que não contem glúten tornam-se um pouco mais quebradiços e menos macios.

Retirar o glúten da dieta é uma maneira adequada de aumentar mais nutrientes na
alimentação?

Não. Um estudo recente divulgado em 2016 publicado na revista Clinical Nutrition,
mostrou que dietas sem glúten são mais pobres em fibras, principalmente pela exclusão
de alimentos naturalmente fontes de fibras, como os grãos. Também comprovou que
elas são um pouco mais pobres em ácido fólico e vitamina D.


Fonte: TREE Comunicação






Edicão n° 176 de Fevereiro 2018
14/02/2018 - Bloqueador de anúncios vai exigir ações de marketing nas empresas
14/02/2018 - Fuja da descamação da pele após exposição ao sol
14/02/2018 - 80 mil veículos devem usar a Free Way rumo ao litoral neste final de semana
14/02/2018 - Nova vacina para HPV amplia para 90% a proteção contra câncer da área genital
14/02/2018 - Balada Segura no Litoral autua 46 motoristas por embriaguez no Carnaval
14/02/2018 - Reativação de lombadas eletrônicas nas rodovias estaduais está em fase final
13/02/2018 - Segundo sorteio da Nota Fiscal Legal de Butiá foi realizado na sexta-feira (9)
13/02/2018 - Brigada Militar é destaque na formação de pilotos e instrutores
13/02/2018 - Brigada Militar executa Operação Avante Rodoviárias em diversas cidades gaúchas
12/02/2018 - Secretaria de Educação de Butiá oferece capacitação às merendeiras da Rede Municipal
09/02/2018 - Praia das mulatas em Barra do Ribeiro está entre os pontos impróprios para banho no RS.
08/02/2018 - Administração Municipal e comunidade escolar trabalham unidas em prol de melhorias de escolas, em Butiá
08/02/2018 - SMEC divulga calendário letivo 2018
08/02/2018 - Eldorado do Sul divulga locais de vacina contra febre amarela
08/02/2018 - Farmácia municipal está com novo horário de funcionamento
07/02/2018 - Marketing digital em 2018: saiba quais são as tendências
07/02/2018 - Teste de intolerância alimentar pode ajudar no emagrecimento
07/02/2018 - Plágio no Enem mostra que precisamos melhorar o ensino da escrita - e a correção da prova
07/02/2018 - OIT pede que governo revise pontos da reforma trabalhista
07/02/2018 - Segundo sorteio da Nota Fiscal Legal de Butiá é nesta sexta-feira, 09
07/02/2018 - Segundo sorteio da Nota Fiscal Legal de Butiá é nesta sexta-feira, 09
07/02/2018 - Pacientes com Mieloma Múltiplo ganham nova opção de tratamento, após oito anos de espera
07/02/2018 - Senac EAD lança pós-graduação Avaliação de Impactos Ambientais e Processos de Licenciamento Ambiental
07/02/2018 - Unidade Sesc/Senac Guaíba promove o curso de Gestão de Pessoas e Relacionamento Interpessoal
07/02/2018 - Região Central vai ganhar unidade exclusiva para reabilitação de pacientes
07/02/2018 - Inscrições para contratação de professores se iniciam nesta quinta-feira
07/02/2018 - Programa de combate à violência escolar recebe prêmio da Alap em setembro
07/02/2018 - Carnaval terá seis dias de fiscalização intensa com a Operação Viagem Segura
06/02/2018 - Mais de R$ 350 mil já foram repassados pela Prefeitura ao Hospital de Butiá
06/02/2018 - Secretaria de Obras do estado recebe demandas do município de Eldorado do Sul
06/02/2018 - Secretaria de Obras está trabalhando na limpeza de ruas e espaços públicos em Butiá
06/02/2018 - 95% das mulheres utilizam a internet como fonte de informação sobre saúde e bem-estar
