Eldorado do Sul, Guaíba e Região Carbonífera, 12 de Dezembro de 2018. Página Inicial | Contato
SEÇÕES
Artigo
Educação
Eldorado do Sul
Especial
Geral
Guaíba
Produtos e Serviços
Região Carbonífera
Saúde
Flagrante na Foto
Anunciantes
LINKS
Portal Eldorado
Lantec
Envie sua Mensagem

Você é o visitante n°
26653281


Edicão n° 186 de Dezembro 2018


Desafios da primeira infância: como lidar com os personagens fantásticos
16/10/2017

Cuidar da infância é o melhor legado que você pode deixar para o seu filho. E este é o
período mais desafiador para os pais: quando vêm as perguntas mais difíceis e o diálogo
entre pais e filhos deve ser criado com atenção.

A primeira infância (dos zero aos seis anos) é o momento em que os pequenos estão
descobrindo o mundo e criando suas relações. Nessa fase, a criatividade "vai longe" e os
personagens fantásticos tomam conta de boa parte do dia a dia das famílias, como a
chapeuzinho vermelho, as princesas, os super-heróis, o lobo mau, monstros etc. Como
lidar com as crianças nesta fase tão peculiar?

Para a professora de Pedagogia da Anhanguera Santana, Cristina Colasanto, a fantasia é
saudável para o desenvolvimento infantil. "A criança utiliza o jogo de faz de conta para
expressar suas emoções, representar a sua realidade e vivenciar situações observadas
pelas ações do adulto", ressalta a pedagoga. A coordenadora da Clínica de Psicologia da
Anhanguera Jundiaí, Emilce Nalini, complementa que a fantasia também auxilia no
desenvolvimento neurológico e na transmissão de valores sociais, como bondade,
igualdade, compartilhamento etc.

Neste contexto, como a escola deve se preparar? Segundo a coordenadora de Pedagogia
da Faculdade Pitágoras, Maria Beatriz Soares, os educadores podem explorar as
atividades que envolvam contos e recontos, além da representação das crianças no
papel dos personagens.

Já em relação aos personagens de caráter mais negativo como bruxas, monstros e lobo
mau, os professores também podem contribuir com o desenvolvimento dos pequenos. A
docente Emilce afirma que é uma forma da criança aprender a diferenciar entre o que é
bom e o que é ruim, mas alguns personagens são incluídos erroneamente para
amedrontar a criança. "O adulto deve evitar o medo nas crianças como forma de
controle de comportamento: o limite deve ser feito com o estabelecimento de regras,
normas e conversas com as crianças", completa.

No entanto, conforme a mudança de faixa etária chega o momento da descoberta, de
que a fantasia não era tão real como se imaginava. A professora do curso de Psicologia
da Anhanguera Santana, Bianca Dalmaso, afirma que as crianças só lidam com esta
mudança como se fosse uma mentira quando os adultos insistem em quebrar o
entrelaçamento da fantasia/realidade. Caso a descoberta não seja feita até a entrada da
adolescência, a recomendação de Emilce é procurar a ajuda de um psicólogo.

Quer uma boa dica de como lidar com essa transição? A pedagoga Maria Beatriz indica o
incentivo à leitura e à contação de histórias junto com a explicação da moral dos contos
e as diferenças entre a fantasia e a realidade, cada um respeitando os questionamentos
de cada fase da criança.






Edicão n° 186 de Dezembro 2018
06/12/2018 - Encontro debate qualificação da gestão das escolas agrícolas
06/12/2018 - Servidores participam de Roda de Conversa pelo fim da violência contra mulheres
06/12/2018 - Operação Avante Papai Noel garante mais segurança nas compras de Natal
06/12/2018 - Prefeitura convida a comunidade a participar do Seminário do Plano Diretor
06/12/2018 - Prefeitura recebe banda musical do PROJARI
06/12/2018 - Rede de ensino municipal recebe novos computadores
06/12/2018 - Guaíba passa a ter vários CEPs.
06/12/2018 - Prefeitura de Butiá concede desconto e da prêmios para o pagamento do IPTU
06/12/2018 - Primeira Infância Melhor (PIM) realiza evento “Semana do Bebê”, em Butiá
06/12/2018 - Depósito de pães com fezes de roedores em supermercado é interditado
06/12/2018 - Saúde na Escola é abordado em seminário no Centro Administrativo
06/12/2018 - Selo do Inmetro será obrigatório para veículos movidos a GNV no RS
06/12/2018 - Homicídios e latrocínios têm queda no estado conforme dados da SSP
06/12/2018 - Operação desbarata organização criminosa que desviou milhões da saúde de Canoas
05/12/2018 - Bobinas de aço aumentam transporte de cargas no Porto de Porto Alegre
05/12/2018 - Viatura doada pela PRF à BM ajudará em ações de combate às drogas nas escolas
05/12/2018 - Cem mil gaúchos já têm a Carteira Nacional de Habilitação no celular
05/12/2018 - Bandidos são mortos ao tentarem assaltar a Caixa Federal em Arroio dos Ratos.
05/12/2018 - Kits de irrigação serão entregues a pequenos produtores rurais em 346 municípios
01/12/2018 - Pracinhas de Madeira Tratada
01/12/2018 - Anuncie no Jornal ECO do Jacuí
01/12/2018 - Farmácia no Parque Eldorado
01/12/2018 - Prazo para placas do Mercosul no RS será 17 de dezembro
01/12/2018 - Secretaria da Educação conclui processo eleitoral de diretores nas escolas estaduais
01/12/2018 - Casos de Aids registram redução progressiva nos últimos dez anos no RS
01/12/2018 - Zero discriminação às pessoas vivendo com HIV/Aids é tema de campanha publicitária e seminário no RS
01/12/2018 - Receita Estadual e MP desbaratam fraude milionária no ramo de alumínio
01/12/2018 - Levantamento alerta para infestação do Aedes aegypti em 93 cidades do RS
01/12/2018 - Dono de mercado é preso em fiscalização
01/12/2018 - Decreto prorroga prazo para convocação de professores em regime especial
01/12/2018 - Governo contrata 40 médicos reguladores para atuar no Samu estadual
01/12/2018 - Operação Primeiro Comando resulta em 18 prisões no combate a homicídios em Porto Alegre
01/12/2018 - A Vero, rede de adquirência do Banrisul, está lançando um plano com máquina de cartão gratuita. Ao aderir ao Plano Free, o credenciado pode ter a máqu
01/12/2018 - DNIT/RS conclui reforma da Ponte do Fandango em Cachoeira do Sul-RS
01/12/2018 - Último mutirão para desapropriações na BR-116/RS termina com 96% de acordo
01/12/2018 - Dermatologistas visitam escolas de Porto Alegre e incentivam fotoproteção das crianças
01/12/2018 - Plano Nacional Diabólico
01/12/2018 - Coluna da OAB/RS
01/12/2018 - Rematrículas e matrículas da Rede Municipal de Ensino iniciaram nesta segunda-feira (26), em Butiá
01/12/2018 - Atenção para a lista dos contemplados com vaga para a creche e outras informações importantes:
01/12/2018 - Prefeito garante dinheiro para a saúde, em Brasília.
28/11/2018 - Transporte escolar de Eldorado do Sul contará com inspetores escolares
28/11/2018 - Decreto torna área privada em espaço público no bairro Sans Souci



Edição n° 186 - Dezembro 2018

Selecionar Edição
  • Edição n° 186
  • Edição n° 185
  • Edição n° 184







  • Av. Roque J. O. Giacomelli, nº 542, Pq. Eldorado - Eldorado do Sul - Fone (51) 3481 1821