06/02/2018 - Torneio de Vôlei de Dupla de Butiá será disputado no Balneário Ponte de Arame
06/02/2018 - Os riscos da atual alienação social e política
04/02/2018 - Barbearia Roque
03/02/2018 - Febre Amarela: saiba quem pode e não pode fazer a vacina
03/02/2018 - Equipe está trabalhando na limpeza do Cemitério Municipal de Butiá
03/02/2018 - Ar condicionado e calor: dicas para evitar que a conta de luz aumente muito no verão
03/02/2018 - Fevereiro Roxo: mal de Alzheimer pode ser tratado com Medicina Nuclear
02/02/2018 - Prefeito vistoria obras no Parque Eldorado
02/02/2018 - Charqueadas recebe etapa do Circuito Verão SESC
01/02/2018 - Agropecuária em Eldorado do Sul
01/02/2018 - Aluguel e Conserto de Ferramentas
01/02/2018 - Escritorio de Advocacia
01/02/2018 - Auto Elétrica em Arroio dos Ratos
01/02/2018 - Serviços de Contabilidade em Eldorado do Sul
01/02/2018 - Marmores e Granitos em Eldorado do Sul
01/02/2018 - Madeira Tratada em Arroio dos Ratos
01/02/2018 - Farmácia do Noel
01/02/2018 - Materiais de Construção
01/02/2018 - HV Concretos
01/02/2018 - Informática - Computadores - Acessórios- Serviços
01/02/2018 - Festas - locações
01/02/2018 - Imobiliária em Eldorado do Sul
01/02/2018 - Moda Masculina e Feminina - Lojas Davi
01/02/2018 - Dentista Urgência e Emergência
01/02/2018 - Produtos gráficos em Eldorado do Sul
01/02/2018 - Quer ter seu próprio negócio?
01/02/2018 - Mecânica e Retífica de Motores
01/02/2018 - A importância da Fisioterapia na sua saúde
01/02/2018 - Autopeças
01/02/2018 - Viagem Segura de Navegantes terá quatro dias de fiscalização intensa
01/02/2018 - Assembleia escreve página triste da história do Rio Grande do Sul, diz Sartori
01/02/2018 - Procedimento inédito e inovador é realizado no Hospital da Brigada Militar
31/01/2018 - Pracinhas de Madeira Tratada
31/01/2018 - Casas de Acolhimento de Guaíba recebem melhorias e ganham novos nomes
31/01/2018 - Quatro hábitos evitáveis que contribuem para o aumento na incidência de câncer entre jovens
31/01/2018 - Percentual de famílias endividadas volta a crescer e atinge 72,2% em janeiro
31/01/2018 - Campanha de Monitoramento da Qualidade da Água no entorno das obras de duplicação da BR-116/RS
31/01/2018 - Ser empresário é arriscar para realizar
31/01/2018 - O excesso de confiança dos consumidores contribui para o aumento de crimes virtuais
31/01/2018 - Soluções online e gratuitas para o MEI
31/01/2018 - SINDIHOSPA alerta para golpe contra familiares de pacientes
31/01/2018 - Eldorado do Sul confirma adesão à PPP do Saneamento
30/01/2018 - Torneio de Canastra foi realizado no Balneário Ponte de Arame
30/01/2018 - Butiá conquista novas viaturas e equipamentos para Brigada Militar e Polícia Civil
30/01/2018 - Unidade Sesc/Senac Guaíba promove o curso Preparando-se para o Primeiro Emprego
30/01/2018 - Psicoterapia Breve: a terapia dos tempos contemporâneos
30/01/2018 - Secretaria disponibiliza Cardápio de Alimentação Escolar 2018
11/01/2018 - Parque Eldorado ganha placas indicativas nas ruas
27/12/2017 - Saúde de Eldorado do Sul ganha novas viaturas
01/02/2017 - Lavagem automotiva
01/02/2017 - Estalagem Bom Samaritano



Edição n° 176 - Fevereiro 2018

Selecionar Edição
  • Edição n° 176
  • Edição n° 175
  • Edição n° 174













  • Av. Roque J. O. Giacomelli, nº 542, Pq. Eldorado - Eldorado do Sul - Fone (51) 3481 1821